1. ArchDaily
  2. Ferrovias

Ferrovias: O mais recente de arquitetura e notícia

Estações ferroviárias de São Paulo viram ruína e União pode ser obrigada a recuperar os imóveis

No auge das ferrovias, em meados do século passado, o Estado de São Paulo chegou a ter cerca de 500 estações ferroviárias. Com o fim do transporte de passageiros por trens de longo percurso, durante a década de 1980 e início dos anos 1990, parte desse patrimônio ficou abandonada e, quando não sofreu saques e depredações, acabou ruindo por falta de conservação. Hoje, menos de 50% das estações continuam em pé, segundo a Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF).

EMBT revela proposta para revitalizar sete pátios ferroviários em Milão

EMBT lançou sua proposta para o projeto Scali Milano, que convidou cinco equipes arquitetônicas - EMBT, Stefano Boeri, MAD Architectes e Cino Zucchi Architetti - para reimaginar os pátios ferroviários em desuso na cidade.

FS Sistemi Urbani, em colaboração com o município de Milão e a região da Lombardia, iniciou uma consulta pública em toda a cidade para definir prioridades para sete centros ferroviários. Scali Milano visa transformar mais de um milhão de metros quadrados de terrenos baldios para áreas urbanas melhoradas.

Cortesia de EMBTCortesia de EMBTCortesia de EMBTCortesia de EMBT+ 30