Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Donald Trump

Donald Trump: O mais recente de arquitetura e notícia

Protótipos do muro entre México e EUA falham em testes de resistência

A viabilidade do muro entre Estados Unidos e México proposto pelo governo Trump está sendo amplamente criticada, e, até o momento, todos os protótipos de estruturas falharam em pelo menos um teste de resistência. Os oito protótipos de muro para a fronteira em Otay Mesa, Califórnia, foram montados no início de 2017 pelo Departamento de Segurança Nacional. A notícia vem a tona quando o governo se prepara para declarar situação de emergência, visando dar início à construção do muro ao longo da fronteira sul dos EUA.

Donald Trump e o medo do vazio

O que o arquiteto suíço e segundo diretor da Bauhaus, Hannes Meyer, poderia ter em comum com o excêntrico e vaidoso presidente dos Estados Unidos, Donald Trump? O artigo à seguir, escrito pelo Colectivo Arkrit, faz uma interessante reflexão a respeito do tema.

O muro de Trump e a impotência da arquitetura

Desde a ascensão de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos, a ameaça de levantar (na realidade, terminar) o muro definitivo que separará o México dos Estados Unidos motivou arquitetos e páginas de convocatórias a proporem uma solução "arquitetônica" para essa barreira.

Rosada ou inspirada na paleta cromática do deserto de Sonora. Com painéis solares ou em aço. Estritamente arquitetônica ou ligeiramente interdisciplinar, qualquer proposta de projeto é fútil. Na realidade, planejar essa proposta é fútil. Não se trata do muro, mas de uma hipotética solução ao seguinte diagnóstico: a imigração, em particular a mexicana, está prejudicando a sociedade norte-americana. É necessário voltar a um momento indefinido da história na qual os Estados Unidos foram grandes. Essa é a análise de Trump, que disse recentemente em sua primeira reunião com Angela Merkel, Chanceler alemã, que "a imigração é um privilégio, não um direito".

A opinião do arquiteto Andrew Tesoro sobre Donald Trump

Os Estados Unidos estão vivenciando esta que é, sem dúvidas, uma das campanhas presidenciais mais bizarras da história. Neste estranho contexto, o mundo da arquitetura se viu, inesperadamente, envolvido em uma controvérsia que diz respeito ao arquiteto Andrew Tesoro.

O envolvimento de Tesoro na campanha presidencial começou com um vídeo criado pela campanha de Hillary Clinton, a candidata do Partido Democrata. No vídeo, Tesoso conta a história de como ó candidato republicano, Donald Trump, "intimidou" a ele e seu estúdio, Tesoro Architects, devido aos 'muitos milhares de dólares" pagos por seus serviços. Posteriormente, Tesoro foi mencionado novamente por Clinton durante o debate presidencial de segunda feira passada, como exemplo de que a experiência empresarial de Trump não o qualifica para ser presidente.

Dada a natureza do vídeo da campanha, que foi certamente editado para mostrar Trump sob uma perspectiva negativa (note-se, ainda mais negativa), muitas pessoas começaram a se questionar se as opiniões de Tesoro e toda a história eram, de fato, reais. Em função da confusão em torno das opiniões de Tesoro, o ArchDaily decidiu oferecer ao arquiteto a oportunidade de esclarecer a situação. O que segue são as respostas de Tesoro a três questões sobre Donald Trump. As respostas não foram editadas pelo ArchDaily.