Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Cnc

Cnc: O mais recente de arquitetura e notícia

Como projetar e usinar uma estrutura de madeira com uniões ocultas

Novas tecnologias de fabricação digital, particularmente sistemas de comando numérico computadorizado (CNC), estão mudando a forma como projetamos e construímos estruturas em madeira. Seu alto nível de precisão nos permite desenhar montagens perfeitas - sem parafusos ou ferragens visíveis -, gerando estruturas resistentes, montagem rápida e com uma aparência extremamente limpa.

Conversamos com especialistas da Timber sobre aprofundar o processo de mecanização de uma estrutura de madeira, compilando uma série de dicas importantes para um desenho eficiente.

Cortesía de Timber Llaverías y Caballerizas Fundo el Galeno / Peñafiel & Valdivieso Arquitectos. Image © Francisco Croxatto Viviani Casa sobre las Rocas / Schwember García-Huidobro Arquitectos. Image © Nicolás Sánchez Cortesía de Timber + 25

Estes protótipos CNC foram mapeados em 3D a partir de formas naturais

Ishi Kiri / Fasetto. Cortesia de Anoma
Ishi Kiri / Fasetto. Cortesia de Anoma

Anoma, liderada pela artista indiana Ruchika Grover, é um estúdio de design de produto que explora o potencial da pedra natural. Suas superfícies, esculturas e instalações são criadas através de um processo único, que combina fabricação digital e mão de obra tradicional.

Ishi Kiri / Haibu. Cortesia de Anoma The breathing surfaces / Raza. Cortesia de Anoma Foliage / Monstera. Cortesia de Anoma Kinetic #07. Cortesia de Anoma + 23

Instalação feita de blocos de madeira compensada é premiada na Bienal de Tallinn 2017

Entre mais de 200 participantes, o escritório londrino Gilles Retsin Architecture venceu o concurso da Tallinn Architecture Biennale 2017 com sua instalação temporária. Os participantes foram desafiados a usar suas habilidades de fabricação e construção de forma inovadora e criativa. Martin Tamke, membro do júri, disse que a proposta de Retsin é "caracterizada por uma estética impressionante e intelectualmente desafiadora, pois questiona crenças e tendências atuais da arquitetura."

© Studio Naaro © Alina Chereyskaya © Studio Naaro © Studio Naaro + 23

Protótipo de abóbada de pedra feito com nenhum desperdício de materiais

O New Fundamentals Research Group, sediado na Itália, recentemente criou e construiu um protótipo em grande escala de uma estrutura abobadada experimental de pedra para a SNBR, uma empresa francesa especializada em construção de ponta com pedras. A estrutura é chamada Hypar Vault em uma referência à geometria de seus blocos constituintes e utiliza dois tipos de módulos de pedra pré-fabricados - um é a imagem espelhada do outro - cujos desenhos são baseados no hypar (paraboloide hiperbólico), uma das únicas superfícies "geometricamente duplas". O uso dessas configurações permitiu que a abóbada fosse construída com pedras e quase nenhum resíduo.

© Maurizio Barberio © Giuseppe Scaltrito © Maurizio Barberio © Maurizio Barberio + 29

AA Summer DLAB aplica o design computacional ao concreto

Este ano o programa Summer DLAB da Architectural Association (AA) culminou no Weave.X, um protótipo final de estruturas de concreto entrelaçadas tridimensionalmente. Projetado e fabricado por 21 participantes de 11 países, entre julho e agosto, o protótipo explora o design computacional, a racionalização da geometria, o comportamento do material e a fabricação robótica aplicada às técnicas de flexão de concreto e robótica. O resultado é uma rede de auto-sustentação de ramos de concreto que envolvem um invólucro amorfo.

© Architectural Association © Architectural Association © Architectural Association © Architectural Association + 12

Vídeo: Como construir uma escada espiral com uma router CNC

Neste vídeo, Ben Uyeda do HomeMade Modern, demonstra como construir uma escada espiral usando apenas uma haste metálica, madeira compensada e uma router CNC. Para construir a escada, Uyeda usa a CNC para cortar 12 peças de compensado de tamanho crescente, que depois são empilhadas em torno da haste na posição correta.

HomeMade Modern também disponibiliza gratuitamente um arquivo CAD, assim, os interessados podem tentar construir suas próprias escadas.

7 novos métodos de fabricação que nos levarão a uma nova arquitetura

Mergulhada em uma era de digitalização e computação, a arquitetura foi profundamente afetada na última década por aquilo que alguns críticos têm chamado de "Terceira Revolução Industrial". Com questões éticas e de produção muito presentes no atual discurso da arquitetura, projetos que tiram vantagem destas novas tecnologias são frequentemente criticados por sua natureza vazia e inconsistente. Por outro lado, temos presenciado a emergência de trabalhos que exemplificam o lado mais otimista desta "Terceira Revolução Industrial" -- uma arquitetura que se apropria das novas tecnologias e da computação para o bem comum de nossas cidades e seus habitantes. 

Compilamos sete destes projetos, que englobam desde exemplos de engenharia até produções mais artesanais; projetos que, 80 anos depois da publicação de um dos livros mais reverenciados de Le Corbusier, dão pistas de um novo horizonte -- por uma (nova) arquitetura. 

Instalação "The TWIST" na Timber Expo de Birmingham

O Emergent Technologies and Design Programme (EmTech) da Architectural Association School of Architecture de Londres exibiu recentemente seu projeto The TWIST na Timber Expo em Birmingham. O projeto é um experimento das propriedades da madeira compensada moída desenvolvido a partir de testes na escala 1:1. Através destes experimentos, The TWIST busca atingir o controle total das propriedades do material, desenvolvendo superfícies articuladas com a orientação de seus elementos variável. Saiba mais sobre o projeto, a seguir.

Construir menos, compartilhar mais: Arquitetura pelas pessoas e para as pessoas / Alastair Parvin

"Quando pensamos que os maiores conflitos ideológicos que herdamos giram em torno da pergunta de quem deveria controlar os meios de produção, hoje as tecnologias de informação digital parecem ter respondido com uma solução clara e radical: Nada, nenhum de nós." Com esta frase, Alastair Parvin explica como o surgimento do Free Software transformou as lógicas tradicionais de produção industrial graças à abertura em massa do suporte digital, onde a obtenção, elaboração e criação de informação é agora livre e compartilhada. Este fenômeno provocou um surgimento da metodologia denominada "faça você mesmo", onde os processos de projeto podem ser visualizados e baixados de qualquer parte do mundo e as pessoas são capazes de produzir suas ferramentas, a infraestrutura e os materiais necessários para poder construir, fabricar e elaborar seus próprios projetos, suscitando através do tempo uma espécie de "economia social da arquitetura". O que significa para as sociedades democráticas oferecer a seus cidadãos o direito de construir? Estamos próximos de passar de uma democratização do consumo à uma democratização da produção 

Conheça mais sobre a proposta de Parvin, a seguir.

Diagrama de junção Desenho do marco estrutural Diagrama Diagrama + 16

Em Detalhe: Edifício Comercial Tamedia, Shigeru Ban Architects

Já apresentamos o Edifício Comercial Tamedia, desenhado por Shigeru Ban Architects. A obra, composta totalmente com base nas secções pré-fabricadas de madeira, propõe um complexo e arriscado sistema de uniões com base em cortes e montagens prolixamente executados. Com o fim de se aprofundar um pouco mais nesta característica e abordar seus componentes estruturais, revisamos detalhadamente o processo de projeto e construção de uma estrutura portante que é capaz de prescindir de pregos, parafusos e qualquer outro tipo de união.

Cortesia de Blumer-Lehmann AG Cortesia de Blumer-Lehmann AG Cortesia de Blumer-Lehmann AG Cortesia de Shigeru Ban Architects + 23

Pavilhão Silk / MIT Media Lab

"Nossa pesquisa integra estratégias digitais de detecção de formas cuja fabricação é inspirada na biologia", afirma a página do MIT Media Lab's Mediated Matter Group. Apesar de soar como ostentação comum de arquitetura, é pouco provável encontrar alguma outra combinação de pesquisa científica, design digital e construção biomimética que seja um exemplo melhor do que seu recém concluído Pavilhão Silk.

© Steven Keating © Steven Keating © Markus Kayser Schematics of the human-constructed portion of the pavilion © Jorge Duro-Royo + 9