Ema Peter

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE FOTÓGRAFO

A Madeira Laminada Cruzada (CLT) é o concreto do futuro?

O concreto, um material de construção por excelência, nos ofereceu durante décadas a possibilidade de moldar nossas cidades de maneira rápida e eficaz, expandindo-se rapidamente em periferias urbanas ou atingindo alturas antes impensáveis pela humanidade. Atualmente, novas tecnologias de madeira estão começando a oferecer oportunidades semelhantes - e até mesmo superiores - às oferecidas pelo concreto, incluindo a madeira laminada cruzada (também chamada de Cross Laminated Timber ou CLT).

A fim de aprofundar em suas propriedades e benefícios, conversamos com Jorge Calderón, Designer Industrial da Pontifícia Universidade Católica de Valparaíso e Gerente da CRULAMM, que revela algumas das oportunidades promissoras que a CLT poderia oferecer à arquitetura no futuro.

"KITERASU" Edifício modelo em CLT na estação Kuse / ofa. Image © Ken'ichi SuzukiMINIMOD Catuçaba / MAPA. Image © Leonardo FinottiCapilla Sacromonte Landscape Hotel / MAPA Arquitetos. Image © Leonardo FinottiCortesía de Jorge Calderón+ 21

Centro Xiqu / Revery Architecture + RLP

© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter+ 49

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  28164
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: AutoDesk, Ducharme, Grasshopper, Kvadrat, McNeel, +10

Casa Sooke 01 / Campos Studio

© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter+ 24

Sooke, Canadá
  • Arquitetos: Campos Studio
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  137
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Ashley Norton, Duravit, Marvin, Standing Seam

7 Tendências em madeira para acompanhar em 2020

A história da construção em madeira remonta ao período neolítico, ou potencialmente até mais cedo, quando os humanos começaram a usar madeira para construir abrigos a partir de pequenas peças. O surgimento das primeiras ferramentas de pedra polida, como facas e machados, tornou o manuseio da madeira mais eficiente e preciso, aumentando a espessura das seções de madeira e sua resistência. Ao longo das décadas, a aparência rústica dessas primeiras construções tornou-se cada vez mais ortogonal e limpa, como resultado da padronização, produção em massa e o surgimento de novos estilos e estéticas.

Hoje estamos vivendo outro momento seminal na evolução da madeira. Nutridas e fortalecidas pelos avanços tecnológicos, novos sistemas de pré-fabricação e uma série de processos que aumentam sua sustentabilidade, segurança e eficiência, as estruturas de madeira estão surgindo nos skylines das cidades e, por sua vez, estão reconectando nossos espaços interiores à natureza através do calor, textura e beleza da madeira. Para onde esse caminho nos levará? Abaixo, analisamos 7 tendências que sugerem que esse progresso deve continuar, aumentando as capacidades e a altura dos prédios de madeira nos próximos anos.

Gymnasium Régis Racine / Atelier d'Architecture Alexandre Dreyssé. Image © Clément GuillaumeCanoeing Training Base / PSBA + INOONI. Image © Bartosz DworskiHälleskogsbrännan Visitor Center / pS Arkitektur. Image © Jason Strong PhotographyLa Seine Musicale / Shigeru Ban Architects. Image Cortesía de Blumer Lehmann+ 25

Restrições aos arranha-céus de vidro em Nova Iorque. Que materiais alternativos poderiam tomar seu lugar?

Em abril passado, o prefeito Bill de Blasio, de Nova iorque, anunciou planos para introduzir um projeto de lei que proibiria a construção de novos edifícios totalmente envidraçados. Parte de um esforço maior para reduzir as emissões de gases do efeito estufa em 30% da cidade, outras iniciativas incluíram o uso de energia limpa para abastecer as operações da cidade, a reciclagem obrigatória de resíduos orgânicos e a redução da compra de plásticos descartáveis e carne processada. O anúncio ocorreu logo após a aprovação da Lei de Mobilização Climática, uma resposta abrangente ao Acordo Climático de Paris que incluía telhados verdes necessários em novas construções e reduções de emissões em edifícios existentes.

Os melhores artigos do ArchDaily Brasil sobre madeira

Reunimos a seguir uma lista com nossos melhores artigos, notícias e projetos que abordam a partir das mais variadas perspectivas um dos materiais construtivos mais versáteis: a madeira.

House on the Bench / Sturgess Architecture

Naramata, Canadá
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  252
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017

Tutorial: Como construir (ainda) mais alto com madeira

Prédios altos de madeira estão em ascensão. Equipes de projeto em todo o mundo estão aproveitando as tecnologias em constante evolução para criar estruturas cada vez mais altas. A partir do nosso artigo recente que explora o futuro dos arranha-céus, estamos aprofundando as novas tecnologias emergentes de madeira e as vantagens de construir mais alto com madeira. Este tutorial explora como transformar em realidade as estruturas altas de madeira.

Brock Commons Tallwood House. Image © KKLawCourtesy of Perkins + WillWood Innovation and Design Centre . Image © Ema PeterBrock Commons Tallwood House. Image Courtesy of naturallywood.com+ 7

Casa Step / Measured Architecture

© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter+ 25

Vancouver, Canadá
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  890
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: 2Stone, Andlight, Artemide, Bensen, Duravit, +6

Sede da Valve / Clive Wilkinson Architects + JPC Architects

© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter+ 20

Estruturas de madeira são o futuro dos arranha-céus?

Ao longo dos últimos anos, o desenvolvimento de novas tecnologias e o aumento da procura por materiais e sistemas construtivos mais sustentáveis têm impulsionado o uso de estruturas de madeira na arquitetura do século XXI. Sistematicamente, a madeira se firmou como uma alternativa ao concreto e o aço, passando a ser amplamente utilizada também em projetos de arranha-céus e edifícios em altura. Ao longo dos últimos seis anos foram construídos - ou estão sendo construídos - mais de 44 edifícios em altura com estruturas de madeira. Segundo definição do Council on Tall Buildings and Urban Habitat, podem ser considerados arranha-céus edifícios construídos com estruturas de madeira com mais de quatorze pavimentos ou cinquenta metros de altura. Exemplos notáveis já foram notícia aqui no Archdaily Brasil, como o Edifício T3 desenvolvido em parceria entre a Michael Green Architecture e o DLR Group e a Torre HAUT, projetada pelo Team V Architectuur.

Os melhores projetos de arquitetura do mundo em 2019, eleitos pela Time

A lista World's Greatest Places 2019 da revista Time reúne os 100 melhores destinos no mundo para visitar, se hospedar, comer e beber. Selecionados pela equipe global de redatores e correspondentes da revista, os lugares foram avaliados segundo critérios de qualidade, originalidade, inovação, sustentabilidade e influência.

Dentre os lugares selecionados pela Time, reunimos a seguir os projetos de arquitetura que já foram publicados no ArchDaily. Conheça-os a seguir.

Aeroportos: exemplos em plantas e cortes

Aeroportos exigem soluções arquitetônicas que respondam não apenas à eficiência de seus espaços e circulações - tanto operacionais quanto de passageiros -, mas também às previsões de conexão com outros sistemas de transporte e às estratégias de expansão dos terminais.

Veja, a seguir, dez exemplos de aeroportos publicados em nossas plataformas que atendem as altas exigências envolvidas no transporte aéreo. 

Ninho AMS / DIALOG + B+H Architects

© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter+ 13

Vancouver, Canadá
  • Arquitetos: B+H Architects, DIALOG
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  11700
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: TAKTL

Piscinas cobertas: Trazendo a tranquilidade da água para os espaços internos

Dentro da arquitetura, a água evoca sentimentos de calma e bem-estar. O elemento influenciou os projetos através de sua natureza dinâmica e fluida. Com os recentes avanços tecnológicos, os arquitetos criaram algumas das intersecções mais inesperadas e inovadoras entre os projetos e a água.

Abaixo, fornecemos um conjunto de piscinas internas que destacam a aplicação da água em diferentes espaços, mostrando sua relação com a materialidade e o uso.

Esta coleção é um dos muitos agrupamentos interessantes de conteúdo feitos por nossos usuários registrados. Lembre-se que você pode salvar e gerenciar o que te inspira no My ArchDaily. Crie sua conta aqui.

© Mariela Apollonio© Yoshihiro Koitani + Aby Helfon y Ramón Helfon© Héctor Fernández Santos-Díez© Vinicius Nunes+ 30

30 banheiros abertos: incorporando brisa e natureza no espaço privado

O espaço privado é geralmente associado a esconder o que acontece dentro, permitindo que as pessoas tenham certos momentos de intimidade. Habitualmente, banheiros foram concebidos para este fim, reduzindo as aberturas a um mínimo ou - por vezes - eliminando-as completamente.

No entanto, sendo um espaço tão importante dentro de um edifício, os banheiros se tornaram um objeto de nova exploração para os arquitetos. Desfocando os limites da privacidade - sem perder completamente - esses espaços estão abertos para o exterior, permitindo a entrada da brisa. Como esta nova experiência é percebida? Confira 30 banheiros abertos que brincam com o sentimento de exibicionismo, sem revelar completamente o que está acontecendo dentro.

© Sean Fennessy© Luis Gordoa© Shannon McGrathTreeVilla at Forest Hills / Architecture BRIO. Image © Photographix+ 37

Teph Inlet / Omar Gandhi Architect

© Ema Peter
© Ema Peter

© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter© Ema Peter+ 19

Chester, Canadá
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Hunter Douglas, Caesarstone, Escenium HAUS, Farrow and Ball Paint, Kohler, +2