Exposição Acesso a Todos: Infraestruturas Arquitetônicas de São Paulo / Estúdio Mariana Vilela

Exposição Acesso a Todos: Infraestruturas Arquitetônicas de São Paulo / Estúdio Mariana Vilela

© Pedro Kok© Pedro Kok© Pedro Kok© Pedro Kok+ 29

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  600
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fotógrafo Fotografias:  Pedro Kok
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Lindinger Holztechnik, Reger Werbearchitektur, Steiner
  • Arquitetos Responsáveis:Mariana Vilela
  • Equipe De Projeto:Brunno Tolisani Resendes e Teo Butenas
  • Clientes:Architekturmuseum der TU München
  • Diretor Do Museu:Andres Lepik
  • Curadores Da Exposição:Daniel Talesnik, Andrés Lepik
  • Assistentes:João Bittar Fiammenghi, Marcello Della Giustina, Pia N ü rnberger, Anna List, Clara Pollak, Jakob Bahret, Mariana Lourenço, Anna - Maria Meister
  • Designer Gráfico:Kathryn Gillmore
  • Montagem:Andreas Bohmann, Thomas Lohmaier
  • Restaurador:Anton Heine
  • Desenhos De Arquitetura:Guilherme Pianca, Gabriel Sepe e equipe
  • Ilustrações:Danilo Zamboni
  • Entrevistas E Vídeos:Pedro Kok
  • Entrevistados:Marta Moreira, Renato Cymbalista, Alexandre Delijaicov, Marcos Rosa, Marina Grinover, Luis Loiola
  • Fotografias Originais:Ciro Miguel
  • Arquivos E Empréstimos:Anja Schmidt, Thilo Schuster
  • Assessoria De Imprensa:Simone Bader
  • Relações Públicas:Teresa Fankhänel
  • Secretaria:Marlies Blasl, Tina Heinemann, Rike Menacher, Tanja Nyc
  • Tum Liason Office For Latin America:Sören Metz
  • Revisão:Ilka Backmeister - Collacott, Dawn Michelle d'Atri, John Wriedt
  • Empréstimos:Instituto Bardi | Casa de Vidro, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP), Casa da Arquitectura Archiv – Centro Português de Arquitectura, Acervo da Biblioteca FAU - USP, Divisão de Projetos do Departamento de Edificações (EDIF), Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB), MMBB Arquitetos, Brasil Arquitetura, João Sodré, Maíra Bühler, Paulo Pastorelo, Lukas Pak, Marco A. de Avila, Rogério Alves, Romildo Silva, David Rego Jr.
  • Cidade:Munique
  • País:Alemanha
Mais informaçõesMenos informações
© Pedro Kok
© Pedro Kok

Descrição enviada pela equipe de projeto. A exposição realizada no Museu de Arquitetura da Universidade Técnica de Munique de 13 de junho a 8 de setembro de 2019, propôs reunir edifícios, espaços abertos, elementos infraestruturais de diversas escalas e usos – publico, semi-público, privado – tanto em sua dimensão histórica e social quanto a sua relação com o tecido urbano da cidade de São Paulo. O argumento principal da curadoria é que estes edifícios são, por vezes, exemplos notáveis da arquitetura paulista, outras apenas partes da infraestrutura da cidade. O que os torna extraordinários é sua capacidade de interação com o público e a cidade, e como a generosidade de seus espaços promovem diferentes tipos de interação.

© Pedro Kok
© Pedro Kok

Assim, o desenho desta exposição parte da ideia de criar uma (infra)estrutura simples, aberta e flexível em que os muitos aspectos da vida destes edifícios pudessem se revelar e que os visitantes explorassem o espaço como uma experiência corporal.

© Pedro Kok
© Pedro Kok
Planta
Planta
© Pedro Kok
© Pedro Kok
© Pedro Kok
© Pedro Kok

A primeira sala reúne oito edifícios divididos em duas categorias: Edifícios Multiprogramáticos [Centro Cultural São Paulo, Sesc Pompeia, Centros Educacionais Unificados e Sesc 24 de Maio] e Espaços Abertos [Marquise do Ibirapuera, CEAGESP, Praça das Artes e Elevado João Goulart]. O conceito primordial desta sala é densidade. Estruturas leves e transparentes inspiradas em andaimes servem de suporte para o conteúdo, permitindo que os visitantes descubram a multiplicidade destes edifícios percorrendo livremente um espaço permeável, cambiante e diverso.

© Pedro Kok
© Pedro Kok

A segunda sala é sobre leveza. Uma estrutura minimalista serve de suporte para um percurso pela Avenida Paulista, através de uma maquete em escala 1:200 e vídeos que mostram sua relação com os edifícios que dilatam sua promenade e as múltiplas atividades que suporta.

© Pedro Kok
© Pedro Kok

A terceira sala é sobre experiência espacial. Um banco inspirado na Marquise do Ibirapuera organiza o espaço e dá a oportunidade aos visitantes de viverem a atmosfera destes espaços enquanto são convidados a ativá-lo com diversas atividades.

© Pedro Kok
© Pedro Kok

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Munique, Alemanha

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Exposição Acesso a Todos: Infraestruturas Arquitetônicas de São Paulo / Estúdio Mariana Vilela" 08 Set 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/968140/exposicao-acesso-a-todos-infraestruturas-arquitetonicas-de-sao-paulo-estudio-mariana-vilela> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.