Os 100 anos do Instituto de Arquitetos do Brasil: entrevista com Maria Elisa Baptista

Os 100 anos do Instituto de Arquitetos do Brasil: entrevista com Maria Elisa Baptista

No dia 26 de janeiro de 2021, o Instituto de Arquitetos do Brasil comemora 100 anos de história. Desde os seus primeiros momentos, o IAB trabalhou na divulgação da arquitetura, na defesa e promoção de concursos públicos de projeto, participando ativamente de movimentos artísticos, políticos e sociais importantes na história do país. sempre buscando aprimorar o exercício profissional. De lá para cá, mudanças planetárias e urgências sociais globais tornaram ainda mais urgente a conscientização da classe quanto ao seu papel na transformação de nossas cidades, e o seu reconhecimento, também pela população, como um agente estratégico perante os desafios do novo milênio.

Em comemoração e reconhecimento à importância do Instituto de Arquitetos do Brasil, o Arquicast convida para uma conversa duas pessoas fundamentais na construção das pautas da atual gestão: a arquiteta e urbanista Maria Elisa Baptista, primeira mulher e atual presidente do IAB nacional; e o arquiteto Luiz Eduardo Sarmento, atual diretor de cultura do Instituto. As celebrações do centenário iniciaram-se ano passado, com a exposição “Instituto de Arquitetos do Brasil, Rumo ao Centenário”, no Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro, apresentando uma linha do tempo com os fatos marcantes da história da instituição, dentre eles o 1º Congresso Pan Americano de Arquitetos em Montevidéu no Uruguai em 1920, que foi um marco para a criação do instituto no ano seguinte.

Pode-se dizer que a história do Instituto se confunde com as aspirações da arquitetura brasileira por um maior destaque no cenário nacional, enfatizando a importância do arquiteto urbanista na construção de cidades melhores. Além disso, o IAB tem como característica uma atuação política importante, se posicionando de forma independente e apartidária frente a questões importantes do cenário nacional, como a luta conta a Ditadura de Getúlio Vargas e o apoio ao movimento Diretas Já, em oposição à ditadura militar ocorrida no Brasil desde 1964.

Um dos grandes desafios da atual gestão, segundo Maria Elisa, é o engajamento com os jovens arquitetos e uma comunicação efetiva e participativa diante de um mundo ao mesmo tempo conectado e disperso. O engajamento profissional é a principal bandeira da instituição, que só existe pela iniciativa e disponibilidade voluntária de seus membros, profissionais que enxergam um sentido de coletividade como um valor inerente à prática arquitetônica e urbana.

Neste centenário, o IAB se prova como uma organização civil fundamental na evolução de uma cultura profissional comprometida com a sociedade e com o meio ambiente em que vive. O ano de 2020, em função da pandemia, trouxe à tona a percepção de como a qualidade de nossas cidades e casas interfere no bem estar geral e pode contribuir na construção de contextos menos excludentes, mais igualitários.

Ouça o podcast aqui.

Texto por Adilson Amaral e Aline Cruz.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Arquicast. "Os 100 anos do Instituto de Arquitetos do Brasil: entrevista com Maria Elisa Baptista" 26 Jan 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/955788/os-100-anos-do-instituto-de-arquitetos-do-brasil-entrevista-com-maria-elisa-baptista> ISSN 0719-8906

Mais entrevistas em nossoCanal de YouTube

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.