Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Casa I / THIERMANNCRUZ

Casa I / THIERMANNCRUZ

© Erieta Attali © William Rojas © Erieta Attali © Erieta Attali + 32

Casas  · 
Santiago, Chile
  • Engenharia Estrutural

    Osvaldo Peñaloza
  • Construtor

    Constructora Antumalal
  • Arquitetos Responsáveis

    Alfredo Thiermann e Sebastián Cruz
  • Equipe

    Rafael Urcelay
Mais informações Menos informações
© Erieta Attali
© Erieta Attali

Descrição enviada pela equipe de projeto. Casas boas são objetos confeccionados tanto para organizar o território, quanto para distanciar seus habitantes, o máximo possível, do solo. Este sempre foi o caso no Chile. Desde a época da colônia, a casa chilena é a prova construída dessa dupla condição, incorporando uma variação tipológica de uma casa pátio. As antigas casas chilenas costumavam organizar o território com base na produção agrícola e, da mesma forma, articulavam uma vida doméstica específica distanciada dele.

© Erieta Attali
© Erieta Attali
Implantação (A2 esc. 1-100)
Implantação (A2 esc. 1-100)
© Erieta Attali
© Erieta Attali

Essas casas organizavam cíclica e circularmente, em torno de seus pátios e galerias, a vida doméstica, paralela ao tempo cíclico e circular que governava a produção agrícola. Desde a segunda metade do século XIX, essa tipologia estava desaparecendo, não por causa da obsolescência espacial que propunha, mas sim como conseqüência do desvanecimento do tipo de vida e do solo que ela costumava organizar.

© Erieta Attali
© Erieta Attali
Corte C  (A4 esc. 1-100)
Corte C (A4 esc. 1-100)
© Erieta Attali
© Erieta Attali

Diante de um tipo diferente de vida e organização territorial, a Casa I está localizada em um local anteriormente suburbano, recentemente dividido em três partes menores. Este modesto processo de densificação exemplifica como uma configuração urbana se expande para a periferia da cidade de Santiago, colonizando terras anteriormente estritamente suburbanas e reduzindo a projeção da casa a uma frente mínima de 4,8 metros, implantada no centro de um lote de 20 por 40 metros, subdividindo-a em uma série de pátios diferenciados.

© Erieta Attali
© Erieta Attali

Cada interior da casa está ligado - pelo menos - a dois pátios, que por sua vez são tratados como interiores, pela construção de móveis e pela posição da vegetação. Negociando a diferença entre a estrutura irregular do local e a geometria regular proposta pela casa, a linha do limite estava localizada a alguns metros da linha oficial, fazendo com que um pátio murado literalmente levasse a monotonia que define a calçada

© Erieta Attali
© Erieta Attali

Esquivando-se do campo aberto proposto pela cidade-jardim nestes setores da cidade, promovendo muros altos e ante-jardins cheios de cães raivosos, a fachada desta casa é transformada em um pátio íntimo, trazendo vida de forma inerente para a rua.

© William Rojas
© William Rojas
Planta Pavimento Superior(A2 esc. 1-100)
Planta Pavimento Superior(A2 esc. 1-100)
© Erieta Attali
© Erieta Attali

Um sistema calibrado de portas deslizantes e pivotantes orquestra a vida dentro da casa. Na abertura e no fechamento, estes permitem várias formas de conexão e desconexão entre compartimentos interiores - e entre estes e os espaços exteriores que a planta propõe. Como dispositivos de mediação, as portas dessa casa ajudam a superar dois tipos genéricos de organização espacial: o corredor e o planta livre.

© Erieta Attali
© Erieta Attali

Neste caso, as portas permitem a subdivisão e a separação, mas também a flexibilidade e a contaminação simultânea entre as várias partes do programa doméstico. A cozinha, as salas de estar e a sala de jantar e os pátios podem ser combinados em um único recinto grande, ou podem ser diferenciados e subdivididos dependendo do clima, da estação ou de qualquer produto imprevisto da imperfeição usual da vida doméstica.

© Erieta Attali
© Erieta Attali

As superfícies interiores do volume suspenso são definidas por um tecido de diferentes cores e texturas de madeira, criando uma repetição incessante de elementos de construção que cobrem céus, pisos e paredes. Um manto de concreto pré-fabricado preto de cinco centímetros de espessura cobre o exterior da casa, como se fosse uma mortalha, deixando a expressão para a rua completamente opaca. Como a casa que Des Esseintes projetou para si na obra literária, a diversão continua lá dentro.

© Erieta Attali
© Erieta Attali

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa I / THIERMANNCRUZ" [Casa I / THIERMANNCRUZ] 30 Ago 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Martino, Giovana) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/923237/casa-i-thiermanncruz> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.