Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Conheça o júri do Concurso de Curadoria para a XII Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo

Conheça o júri do Concurso de Curadoria para a XII Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo

No ano de comemoração de seus 75 anos, o Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento de São Paulo (IABsp) abre, no dia 14 de maio de 2018, o concurso inédito para apresentação de propostas de curadoria para a XII Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo que acontecerá durante os meses de setembro a dezembro 2019.

Este concurso buscará propostas que questionem ou problematizem o status quo da Arquitetura e do Urbanismo. Interessa portanto que os argumentos para a Bienal se valham da sua posição de importância do evento e contribuam com o debate sobre as cidades e o papel essencial que arquitetas e arquitetos devem prestar à sociedade. 

Para isso, tendo em vista a relevância dessa bienal e a proposta de um processo aberto e mais democrático,o IABsp selecionou para o júri profissionais nacionais e internacionais, respeitando a variedade, raça, gênero, área de atuação e regiões do Brasil e do mundo com a intenção de tornar o resultado o mais representativo possível.

Veja abaixo essa seleção divulgada no dia 10 de Julho.

Adèle Naudé Santos - Estados Unidos

Sócia da Santos Prescott & Associates, sediada em San Francisco, e ex-professora de Arquitetura e Estudos Urbanos e Planejamento do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Foi decana da Escola de Arquitetura e Planejamento por dez anos até junho de 2014, é arquiteta e urbanista cuja carreira combina prática profissional, pesquisa e ensino. Sua carreira acadêmica inclui docência nos programas de graduação da UC Berkeley, Harvard, Rice University e da Universidade da Pensilvânia, onde também atuou como presidente do Departamento de Arquitetura. Foi nomeada decana da Escola de Arquitetura e Planejamento no MIT em 2004. Também foi  diretora fundadora da nova Escola de Arquitetura da Universidade da Califórnia, em San Diego, e atuou como professora visitante no Estados Unidos e no mundo, incluindo a Itália e sua terra natal África do Sul.

André Aranha Corrêa do Lago - Brasil

Diplomata e atual embaixador do Brasil no Japão. Antes de chegar a Tóquio, atuou na área de Mudança do Clima e de Desenvolvimento Sustentável, quando foi negociador-chefe do Brasil para Mudança do Clima e para a Conferência Rio+20 (2012). Como crítico de arquitetura, é autor de diversos livros e artigos. Foi co-curador, com Lauro Cavalcanti, da mostra “Encore moderne? Architecture brésilienne: 1928-2005” (outubro de 2005 a janeiro de 2006) na “Cité de l’architecture”, em Paris, curador da mostra “Arquitetura brasileira vista por grandes fotógrafos”, no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo (junho a agosto de 2013), e curador do Pavilhão do Brasil na Bienal de Arquitetura de Veneza (2014). É membro do Conselho da Fundação Oscar Niemeyer, do Conselho Editorial da Revista de Arquitetura Monolito e do fórum de arquitetura e urbanismo Arq.Futuro. Integrou o Comitê de Arquitetura e Design do Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA) entre 2005 e 2016. Desde 2017, é membro do júri do Prêmio Pritzker de Arquitetura.

Carla Juaçaba - Brasil

Desde 2000, Carla Juaçaba desenvolve sua prática independente de arquitetura e pesquisa com sede no Rio de Janeiro. Seu escritório inclui projetos públicos e privados, com foco em habitação e programas culturais. Ainda na graduação, trabalhou com a arquiteta Gisela Magalhães da geração do Arq. Oscar Niemeyer, na área de expografia em museus históricos.
Durante seu primeiro ano após a faculdade 2000, trabalhou em projetos residenciais: Casa Atelier 2001, Casa Rio Bonito 2005, Casa Varanda 2007, Casa Mínima 2008. Em 2012 concebe e constrói o pavilhão efêmero “Humanidade 2012” para o evento internacional Rio+20, em  parceria com a cenógrafa e diretora de teatro Bia Lessa. Em 2013-14 desenvolve o projeto do primeiro Hospice do Brasil, para a Fundação do Câncer. Em 2015 realizou o projeto de expografia “Tarsila e as mulheres modernas do Rio” no museu do MAR-RJ. No momento finaliza os projetos Residências: Casa Santa Teresa 2016; Casa Linear 2016; e Casa Posse 2016.
Trabalha constantemente no meio acadêmico, Bienais  e Workshops. Conferência nas universidades: Harvard GSD; University of Toronto - Daniels; Columbia GSAPP; Universidade da Flórida UF; Escola da Cidade SP; Universidade Woodburry; Latitudes-Universidade do Texas em Austin.  Workshop na Universidade de Veneza IUAV em 2014;  Em 2014 foi convidada para expor na bienal de Veneza - Pavilhão do Brasil; e recentemente foi o Júri da BIAU Bienal Ibero Americana em Madrid 2012. Ganhou a primeira edição do Prêmio Internacional de arquitetura para mulheres ArcVision em 2013, e recentemente foi nomeada para o Prêmio Schelling Architecture 2014; MCHAP 2014 e o Prêmio Architectural BSI Swiss. Ensinou na PUC-RJ e foi professora convidada no City College of New York CCNY em 2016. Esse ano participa da Bienal de Arquitetura de Veneza com o projeto Ballast, e também com a construção de uma das dez capelas para o pavilhão da Santa Sé.

Fabiane Carneiro - Brasil - Representante IABsp

Arquiteta, urbanista e artista. Integra a atual gestão do IAB/SP - Instituto de Arquitetos do Brasil/Departamento São Paulo (2017-2019) e é co-fundadora e integrante do Coletivo Cartográfico (desde 2011). Fabiane é graduada em arquitetura e urbanismo pela Universidade Federal do Paraná (1996) e pós graduada pela FAU - Universidade Presbiteriana Mackenzie (2008) e pela FUPAM-USP (2011). Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em projetos urbanos, e na área de Artes, com ênfase em dança contemporânea e performance. Pesquisa a cidade na interface com a dança, a performance e as artes visuais.

Gabriela Leandro Pereira - Brasil

Arquiteta e urbanista formada pela Universidade Federal do Espírito Santo, com mestrado e doutorado realizado no Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal da Bahia. Vencedora do Prêmio de Teses da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional (ANPUR) em 2016, como trabalho intitulado "Corpo, discurso e território: Cidade em disputa nas dobras da narrativa de Carolina Maria de Jesus". Professora do curso de Arquitetura  e Urbanismo da Universidade Federal da Bahia, em Salvador, tem como principais áreas de ensino e pesquisa: narrativa, história e memória da cidade; história da arquitetura e do urbanismo; processos urbanos contemporâneos; política e cultura urbana; linguagem e representação. Seus trabalhos atuais focam em construir aproximações e abordagens que articulam o campo da arquitetura, urbanismo e planejamento urbano do debate étnico-racial.

Glória Cabral - Paraguai

Arquiteta formada pela Universidad Nacional de Asunción é sócia do escritório Gabinete de Arquitectura. Recebeu, em 2018, o Prêmio Moira Gemmill para Arquitetura Emergente da revista britânica The Architectural Review. Em 2016 seu escritório foi vencedor do Leão de Ouro da Bienal de Arquitetura de Veneza como a melhor participação com a exposição Breaking The Siege. Foi nomeada, em 2014, para o programa The Rolex Mentor and Protégé Arts Initiative tendo como seu mentor o arquiteto suíço Peter Zumthor e, em 2010, recebeu o primeiro lugar no prêmio da Bienal Panamericana como responsável pelo Centro de Rehabilitación Infantil Teletón.

Marcela Ferreira - Brasil - Representante IABsp

Graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo e mestranda em Gestão e Políticas Públicas pela Fundação Getúlio Vargas. É membro da Diretoria do Instituto de Arquitetos do Brasil, Departamento de São Paulo (2017-2019). Atua profissionalmente como coordenadora de projetos e consultora em desenvolvimento urbano no Urbem e também se dedica a atividades de pesquisa voltadas à análise de políticas públicas. Possui experiência no desenvolvimento de projetos de arquitetura e urbanismo no Brasil, EUA e Holanda e colaborou nos escritórios Vigliecca & Associados e OMA - Office for Metropolitan Architecture.

Marisa Moreira Salles - Brasil 

Editora e designer, é cofundadora da BEI Editora. Criou também as plataformas multimídia Arq.Futuro, voltada para a discussão sobre cidades, e Por Quê? – economês em bom português.  Membro do Conselho da Fundação Bienal de São Paulo e do Conselho Consultivo da Reitoria do MIT School of Architecture and Planning, foi jurada da Bienal de Arquitetura de Veneza (2016). 

Patricia Anahory - Cabo Verde

Arquiteta e designer, mestre em arquitetura pela Universidade de Princeton com formação  pela Faculdade de Arquitetura de Boston. Em 2000, se tornou a segunda mulher em 113 anos a ganhar a renomada bolsa  Roch Traveling Scholarship, e a primeira vencedora do concurso de design a viajar para a África Subsaariana. De 2009 a 2012, foi diretora fundadora do CIDLOT, um emergente centro de pesquisa multidisciplinar aplicada da Universidade de Cabo Verde, que aborda a dinâmica de assentamento, crescimento e desenvolvimento urbano. Em 2011, co-fundou o xu: coletivo, um coletivo de arte interdisciplinar, agora como prática profissional, a fim de promover uma compreensão crítica das dinâmicas urbanas, arquitetura,  meio ambiente e intermídias. Uma de suas últimas colaborações, com o cineasta e desenvolvedor web César Schofield Cardoso, “Storia [na] Lugar / [un]grounding narratives” é uma plataforma de mídia participativa e projetos de mapeamento, desenvolvidos por meio do envolvimento direto com comunidades em contextos marginalizados, um espaço para experimentação criativa e diálogo interdisciplinar

Pedro Vada - Brasil - Representante IABsp

Arquiteto e urbanista formado, em 2008, pela Escola da Cidade, onde também concluiu a especialização em Arquitetura, Educação e Sociedade. É professor na Escola da Cidade e Estácio de Sá, lecionou sobre Planejamento Territorial na pós-graduação da Fundação Escola de Sociologia e Política. É editor de projetos no site ArchDaily e suas plataformas, diretor do IABsp e desenvolve pesquisas e projetos urbanos com o setor público e privado, destacando as Prefeituras de São Paulo, São Bernardo do Campo e São José dos Campos, Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, SABESP e Sesc.

Thiago de Andrade - Brasil

Arquiteto e urbanista formado pela Universidade de Brasília (FAU-UnB), com pós-graduação em Docência no Ensino Superior. Desde 2015 é Secretário de Estado de Gestão do Território e Habitação no Governo do Distrito Federal. Desde cedo conciliou prática profissional, a partir do escritório próprio aberto em 2004, com a participação em importantes fóruns da sociedade civil e do poder público que discutiam temas como o direito à cidade e planejamento urbano.
Foi Diretor Cultural e Conselheiro no Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-DF), entre 2010 e 2013, ano em que foi eleito presidente da entidade. Entre outras ações culturais no Instituto, promoveu o funcionamento da Comissão de Políticas Urbanas (CPU), atuante fórum com encontros semanais de discussões sobre o uso e a ocupação do território no DF.
No mesmo período atuou como consultor do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Enquanto foi membro da diretoria do IAB-DF, Thiago de Andrade integrou a coordenação de diversos concursos públicos nacionais de arquitetura, entre eles das Passagens Subterrâneas de Pedestres sob o Eixão e para o Pavilhão do Brasil na Expo Milão 2015.
Ocupou assento no Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan). Andrade também foi premiado no concurso Nova Arquitetura de Brasília (2007) e teve trabalhos expostos na Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo e no Brazilian Design&Perspective, em Singapura. Além de ter sido júri de alguns outros prêmios e concursos públicos de projeto, em especial, a participação no Júri Nacional do Opera Prima, foi também integrante da comissão julgadora nacional do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade nos anos de 2014 e 2017.

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este autor
Cita: Pedro Vada. "Conheça o júri do Concurso de Curadoria para a XII Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo" 05 Jul 2018. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/897517/conheca-o-juri-do-concurso-de-curadoria-para-a-xii-bienal-internacional-de-arquitetura-de-sao-paulo> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.