O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Centro Comunitário
  4. Colômbia
  5. Estudio Herreros
  6. 2017
  7. Ágora-Bogotá / Estudio Herreros + Consorcio Bermúdez Arquitectos

Ágora-Bogotá / Estudio Herreros + Consorcio Bermúdez Arquitectos

Ágora-Bogotá / Estudio Herreros + Consorcio Bermúdez Arquitectos
Ágora-Bogotá / Estudio Herreros + Consorcio Bermúdez Arquitectos , © Enrique Guzmán
© Enrique Guzmán

© Enrique Guzmán © Javier Callejas © Javier Callejas © Enrique Guzmán + 16

  • Arquitetos

  • Localização

    Bogotá, Bogota, Colômbia
  • Autores do projeto

    Juan Herreros, Daniel Bermúdez, Jens Richter
  • Diretores

    Ramón Bermúdez, Gonzalo Rivas, Stan Van der Maas
  • Equipe

    Carmen Antón (eH), Juan Carlos Ardila , David Barbosa, Jaime Barrera , Julián Beltrán, Camilo Brito, David Caballero, Laura Dorado, María Franco, Raúl García, David Gómez, Airam González, Iván Guerrero, Andrés Gutiérrez, Sergio Jiménez, Víctor Lacima, Juan Fernando Martínez, Margarita Martínez, Ana María Noriega, Juan Camilo Ortegón, Mª Ángeles Peñalver, Abraham Piñate, Juan Reyes, María Ríus, Alberto Roa, Luis Ángel Rivera, Esteban Salcedo, Beatriz Salinas, Paula Sopó, Martha Sosa Dias, Catalina Venegas
  • Área

    70000.0 m2
  • Ano do projeto

    2017
  • Fotografias

  • Projeto Estrutural

    Consorcio PyP (A. Palomino, C. Palomino), CNI (N. Parra), BAC ECG (L. Moya, X. Aguiló, C. Gastelbondo).
  • Sustentabilidade

    (J. Ramírez, S. Varón), ARUP (R. Rodríguez).. MODELACION ENERGETICA: SES (T. Uribe).
  • Fachadas

    ARUP (I. Fernández Solla).
  • Identidade

    OAC (N. Chaves y J. Gallego).
  • Projeto de Iluminação

    ALS (A. Aman, M. Juarrero), MTS (M. T. Sierra, J. Laverde).
  • Acústica

    ADT (D. Duplat), AKUSTIKS (J. Soler, C. Blair, S. Brandt).
  • Audiovisual

    AKUSTIKS (J. Soler, S. Brandt).
  • Paisagismo

    D. Wiesner.
  • Silvicultura

    E. Bermúdez.
  • Mais informações Menos informações
© Javier Callejas
© Javier Callejas

ÁGORA-BOGOTÁ não se conforma em ser um mero centro de convenções utilizado por visitantes esporádicos que apenas tem contato com a cidade, mas pretende elevar-se à categoria de edifício público incorporado ao imaginário de todos os cidadãos. Para tanto, os esforços do projeto foram concentrados, por um lado, em atender exigências coletivas e, por outro, exigências específicas. Entre as primeiras encontra-se a necessidade de oferecer uma imagem capaz de representar as aspirações de uma sociedade em transformação e a de convocar uma sensibilidade em relação ao meio ambiente que insira o edifício nas preocupações do presente. As segundas se concentram em aspectos práticos, como criar um sistema de circulação facilmente compreensível, uma distribuição invisível porém hierarquizada que é em si mesma o esquema logístico do edifício e, por fim, uma flexibilidade que aceite a formatação de espaços muito diversos. Para isso foram adotadas duas novas decisões: a de organizar o sistema logístico em torno de 4 grandes núcleos verticais de circulação, serviços e áreas técnicas que a partir das esquinas atendem e fazem possível a presença de diversos programas, além de eliminar os pisos inclinados nos auditórios e seu mobiliário fixo usual para poder descrever ÁGORA-BOGOTÁ como um local de encontros e atividades tão diversas quanto a imaginação de seus programadores.

© Enrique Guzmán
© Enrique Guzmán

A escala do complexo e a riqueza de seus percursos internos permitem concebe-lo como um fragmento da cidade encapsulado. Neste conceito, um saguão monumental coberto recebe aos usuários e da acesso à grande entrada que funciona como uma praça principal rodeada por uma série de lugares de reunião conformando uma marca na planta do edifício cujas dimensões coincidem com as dos quarteirões do centro histórico, que remontam da época de fundação da cidade. A sequência saguão-entrada é o início de uma distribuição em espiral ascendente marcada por uma série de praças que, na verdade, são mirantes direcionados aos quatro pontos que conformam a cidade - os Cerros, o centro histórico, a savana e os novos empreendimentos em direção ao aeroporto. A partir desses observatórios privilegiados, o edifício se transforma em um dispositivo para contemplar e compreender a cidade e sua geografia.

Diagrama do Programa
Diagrama do Programa

Em termos de construção e tecnologias empregadas, foi marcante o esforço em alcançar uma confluência holística entre os sistemas estruturais, as instalações e os sistemas construtivos em um conjunto unitário. A confluência dos três elementos técnicos mencionados se materializa em uma série de espaços diáfanos com um avançado sistema de climatização passiva que dispensa todo maquinário de ar condicionado em favor da ventilação natural que aproveita o clima local criando uma feliz simbiose do edifício com o ecossistema que habita. Os materiais utilizados foram guiados pela sobriedade e revelam com clareza o funcionamento do edifício, cedendo todo o protagonismo ao espaço que se entrega aos usuários, seus verdadeiros atores principais. 

© Enrique Guzmán
© Enrique Guzmán
Planta Térreo-
Planta Térreo-
© Enrique Guzmán
© Enrique Guzmán
Planta
Planta

A fachada é, sem dúvida, a peça chave deste conjunto técnico. Construída por peças de grandes dimensões que incorporam uma subestrutura, os vidros de diferentes tamanhos e os brises regulados eletronicamente que abrem espaço para o ar externo, ela se comporta como uma pele sensível de resposta variável que reage às condições oscilantes de temperatura, insolação e umidade do clima de Bogotá. A fachada é, por fim, a expressão na cidade da complexidade com a qual opera a arquitetura e a simplicidade que deve devolver como resposta.

© Javier Callejas
© Javier Callejas

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Estudio Herreros
Escritório
Consorcio Bermúdez Arquitectos
Escritório
Cita: "Ágora-Bogotá / Estudio Herreros + Consorcio Bermúdez Arquitectos " [Ágora-Bogotá / Estudio Herreros + Consorcio Bermúdez Arquitectos ] 05 Mar 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/889667/agora-bogota-estudio-herreros-plus-consorcio-bermudez-arquitectos> ISSN 0719-8906