O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Japão
  5. ASSISTANT
  6. 2013
  7. Residência de 33 anos / ASSISTANT

Residência de 33 anos / ASSISTANT

  • 17:00 - 13 Outubro, 2017
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Residência de 33 anos / ASSISTANT
Residência de 33 anos / ASSISTANT, © Shinkenchiku Sha
© Shinkenchiku Sha

© Shinkenchiku Sha © Shinkenchiku Sha © Shinkenchiku Sha © Tadasu Yamamoto + 25

© Shinkenchiku Sha
© Shinkenchiku Sha

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Residência de 33 Anos é uma obra situada ao lado do Templo de Todaiji, patrimônio da humanidade, em Nara, Japão. Ela foi desenhada para um casal de idosos que decidiram se mudar para uma nova residência trinta e três anos depois de viver em sua primeira casa. Trata-se de um lar para um colecionador de lembranças, cuja memória e futuro existem simultaneamente no mesmo espaço. Ao emoldurar as vistas através de diferentes áreas, as imagens são produzidas continuamente pelo movimento dos habitantes. A cada imagem cria-se o próprio espaço de possibilidades, logo é sobreposta como múltiplas adições da casa para atualizar as lembranças da família.

© Tadasu Yamamoto
© Tadasu Yamamoto

Em 2012, durante o processo de construção, a fabricação da residência foi apoiada em parte pelo Centro de Arte Contemporâneo de Aomori e a Escola de Design de Sendai. Seu processo de desenho/fabricação foi objeto de estudos acadêmicos da Universidade de Loughborough, Reino Unido. A residência ganhou o prêmio SD Review em 2010.

© Shinkenchiku Sha
© Shinkenchiku Sha

Ela é constituída por vários pavilhões e habitações em estrutura de madeira que estão abaixo da grande estrutura de aço. A relação entre os elementos individuais define o caráter da residência como um todo. 

Diagrama
Diagrama
Corte Perspectivado
Corte Perspectivado

Seu processo de construção aconteceu em três lugares separados simultaneamente, Nara, Sendai e Aomori.

Em Nara, uma cobertura de aço exterior para proteger toda a residência foi construída in situ.  Após aceitar as ofertas de duas instituições públicas - o Centro de Arte Contemporânea de Aomori e a Escola de Design de Sendai - para participar nos seus programas de artistas em residência, o duo decidiu construir uma experiência desconhecida vinculando as duas instituições através de um só projeto de moradia residencial para, finamente, construir a casa em Nara.

A residência que havia sido desenhada como uma casa única foi dividida em partes adequadas para os dois programas de modo que a arquitetura se "movesse", por assim dizer. Cada obra também é feita como uma peça de instalação individual na qual foram elaboradas características adicionais, respondendo às demandas das instituições, características do espaço e o método expositivo escolhido.

© Shinkenchiku Sha
© Shinkenchiku Sha

Em Sendai, na Ghost House, um pavilhão para sentar na cobertura, foi construído com os estudantes da Escola de Design de Sendai.

O pavilhão é uma homenagem à Ghost House, um dos pavilhões dispersos nas grandes instalações da famosa casa de Philip Johnson e por isso recebeu o mesmo nome. Durante o verão foi construído no pátio de um campus universitário e os estudantes cultivaram uma horta no seu interior. 

© Shinkenchiku Sha
© Shinkenchiku Sha

Em Aomori, os ambientes de estrutura de madeira foram construídos e desenvolvidos junto com os carpinteiros locais, utilizando materiais disponíveis em Aomori, como uma peça da instalação 'Arquitetura Escura' (Residência de 33 anos, Estudo), para logo formar parte da exibição 'Kime to Kehai' no Centro de Arte Contemporânea de Aomori. A obra tinha uma nova aparência dependendo do movimento de luz solar. Fisicamente, essa obra arquitetônica permanecia na mesma posição, enquanto os fenômenos naturais criados por ela fluíam sem parar. 

© Shinkenchiku Sha
© Shinkenchiku Sha

Depois do período de exposição em cada cidade, esses elementos foram desmontados e carregados em um caminhão de 4 toneladas e levados ao destino, Nara, onde fora recompostos para formar a Residência de 33 anos. 

Diagrama
Diagrama

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
ASSISTANT
Escritório
Cita: "Residência de 33 anos / ASSISTANT" [House of 33 Years / ASSISTANT] 13 Out 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/881023/residencia-de-33-anos-assistant> ISSN 0719-8906