O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Jardim De Infância
  4. Japão
  5. HIBINOSEKKEI
  6. Jardim de Infância SP / HIBINOSEKKEI + Youji no Shiro

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Jardim de Infância SP / HIBINOSEKKEI + Youji no Shiro

Jardim de Infância SP / HIBINOSEKKEI + Youji no Shiro
Jardim de Infância SP / HIBINOSEKKEI + Youji no Shiro, © Studio Bauhaus, Ryuji Inoue
© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue

© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue © Studio Bauhaus, Ryuji Inoue © Studio Bauhaus, Ryuji Inoue © Studio Bauhaus, Ryuji Inoue + 26

© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue
© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue

Descrição enviada pela equipe de projeto. Este projeto foi lançado como um auxílio de reconstrução de um jardim de infância que foi destruído pelo Grande Terremoto do Leste do Japão que ocorreu em Março de 2011. Após terem sido realocados para um edifício pré-fabricado para o jardim de infância financiado pela UNICEF, o edifício foi ajustado para este fim. Dentre os projetos de restauração, esta foi uma proposta de recuperá-lo o mais rapidamente possível.

© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue
© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue

A cidade de Iwaki , local do projeto, se encontra no extremo sudeste da prefeitura de Fukushima. Está a aproximadamente 30 km da central nuclear de Fukushima Daiichi, que explodiu no terremoto. Uma vez que esta zona foi afetada pelo grande terremoto do Japão Oriental, a área se converteu em um refúgio residencial das cidades, povos, e aldeias circundantes, e também onde mais de 30 mil pessoas, ou 10% da população da cidade foi parar. Esta região até hoje sofre com com as mazelas do terremoto.

© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue
© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue

Não é possível brincar ao ar livre de forma satisfatória devido a quantidade de radiação na região, que ainda é alta. Portanto, se converteu em um grave problema para a cidade, onde, devido à diminuição da atividade física das crianças, viu-se crescer os índices de obesidade. Além disto, houve um aumento de stress mental que é ainda maior nos professores e nos pais.

Planta Baixa
Planta Baixa

Queríamos resolver o problema neste projeto através da criação de um ambiente em que as crianças pudessem brincar a vontade nos interiores, e onde os professores facilmente poderiam ser capazes de manter os olhos nelas.

© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue
© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue

Projetamos um amplo corredor, instalamos uma piscina de areia e uma de água nos interiores, onde as crianças podem brincar sem correrem riscos com os índices de radiação. Sobretudo, criamos um espaço onde as crianças podem correr, por isso foi chamado de "corredor".

Queríamos eliminar a dependência da circulação com salas de aula, e por isso colocamos portas de diferentes tamanhos, de maneira aleatória. Além disso, grandes e pequenas portas se tornaram suporte para brincadeiras, e os professores podem ver as crianças correndo alegremente dentro e fora das salas, resolvendo a falta de exercício e stress.

© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue
© Studio Bauhaus, Ryuji Inoue

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Jardim de Infância SP / HIBINOSEKKEI + Youji no Shiro" [SP Nursery / HIBINOSEKKEI + Youji no Shiro] 26 Out 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/775878/jardim-de-infancia-sp-hibinosekkei-plus-youji-no-shiro> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.