O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Apartamentos
  4. Holanda
  5. NL Architects
  6. 2009
  7. Funen Blok K - Verdana / NL Architects

Funen Blok K - Verdana / NL Architects

  • 17:00 - 14 Janeiro, 2015
  • Traduzido por Arthur Stofella
Funen Blok K - Verdana / NL Architects
Funen Blok K - Verdana / NL Architects, © Raoul Kramer
© Raoul Kramer

© Raoul Kramer © Raoul Kramer © Raoul Kramer © Raoul Kramer + 47

  • Arquitetos

  • Localização

    Funenpark, 1018 Amsterdã, Holanda
  • Arquiteto Encarregado

    Pieter Bannenberg, Walter van Dijk, Kamiel Klaasse, Mark Linnemann
  • Ano do projeto

    2009
  • Fotografias

  • Colaboradores

    Caro Baumann, Jennifer Petersen, Niels Petersen, Holger Schurk, Misa Shibukawa, Rolf Touzimsky
  • Engenharia Estrutural

    Ingenieursbureau Zonneveld bv
  • Engenharia Mecânica

    Sweegers en de Bruin bv
  • Física da Construção

    Cauberg Huygen
  • Empreiteiro

    IBC Woningbouw Amersfoort bv
  • Cliente

    IBC Vastgoed / Heijmans
  • Mais informações Menos informações
© Raoul Kramer
© Raoul Kramer

Funen

Estas dez casas são parte de um Plano Diretor para 500 habitações e um parque, projetado por Architecten Cie, chamado "Het Funen, Maravilhas Ocultas". O terreno triangular é localizado entre o centro histórico e a recém descoberta área do porto no leste de Amsterdã, um antigo estacionamento para carros guinchados. Ao longo dos lados leste e sul um "muro" que contém mais de 300 apartamentos e espaços de escritórios protege o local do barulho da ferrovia adjacente. Dentro deste bloco semi-aberto uma malha indefinida está situada, contendo 16 blocos habitacionais menores posicionados em um parque. Estas "Maravilhas Ocultas" variam em altura de 9 a 18 metros. Uma mudança do público para o privado ocorre. O plano urbano, incluindo o parque é iniciado e encomendado - operações tradicionalmente dirigidas pela cidade - e desenvolvido e construído por uma única empresa, a IBC Vastgoed.

Renderização do Corte
Renderização do Corte

A manutenção do parque será realizada por uma empresa privada, e não pela cidade, mas o parque permanecerá acessível ao público. Há três quadras quase quadradas que medem 30,5 por 27,7 metros e deve conter 2,5 pavimentos. Era obrigatório a construção dos dois primeiros pavimentos de forma alinhada; o terceiro deveria ser 50% de área construída e 50% de terraço/jardim. Em nossa quadra o volume é distribuído uniformemente ao longo das dez casas; a cada uma é atribuída 633 metros cúbicos. As casas são organizados de acordo com uma tipologia conhecida como casas geminadas. Elas vão ser acessadas a partir de um corredor no meio da quadra. Este "mini-canyon" livra as fachadas dos espaços de armazenamento obrigatórios e instalações técnicas que formalmente tem que ser acessíveis a partir do domínio público.

© Raoul Kramer
© Raoul Kramer

As portas da frente estão posicionadas na parte de trás; as casas estão viradas do avesso. Ao colocar os "intestinos'' como água, medidores de gás, corredores e escadas nas zonas mais escuras dos apartamentos, as fachadas podem abrir-se para a luz e para a vista, para onde está o parque. Três outros edifícios com uma pegada um pouco menor, mas consideravelmente mais altos (18m), levantam-se próximos à quadra. Ao interpretar os dados 2,5 pavimentos como um andar 2 + ½ como no filme Quero Ser John Malkovich, poderíamos fazer um início "limpo", sem determinação formal; um bloco de 6 + 1,5 = 7,5 metros de altura. Para criar espaço dentro do Plano Diretor, este volume é deformado e redistribuído, afastado o máximo possível dos volumes adjacentes. Dentro da grade ortogonal uma vista diagonal se abre.

© Raoul Kramer
© Raoul Kramer

A ferramenta de projeto utilizada para esta operação foi a de uma ligeira rotação da ilha, orientando-a para dois espaços abertos entre os blocos, em vez de duas paredes "cegas" e, como tal, fornecendo um atalho público. O ponto de referência é o dado de 633 m³ por habitação. Enquanto todas as casas são ao mesmo tempo esticadas e comprimidas, quer em altura ou em comprimento, elas ainda mantém este volume original. Apesar de algumas características da tipologia permanecerem, todas as casas são individuais e únicas possuindo desde um pavimento e meio até quatro, de 120 a 160 m². Todas as casas são diferentes, mas parte de um todo maior. A amplitude do edifício agora varia de 5 a 15 metros, mas em geral, a média é ainda os requeridos 7,5 metros. No processo, o edifício padrão como uma ferramenta organizacional de construção se tornou "elástico".

© Raoul Kramer
© Raoul Kramer

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
NL Architects
Escritório
Cita: "Funen Blok K - Verdana / NL Architects" [Funen Blok K - Verdana / NL Architects] 14 Jan 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Stofella, Arthur) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/759854/funen-blok-k-verdana-nl-architects> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.