Parque Nacional do Mali / Kere Architecture

Parque Nacional do Mali / Kere Architecture

© Iwan Baan© Iwan Baan© Iwan Baan© Iwan Baan+ 48

Bamako, Mali
  • Arquitetos: Kere Architecture
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  3000
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2010
  • Fotógrafo Fotografias:  Iwan Baan

Descrição enviada pela equipe de projeto. A população de Bamako, a capital da República de Mali, aumentou rapidamente nos últimos anos para mais de um milhão de habitantes, criando uma nova demanda por habitações e serviços públicos. Neste contexto, era crucial a necessidade de um planejamento urbano inovador. A resposta do governo foi definir os contornos do Parque Nacional de Mali, um espaço de 103 hectares dentro de uma reserva florestal protegida maior que 2100 hectares, que forma um cinturão verde significativo neste país que é majoritariamente árido. Sob os termos de uma associação público-privada, o Governo pediu que a AKTC se concentrasse em 103 hectares do parque, uma grande área semi-circular de bosque protegido que se encontra abaixo dos afloramentos em terraços do planalto Koulouba, entre o Museu Nacional e o complexo do Palácio Presidencial do Estado. Dados os atrativos naturais do Parque, seu grande tamanho e sua localização ao lado do Museu Nacional, o Parque foi projetado para oferecer grandes espaços abertos para atividades lúdicas e educativas para o público em geral, grupos escolares e turistas. O objetivo do projeto era gerar a unificação dos locais do Museu Nacional, do Jardim Botânico e do Zoológico existentes em um único parque ecológico/cultural de grande valor, com atrativos naturais e culturais. A fase 1 inclui a reabilitação de 17 hectares de espaços abertos e jardins, e a construção de várias novas instalações.

© Iwan Baan
© Iwan Baan

Todo o Parque conta com uma rede integrada de circulação de pedestres e calçadas. Além disso, possui ginásio, vias de ciclismo e montanhismo de diferentes dificuldades e diversas trilhas interpretativas de sensibilização para a botânica, as aves e a natureza. A rede para pedestres oferece fácil acesso para os 103 hectares do parque e conecta as instalações existentes, tais como o Museu Nacional e o anfiteatro. Este último é dedicado para a educação e artes cênicas. A fase 1 também inclui a remodelação e a integração de oito instalações existentes. O arquiteto Diébédo Francis Kéré, Prêmio Aga Khan de Arquitetura no ano de 2004, recebeu a missão de projetar um portal primário e secundário, um edifício de entrada, um centro da juventude e do esporte, um restaurante, banheiros públicos e vários quiosques. Os espaços de jardim apresentam flora indígena em ambientes variados, desde áreas de gramado abertas para jardins floridos, áreas arborizadas e um jardim medicinal. A instalação de uma série de espaços educacionais e exposições, bem como a elaboração de guias treinados, são esperados para oferecer novas experiências educativas para os visitantes.

© Iwan Baan
© Iwan Baan

Para o 50º aniversário da Independência do Mali, o Parque Nacional em Bamako reabriu com novos edifícios, como um restaurante exclusivo, um centro de esporte e vários edifícios de entrada. O restaurante está situado no topo de uma formação rochosa e é aninhada contra os diferentes níveis de altura. O edifício é separado em quatro cubos que estão representando as diferentes funções. A preocupação sempre foi a de integrar a vista espetacular sobre o parque e o lago próximo com o projeto. Seguindo o exemplo do restaurante, o centro de esportes está com a mesma linguagem arquitetônica. É composto por três pavilhões que estão situados em torno de um parque infantil elipsoidal. Os edifícios estão situados de tal modo que geram sombra para o playground e também para os espaços de lazer interiores. Também aqui as relações entre os espaços interiores e exteriores desempenharam um papel importante no projeto.

© Iwan Baan
© Iwan Baan

Os edifícios de entrada estão interpretando o estilo arquitetônico do restaurante e do centro de esportes. Desta forma, o conjunto dos diferentes complexos cria, através da linguagem de projeto comum e a escolha de materiais, uma arquitetura única e reconhecível para o parque.

© Iwan Baan
© Iwan Baan

Todos os edifícios são revestidos externamente com pedra natural local, cujo uso reforça a identidade local e economiza custos de construção. As paredes de pedra exterior fornecem um isolamento natural e aclimatação dos espaços interiores. Os grandes telhados pendentes dão sombra para as fachadas e crião um clima interior agradável. Para as áreas mais exclusivas, como o restaurante, está previsto um ar-condicionado. Nestes casos, a distância entre a parede maciça e o telhado foi fechada com uma faixa.

© Iwan Baan
© Iwan Baan

Texto fornecido por Kere Architecture

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Bamako, Mali

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Parque Nacional do Mali / Kere Architecture" [National Park of Mali / Kéré Architecture ] 21 Jun 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/733981/parque-nacional-do-mali-kere-architecture> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.