O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Estação Sul Pequim / TFP Farrells

Estação Sul Pequim / TFP Farrells

Estação Sul Pequim / TFP Farrells
Estação Sul Pequim / TFP Farrells, © Fu Xing
© Fu Xing

A Estação Sul de Pequim não é apenas uma ligação chave na nova linha de alta velocidade da rede intercidades, mas também um amplo edifício urbano e masterplan. Situada em um terreno com 31 hectares, a edificação cria uma ligação urbana com o entorno e atua como uma “Porta para a cidade”. A estação em si seja projetada para um volume de 105 milhões de passageiros anualmente até o ano de 2030, com um pico de fluxo de 33.280 passageiros por hora, e um total de 286.500 de movimentos de passageiros por dia. Este projeto integrado engloba uma instalação multimodal de transferências de transportes com uma estratégia de separação vertical projetada de forma que os fluxos de tráfego de passageiros são diretos, convenientes e altamente eficientes.

© Zhou Ruogu

Finalizada em 2008, a nova estação é uma das quatro principais estações ferroviárias para o novo transporte ferroviário de alta velocidade implementado na China e foi um projeto principal para os Jogos Olímpicos, aprovado pelo Governo chinês e uma parte crítica da modernização e extensão do projeto do Transporte ferroviário de Pequim Sul.

Implantação

Situado a meio quilómetro da antiga estação da cidade no distrito de Fengtai, entre os anéis rodoviários segundo e terceiro, a nova Estação de Pequim servirá como uma ligação ferroviária intermunicipal de alta velocidade que liga Pequim com o Delta  do rio Yangtze, e cidades como Tianjin e Xangai, com um área de influência de 270 milhões de pessoas.

© Fu Xing

Como é imensa em escala, as formas arquitetônicas e estruturais são claras, simples e de fácil orientação, levando em conta as diferentes operações e direções das linhas, entradas de estações, saídas, espaços de espera e zonas de trocas. Possui a forma de uma elipse, que acomoda 3 níveis principiais, com dois pisos de mezanino para estacionamentos e 2 edifícios de escritórios. Com um volume tão grande de passageiros, é essencial separar as partidas e chegadas. Um dos objetivos principais do projeto era ter a menor distância e tempo possíveis para os acessos aos trens.

© Fu Xing

A estratégia de projeto também incorpora zonas separadas satisfazendo integração e transição para diferentes tipos de tráfego de veículos, incluindo 909 vagas subterrâneas de carro; 28 vagas para desembarque, 24 vagas para embarque e 138 vagas de estacionamentos de táxis; 38 espaços para ônibus (12 locais para desembarque e 26 para embarque, com 48 espaços de filas), caracterizando-se como uma central de transportes. A forma elíptica da planta é eficaz no fornecimento de uma solução inovadora para o fluxo de veículos para a estação. A rede de estradas elevadas pode ajustar-se aos fluxos de tráfego para a área da estação em todas as direções e ajudar a aliviar o congestionamento das vias arteriais circundantes.

© Zhou Ruogu

Há um total de 11 plataformas de ilha e duas plataformas laterais com 24 plataformas de trens de alta velocidade (450 metros de comprimento), trens expressos (500 metros de comprimento) e os trens Intercidades (450 metros de comprimento); além de duas plataformas ilha com 4 bordas da plataforma para os trens de metrô (120 metros de comprimento) nos níveis do porão.

© Zhou Ruogu

Como a estação está localizada em uma ferrovia existente, a geometria elíptica do terreno justapõe a organização diagonal dos trilhos à rede urbana de Pequim. O esquema da estação cria um vínculo urbano com a paisagem urbana circundante e age como uma “porta de entrada para a Cidade”, com a incorporação de uma resposta urbana que une a linha ferroviária e a malha da cidade através da inserção de um caminho de pedestres no eixo norte-sul que maximiza o sentido de aproximação e cria espaços avançados de usos públicos com as praças do norte e do sul e o contexto mais amplo da cidade.

Cortes

Ficha técnica:

Equipe:

Arquitetos: TFP Farrells
Colaboradores: Third Railway Survey & Design Institute

Localização: Pequim, China
Ano Projeto: 2008
Fotógrafos: Zhou Ruogu, Fu Xing, Oak Taylor Smith

Sobre este escritório
TFP Farrells
Escritório
Cita: Eduardo Souza. "Estação Sul Pequim / TFP Farrells" 31 Out 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/78424/estacao-sul-pequim-tfp-farrells> ISSN 0719-8906