Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas
Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 2 de 30
© Pedro Vannucchi

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 2 de 30Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 3 de 30Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 4 de 30Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 5 de 30+ 30

Parati, Brasil
  • Arquitetos: Mariana Simas, a GR a u
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área :  60
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano :  2008
  • Fotógrafo
    Fotografias :Pedro Vannucchi
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes :  Deca, Arcelor Mittal, Perfilor, Tigre
  • Equipe De Projeto : Gabriel R. Grinspum, Mariana Simas, Isabel Sperry
  • Construtor : Luciênio Costa
  • Maquete : Fabio Pileckas Gionco
  • Estagiária : Isabel Sperry
  • Cidade : Parati
  • País : Brasil
Mais informaçõesMenos informações
Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 18 de 30
© Pedro Vannucchi

Descrição enviada pela equipe de projeto. A casa píer foi construída para abrigar um barco durante a semana e o seu dono aos finais de semana. O uso alternado foi sugerido pelos próprios clientes, um jovem casal de velejadores paulistanos.

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 24 de 30
Planta 1

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 28 de 30Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 30 de 30Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 25 de 30Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 29 de 30+ 30

A proposta foi dividir a casa em dois volumes distintos: dormitório, cozinha e banhos no volume permanente e maciço, e a garagem do barco, que é também a sala, no volume leve e ventilado.

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 4 de 30
© Pedro Vannucchi
Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 16 de 30
© Pedro Vannucchi

O primeiro, vertical e revestido de massa caiada, cujas janelas muxarabi filtram a luz e permitem a ventilação permanente, é fruto do típico modo de construção da região com heranças coloniais; o segundo, construído com telha metálica e estrutura de madeira pré-fabricada, tirou proveito da industrialização da construção para prescindir do canteiro de obras e evitar o impacto ambiental.

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 22 de 30
Maquete

A implantação foi determinada por duas premissas: necessidade de proximidade à água para a entrada do barco e preservação da densa vegetação de mata atlântica intocada.

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 20 de 30
© Pedro Vannucchi

O terreno fica no Saco do Mamanguá, RJ, um fiorde tropical acessível apenas por barco e sem energia elétrica, o próprio arquétipo do Paraíso Perdido. Nesse contexto, a casa píer faz convergir a idéia do “bom selvagem” com a moderna “apologia da máquina”. Como um veleiro, símbolo poético da harmonia entre a natureza e a condição humana e, atualmente, também objeto de um ultra-sofisticado e não poluente desenho industrial; a casa píer é a casa do homem natural que faz uso dos benefícios sustentáveis do avanço tecnológico.

Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas - Imagem 19 de 30
© Pedro Vannucchi

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa Pier / a GR a u + Mariana Simas" [Pier House / a GR a u + Mariana Simas] 08 Nov 2011. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/01-7537/casa-pier-gabriel-grinspum-mais-mariana-simas> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.