O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Planta Água Mineral Aonni / Bebin & Saxton

Planta Água Mineral Aonni / Bebin & Saxton

Planta Água Mineral Aonni / Bebin & Saxton
Planta Água Mineral Aonni / Bebin & Saxton, © Franklin Pardon Daniel Bebin
© Franklin Pardon Daniel Bebin

© Franklin Pardon Daniel Bebin

A Patagônia Chilena, tanto a nível continental como insular, tem uma mesma particularidade, distinta e própria do lugar, O DESPRENDIMENTO.

© Franklin Pardon Daniel Bebin

Observa-se uma desunião, uma separação do que estava unido, os elementos vivem em constante alteração. O desprendimento gera fendas, isolamentos, torções, novas tensões. Os Glaciares se desprendem de grandes massas de gelo, as árvores inclinam-se pelos ventos, as ilhas vivem separadas da terra, rodeadas de água, a geografia é o reflexo de uma erosão enérgica.

© Franklin Pardon Daniel Bebin

Desta forma a obra é gerada a partir da interação das forças do meio natural, refletindo assim o desprendimento de seus elementos. A obra recolhe e utiliza os elementos da natureza como energia vital, dando conta das características do território.

© Franklin Pardon Daniel Bebin

Aplicaram-se princípios de projeto sustentável, os que são reconhecidos através da ganancia solar (não encontrei o termo em português) interna, geradora de luz natural nos espaços interiores, como também nos elementos que conformam a estrutura já que podem ser reutilizados, assegurando uma larga vida para os materiais empregados nesta obra.

© Franklin Pardon Daniel Bebin

Observa-se também a água em seus distintos estados e se recolhe um em particular encontrado no lugar: a água congelada produz uma forma única e própria. Esta forma é materializada na estrutura, nos grandes vitrôs e na morfologia dos solos.

© Franklin Pardon Daniel Bebin

Sua materialidade é própria da história moderna da Patagônia: um material resistente, flexível, econômico e de pouca manutenção capaz de suportar as extremas condições climáticas.

© Franklin Pardon Daniel Bebin

O plano incorpora um museu que aborda a história, geografia e outras disciplinas locais, artísticas, artesanais, etc., com o objetivo de passar aos visitantes todas as virtudes e qualidades de um dos lugares mais puros, virgem e descontaminados do mundo.

Planta geral

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Bebin & Saxton
  • Ano: 2008
  • Área construída: 640 m²
  • Área do terreno: 5000 m²
  • Endereço: Km. 48 camino Fuerte Bulnes Punta Arenas, XII Región Chile
  • Tipo de projeto: Empresarial
  • Status:Construído
  • Características Especiais: Sustentável
  • Materialidade: Metal e Madeira
  • Estrutura: Aço
  • Localização: Km. 48 camino Fuerte Bulnes, Punta Arenas, XII Región, Chile
  • Implantação no terreno: Isolado

Equipe:

  1. Arquitetos: Bebin & Saxton / Daniel Bebin y Tomás Saxton
  2. Cálculo Estrutural: Samuel Marín
  3. Assessor Conceitual: Pablo Prieto

 

  1. Cliente: Patagonia Mineral S.A. – Agua Mineral Aonni
  2. Construção: 2008

Cita: Marina de Holanda. "Planta Água Mineral Aonni / Bebin & Saxton" 07 Mai 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/47317/planta-agua-mineral-aonni-bebin-e-saxton> ISSN 0719-8906