Ganhadores do eVolo 2012 Skyscraper Competition

Ganhadores do eVolo 2012 Skyscraper Competition

eVolo Magazine anunciou os ganhadores da 2012 Skyscraper Competition, um concurso que acontece anualmente, desde 2006. A ideia do concurso é reconhecer e dar crédito a ideias que redefinem o conceito e o projeto de arranha-céus por meio do uso de novas tecnologias, materiais, programas, estéticas e organizações espaciais, junto com estudos sobre globalização, flexibilidade, adaptação e revolução digital. É uma investigação no espaço público e privado e o papel do individuo e do coletivo na criação de uma comunidade dinâmica vertical. O prêmio busca descobrir jovens talentos cujas ideias podem modificar a maneira de ver e entender a arquitetura e sua relação com o espaço natural e construído.

PRIMEIRO LUGAR:

Zhi Zheng, Hongchuan Zhao, Dongbai Song (China)

1o. Lugar - eVolo 2012

Dentro de 55.000 geleiras nas montanhas do Himalaia estão 40 por cento da água doce do mundo. As calotas de gelo estão derretendo a um ritmo mais rápido do que nunca, devido à mudança climática, o que representa possíveis e graves consequências para o continente asiático, e o mundo inteiro, especialmente para os povos e cidades que são alimentados pelo escoamento do Himalaia.

1o. Lugar - eVolo 2012

O projeto ganhador, “Torre de Água Himalaia” é um arranha-céu situado no alto da cordilheira que serve para armazenar a água ajudando a regular sua dispersão na terra, por debaixo das fontes das montanhas. O edifício, que pode ser replicado em massa, recolherá a água na temporada de chuvas, irá a purificar e a congelar, para armazená-la para seu uso futuro.  O programa de distribuição de água vai solucionar as necessidades dos residentes, enquanto que pode ser utilizado para ajudar em tempos de seca. Também tem a intenção de armazenar grande quantidade de água para as gerações futuras.

1o. Lugar - eVolo 2012

SEGUNDO LUGAR
Yiting Shen, Nanjue Wang, Ji Xia, Zihan Wang (China)

2o. Lugar - eVolo 2012

A industrialização e a mineração estão destruindo entornos naturais da China, especialmente nas montanhas, que são escavadas até o ponto da destruição na busca de minerais. Estes processos não só devastam ecologias, mas também desalojam comunidades inteiras, separando-os de seus lugares e também de seus meios de vida, como ocorre com muitos agricultores que trabalham nestas zonas rurais.

2o. Lugar - eVolo 2012

O projeto “Montanha de Band-Aid” busca restaurar simultaneamente os desalojados da montanha Hmong seus lares e trabalhos, ao mesmo tempo em que restaura a ecologia da montanha de Yunnan. Isto é conseguido com um projeto da construção de duas capas. A capa externa é um arranha-céu que se constrói e se estende através da montanha. Com a construção da estrutura como parte da montanha, o edifício ajuda as pessoas de etnia Hmong a recuperar seu estilo de vida original. Internamente, é organizado pelos aldeões para se replicar o desenho tradicional da aldeia que se utilizava antes do desalojamento.

2o. Lugar - eVolo 2012

A disposição do edifício na montanha significa que sua altura é determinada, principalmente, pela altura desta. O projeto em si mesmo é uma “recuperação dupla”; as pessoas Hmong que vivem no monte destruído podem manter sua organização de espaço na aldeia, recriada em um arranha-céu, e não vão contribuir com a degradação da montanha.

TERCEIRO LUGAR
Lin Yu-Ta (Taiwan)

3o. Lugar - eVolo 2012

Como as possibilidades dos aterros sanitários que rodeiam as metrópoles em crescimento desaparecem, e as cidades lutam contra os problemas de gestão de resíduos, o poder do lixo tem que ser reconsiderado. A acumulação de resíduos, por exemplo, cria potenciais fontes e oportunidades de reciclagem de energia, como quando o gás é emitido durante a decomposição.

3o. Lugar - eVolo 2012

O “Monumento da Civilização” é uma proposta que sugere a colocação de lixo verticalmente em uma torre, usando a energia gerada a partir da sua decomposição para ajudar a alimentar a cidade que o rodeia. Ao colocar a torre no coração da cidade, a energia é fornecida à vizinhança imediata, e também se economiza no custo do transporte.

3o. Lugar - eVolo 2012

Abaixo da estrutura estão a área de reciclagem e as instalações de processamento de águas residuais, estações de gás, eletricidade, um aterro temporário e o depósito de desperdício de água. A torre consta de uma parede de ladrilho de resíduos, tubulações de transporte de gás, e um depósito de resíduos sólidos no centro.

MENÇÕES:

Victor Kopieikin, Pavlo Zabotin (Ucrânia)

Menção Honrosa 1

Ying Xiao, Shengchen Yang (Estados Unidos)

Menção Honrosa 2

Adrien Piebourg, Bastien Papetti (França)

Menção Honrosa 3

Damian Przybyła, Rafał Przybyła (Polônia)

Menção Honrosa 4

MADETOGETHER – Nikita Asadov (Rússia)

Menção Honrosa 5

Kim Hongseop, Cho Hyunbeom, Yoon Sunhee, Yoon Hyungsoo (Coreia do Sul)

Menção Honrosa 6

Vía: eVolo

Ficha técnica:

Text Message Html

Cita: Marina de Holanda. "Ganhadores do eVolo 2012 Skyscraper Competition" 13 Mar 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/01-37659/ganhadores-do-evolo-2012-skyscraper-competition> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.