O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Cité Radieuse de Le Corbusier sofreu um incêndio

Cité Radieuse de Le Corbusier sofreu um incêndio

Cité Radieuse de Le Corbusier sofreu um incêndio
Cité Radieuse de Le Corbusier sofreu um incêndio, ©  AFP
© AFP

Cité Radieuse um dos projetos mais emblemáticos do arquiteto francês Le Corbusier, sofreu um incêndio em seis apartamentos nesta quinta – feira,  09 de Fevereiro de 2012. A conhecida obra de concreto e com muitas cores, localizada em Marselha foi construída em 1952.

© AFP

O incêndio obrigou a evacuação do edifício de 9 pavimentos e 337 apartamentos que foi declarada monumento histórico em 1995 e é um símbolo da arquitetura moderna dos anos 50.

O fogo começou a partir de um duplex no primeiro andar e se espalhou para os andares de cima, na tarde de quinta-feira,  o fogo  se propagou  para os demais apartamentos em pavimentos superiores. Na madrugada, os bombeiros tentaram conter possíveis novas expansões do fogo através do uso de espuma nos dutos e abrindo também buracos do 7 º andar.

© AFP

“Fomos avisados ​​às 18h que o fogo não tinha tocado um único apartamento. Poucas horas depois, soubemos que tinha se espalhado por seis andares. Nós, portanto, nos  perguntamos se tudo foi feito corretamente? É devido o fato de que os bombeiros não estavam cientes de que a estrutura foi feita de madeira? “, indaga um dos arquitetos da Le Corbusier Foundation.

Segundo informaram os bombeiros  da AFP, o incêndio destruiu os seis apartamentos completamente e as causas são ainda desconhecidas. Veja abaixo um vídeo feito ontem no local:


“Esta é uma notícia triste e uma grande perda para o patrimônio francês“, comentou ontem de manhã Bénédicte Gandini uma das arquitetas da Le Corbusier Foundation.

Hoje, às 10h, o fogo ainda não estava oficialmente controlado reconheceram os bombeiros locais. No total, cerca de 90 homens e 25 veículos foram mobilizados para controlar o incêndio nos apartamentos afetados e evitar que o fogo se espalhara a apartamentos próximos.

© AFP

Charles-Edouard Jeanneret, conhecido mundialmente como Le Corbusier, i inspirou-se nos transatlânticos para a concepção do edifício no oitavo distrito de Marselha. O “Cité Radieuse” foi construído entre 1947 e 1952 e é considerado um dos mais famosos  projetos de Le Corbusier, de enorme influencia, e muitas vezes citado como fenômeno inspirador da filosofia e estilo arquitetônico brutalista.

© AFP

337 apartamentos em nove pavimentos

O edifício de Marselha, desenvolvido por  Le Corbusier, consiste num prisma retangular de 130 m de comprimento e 56 m de altura, sobre  grandes pilotis de concreto. Suas 337 unidades habitacionais estão distribuídas em  9 pavimentos. A edificação de uso misto, também incorpora em seu programa: lojas, equipamentos esportivos, de educação e saúde, além de um hotel. O volume é arrematado por uma cobertura plana transitável  concebida como um terraço de uso comum, adornada com aberturas destinadas a ventilação  que adotam formas esculturais, e abriga uma pista de corrida e uma fonte de pouca profundidade.

Imagem Flickr

No seu interior, as circulações atravessam o centro do eixo longitudinal de cada terceiro pavimento do edifício, que dá acesso ao nível de entrada do duplex e que se estendem a partir de uma fachada à outra no pavimento superior e inferior de cada corredor terminando numa sacada Brise soleil. O edifício é habitado principalmente por profissionais de classe média.

Imagem Flickr © paspog

A edificação foi construída em béton brut (concreto aparente), devido à escassez do pós-guerra de estruturas metálicas –  inicialmente previsto-, revelou-se demasiado dispendiosa.

“A “Cité Radieuse” é o primeiro e mais famoso dos edifícios que conformaram o que ficou conhecido como “ Unité d’Habitacion ” (“Unidade de Habitação”), o projeto foi encomendado a Le Corbusier, com o objetivo de realojar os afetados da  Segunda Guerra Mundial.

Imagem Flickr © Dom Dada

O projeto, uma encomenda  direta do Ministro da Reconstrução e Urbanismo francês Raoul  Dautry, só foi concluída quando o seu sucessor, Eugén Claudius-Petit, levou a sério a sua construção. A obra, de grande escala para sua época, ficou parada devido a inúmeros problemas orçamentais e controvérsias que foram geradas entre os  próprios arquitetos (um relatório inclusive citava um possível aumento de doenças mentais em seus futuros inquilinos),o tempo da construção foi prolongado durando cinco anos, em vez de doze meses especificados no projeto inicial.

Imagem Flickr © French Disko

Sobre este autor
Joanna Helm
Autor
Cita: Joanna Helm. "Cité Radieuse de Le Corbusier sofreu um incêndio" 10 Fev 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/30270/cite-radieuse-de-le-corbusier-sofreu-um-incendio> ISSN 0719-8906