Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Liberado espigão da rua Tucumã em São Paulo

Liberado espigão da rua Tucumã em São Paulo

Depois de quase 15 anos de batalhas judiciais e disputas com a prefeitura de São Paulo, o edifício Villa Europa da rua Tucumã, no Jardim Paulista, zona oeste da capital, deve ser finalmente entregue a seus compradores. Uma vistoria da Secretaria Municipal da Habitação atestou que o prédio, com 15 apartamentos de luxo avaliados em R$ 7 milhões, foi projetado para ter 86,6 m e tinha 116,7 m. O Villa Europa chegou a ser considerado obstáculo para os aviões que pousam no Aeroporto de Congonhas.

Decisão de 10 de janeiro autoriza os responsáveis pelo edifício a pedir à prefeitura o Habite-se, documento que certifica que a obra está concluída como manda a lei.

© Adriano Vizoni / Folhapress

O prédio se tornou símbolo de irregularidades por ter sido erguido com 30 metros a mais do que previa o projeto original, o que motivou suspeita de pagamento de propina a fiscais; em 1999, foi embargado pela prefeitura.

Com o Habite-se, o edifício –conhecido como “espigão da rua Tucumã”– poderá enfim ser habitado legalmente.

As unidades do prédio de linhas neoclássicas [?] têm 560 m² de área útil cada. As readequações durante os 15 anos custaram entre R$ 5 milhões e R$ 8 milhões. Mesmo com a longa demora na entrega, o advogado da construtora afirma que nenhum dos compradores desistiu do negócio.

Fonte: Folha.com

Sobre este autor
Cita: "Liberado espigão da rua Tucumã em São Paulo" 25 Jan 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/25040/liberado-espigao-da-rua-tucuma-em-sao-paulo> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.