O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Recreação E Treinamento
  4. Reino Unido
  5. Stanton Williams
  6. 2011
  7. Centro Hackney Marshes / Stanton Williams

Centro Hackney Marshes / Stanton Williams

  • 18:00 - 19 Novembro, 2013
  • Traduzido por Naiane Marcon
Centro Hackney Marshes / Stanton Williams
© Hufton+Crow
© Hufton+Crow

© Hufton+Crow © David Grandorge © Hufton+Crow © David Grandorge + 33

  • Cliente

    London Borough of Hackney
  • Empreiteiro

    John Sisk & Son
  • Engenharia civil e estrutural

    Webb Yates
© Andy Spain
© Andy Spain

Descrição enviada pela equipe de projeto. Stanton Williams foi comissionado em 2008 para produzir um novo "Centro Comunitário" em South Marsh. Novos vestiários, além de instalações para espectadores e comunidade local serão abrigados em uma estrutura inclusiva e acolhedora que reconhece as qualidades especiais deste lugar ao superar a barreira entre natural e artificial. Irá se conectar não só aos arredores imediatos e à comunidade local, mas também ao Olympic Park adjacente e ao restante de Lea Valley. O campo como existe hoje é produto de uma série de intervenções no ambiente natural, e a respeito disso remete à "segunda natureza" de Cícero - uma paisagem moldada por mãos humanas. O campo é há tempos conhecido como lar do futebol amador: o local detém o recorde de maior número de arremessos, com mais de 900 partidas jogadas por ano.

© Hufton+Crow
© Hufton+Crow

O Centro foi desenvolvido depois de discussões com interessados locais e consideração das necessidades dos usuários. Está firmemente incorporado à configuração da paisagem: não é um objeto em desacordo com o meio. Está localizado no limite sudeste do campo, definindo um limiar entre South Marsh e o estacionamento, conectando o hiato entre uma linha de árvores ao sul e um bosque ao norte. Os materiais foram escolhidos por sua capacidade de resistência em relação à paisagem circundante e por sua durabilidade, já que há uma necessidade particular em relação à segurança do edifício dada a falta de supervisão natural, resultante de sua localização isolada. O fechamento do piso térreo é tratado como um muro da paisagem. Blocos de gabião, mais usualmente associados a paisagismo ou projetos de engenharia civil, são implantados de uma forma que remete a muros de pedra agrícolas. Eles irão resistir bem, inclusive ao vandalismo, e formam uma boa estrutura para plantas trepadeiras.

© David Grandorge
© David Grandorge

O resultado será uma viva "parede verde" através da qual a luz será filtrada até os vestiários. Em outros lugares foi utilizado o aço. Esté é um material industrial que remete à tradição fabril de Lea Valley e que, em seu constrante com a parede mais natural do pavimento inferior, lembra a combinação de natureza e artifício que dá ao local sua característica particular. Mas ele, também, tem seu caráter natural. Como um material que muda ao longo do tempo, o aço tem uma aparência viva e uma textura rica. Será implantado não só no revestimento do nível superior da estrutura, mas também para formar portões de segurança, grelhas e persianas. Aberturas perfuradas permitirão que a luz entre durante o dia e criarão também vistas noturnas controladas para o edifício, que irão brilhar acolhedoramente conforme a luz apareça através das janelas e das paredes de gabião.

© David Grandorge
© David Grandorge

A forma como o Centro procura reconciliar natureza e artifício através de sua organização, materiais e localização incorpora um objetivo mais amplo de sintetizar a atividade esportiva e o ambiente natural. Instalações esportivas muitas vezes têm algo de tábula rasa em sua abordagem, substituindo materiais naturais por asfalto ou superfícies artificiais duras, e barreiras permeáveis por cercas. Como resultado, jogar se torna uma experiência exclusivamente física. De forma oposta, o Centro enfatiza a natureza ritualística do esporte. Nele indivíduos se fundem em equipes, surgindo no campo para demonstrar suas habilidades coletivas e individuais, e para obter estímulos sensoriais e até mesmo espirituais deste local rico.

Planta 1° pavimento
Planta 1° pavimento

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Stanton Williams
Escritório
Cita: "Centro Hackney Marshes / Stanton Williams" [Hackney Marshes Centre / Stanton Williams] 19 Nov 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Marcon, Naiane) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/154024/centro-hackney-marshes-slash-stanton-williams> ISSN 0719-8906