i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Cientistas descobrem o segredo por trás da resistência do concreto romano

15:00 - 11 Julho, 2017
Cientistas descobrem o segredo por trás da resistência do concreto romano , Drilling at a ancient Roman marine structure in Portus Cosanus, Tuscany, 2003. Drilling is by permission of the Soprintendenza Archeologia per la Toscana.. Image © J. P. Oleson
Drilling at a ancient Roman marine structure in Portus Cosanus, Tuscany, 2003. Drilling is by permission of the Soprintendenza Archeologia per la Toscana.. Image © J. P. Oleson

Mais de dois mil anos atrás, o Império Romano inventou um tipo único de concreto que permitiu a construção de estruturas enormes e duráveis - mesmo debaixo d'água. Por incrível que pareça, as propriedades químicas exatas desta mistura de concreto não haviam sido identificadas por cientistas até o dia de hoje - mas agora, pesquisadores da Universidade de Utah acreditam que podem finalmente ter encontrado as informações que faltavam.

De acordo com as descobertas na revista American Mineralogist, o segredo reside nas propriedades químicas de dois dos componentes da mistura: cal e cinzas vulcânicas, que continham um mineral raro conhecido como tobermorite de alumínio. Quando exposta à água do mar, a substância se cristalizava na cal enquanto curava. Em vez de ser corroída pela água, sua presença dava mais resistência ao material.

Clássicos da Arquitetura: Paróquia do Santo Sacrifício nas Filipinas / Leandro V. Locsin

12:00 - 27 Junho, 2017
Clássicos da Arquitetura: Paróquia do Santo Sacrifício nas Filipinas / Leandro V. Locsin, Cortesia de Wikimedia user Allan Jay Quesada
Cortesia de Wikimedia user Allan Jay Quesada

Apelidada de "disco voador", a Paróquia (Igreja) do Santo Sacrifício é uma expressão modernista que incorpora a complexa história colonial das Filipinas. Localizado em um campus universitário em Quezon City (anteriormente a capital da nação, agora uma parte da Região da Capital Nacional de Manila), a igreja em estrutura de casca de concreto foi produto do arquiteto filipino Leandro Locsin e de outros três artistas nacionais que contribuíram para seu interior. [1] O projeto de Locsin, que combina elementos da arquitetura filipina tradicional com a estética internacional do pós-guerra, sendo um poderoso símbolo de uma nação recém-independente após séculos de controle imperial.

Cortesia de Wikimedia user Ramon FVelasquez Cortesia de Wikimedia user Ramon FVelasquez Cortesia de Wikimedia user Ramon FVelasquez Cortesia de Wikimedia user Ramon FVelasquez +7

Piscinas públicas ou residências particulares: Como Estocolmo deveria usar seus penhascos?

18:00 - 8 Junho, 2017
Cortesia de UMA / Manofactory. Image Infinity Pool vs Nestinbox
Cortesia de UMA / Manofactory. Image Infinity Pool vs Nestinbox

Uma das coisas mais deliciosas da arquitetura é a diversidade de soluções que qualquer terreno pode proporcionar. Desde projetos hipotéticos estudantis até propostas profissionais, as diferentes perspectivas, posições e experiências trazidas para um determinado terreno podem ser muito abrangentes e contrastantes. 

Recentemente, publicamos uma matéria sobre a Nestinbox, uma proposta do escritório de arquitetura sueco Manofactory de anexar uma série de casas simples e funcionais a um penhasco em Estocolmo, atendendo as demandas de aumento de populações e preços da terra em cidades de todo o mundo. Agora, as falésias de Estocolmo foram objeto de um projeto completamente diferente, embora tão interessante quanto, da empresa sueca UMA. Em vez de residências particulares, a UMA propõe a Stockholm Infinity Pool, uma piscina pública a 1 km ao longo das falésias de Sodermalm, da capital da Suécia.

Cortesia de UMA Cortesia de UMA Cortesia de UMA Cortesia de UMA +13

Peças de concreto para móveis inspiradas na arquitetura de Carlo Scarpa

07:00 - 16 Maio, 2017
Peças de concreto para móveis inspiradas na arquitetura de Carlo Scarpa, © Sameer Tawde
© Sameer Tawde

Material Immaterial Studio divulgou MIRAGE, uma série de peças em concreto para mobiliários inspirados pela obra do arquiteto Carlo Scarpa.

A série MIRAGE é composta de puxadores,  de concreto e ganchos de roupas, todos os quais visam criar um caráter através da luz e sombra. Algumas das peças, com um padrão de ziguezague, são destinadas a reduzir o peso do material de concreto, tornando-o leve e delicado, enquanto outras peças são destinadas a expressar uma sensação de solidez.

© Sameer Tawde © Sameer Tawde © Sameer Tawde © Sameer Tawde +13

Seul estaria vivendo um "reflorescimento do brutalismo"?

12:00 - 2 Maio, 2017
© Raphael Olivier
© Raphael Olivier

Durante suas freqüentes viagens a Seul, o fotógrafo de Hong Kong e Cingapura, Raphael Olivier, notou uma nova tendência na capital sul-coreana: uma coleção de edifícios geométricos e de concreto de todos os gêneros. Ele chama o estilo de Neo-Brutalismo, após o movimento modernista que proliferou do final dos anos 1950 aos anos 1970, em que o concreto aparente foi concebido para expressar uma verdade e honestidade. A observação de Olivier levou-o a capturar o fenômeno em uma série de fotos pessoais - um tesouro fotográfico desses projetos que, quando tomado como um todo, descobre um corte transversal dessa tendência na arquitetura da cidade.

© Raphael Olivier © Raphael Olivier © Raphael Olivier © Raphael Olivier +19

Novo mapa celebra a arquitetura brutalista de Paris

07:00 - 19 Abril, 2017
Novo mapa celebra a arquitetura brutalista de Paris, Les Choux de Créteil. Image © Nigel Green
Les Choux de Créteil. Image © Nigel Green

Dando seguimento aos lançamentos regulares de mapas e guias de cidades, a editora londrina Blue Crow Media produziu recentemente o Brutalist Paris Map, em colaboração com Nigel Green e Robin Wilson da Photolanguage. Tendo já abordado os edifícios brutalistas mais emblemáticos de Washington D.C., o mapa o mais recente destaca mais de 40 exemplos parisienses da arquitetura brutalsta.

Bourse by Travail. Image © Nigel Green Cortesia de Blue Crow Media Cortesia de Blue Crow Media Les Damiers. Image © Nigel Green +10

Técnicas construtivas góticas inspiram o desenvolvimento de lajes leves de concreto na ETH Zurich

06:00 - 19 Abril, 2017
Técnicas construtivas góticas inspiram o desenvolvimento de lajes leves de concreto na ETH Zurich, © ETH Zurich / Peter Rüegg.
© ETH Zurich / Peter Rüegg.

Com a intenção de maximizar os vãos disponíveis e diminuir custos de construção, pesquisadores do Departamento de Arquitetura da ETH de Zurique criaram uma laje de concreto que, com uma espessura de apenas 2cm, é estrutural e simultaneamente sustentável. Inspirado pela construção de abóbadas catalãs, este novo sistema de lajes substitui barras de aço reforçadas por nervuras verticais estreitas, reduzindo significativamente o peso da estrutura e garantindo a estabilidade para resistir às distribuições irregulares em sua superfície.

Ao contrário dos pisos de concreto tradicionais que são evidentemente planos, estas placas são projetadas para arquear e suportar cargas principais, reminiscente dos tetos abobadados encontrados em catedrais góticas. Sem a necessidade de reforços de aço e com menos concreto, a produção de CO2 é minimizada e os pisos de 2 cm resultantes são 70% mais leves do que suas contrapartes típicas de concreto.

via Block Research Group via Block Research Group via Block Research Group via Block Research Group +5

Clássicos da Arquitetura: Restaurante Los Manantiales / Félix Candela

12:00 - 17 Abril, 2017
Clássicos da Arquitetura: Restaurante Los Manantiales / Félix Candela, © Erik Eugenio Martínez Parachini
© Erik Eugenio Martínez Parachini

© Erik Eugenio Martínez Parachini © Erik Eugenio Martínez Parachini © Usuario de Flickr: wework4her. (CC BY-SA 2.0) © Usuario de Flickr: wework4her. (CC BY-SA 2.0) +24

Este projeto do arquiteto espanhol Félix Candela localiza-se em Xochimilco, local de enorme significado pelas origens pré-hispânicas, hoje Cidade do México, em uma área conhecida por ter tido uma das fontes mais importantes de água doce para a cidade de então. O edifício do restaurante "Los Manantiales" construído no ano de 1957, possui uma grande sala com capacidade para cerca de 1000 pessoas, formada pela intersecção de 4 paraboloides hiperbólicos, constituindo um destacável exemplo desse ramo de projeto estrutural.

Palácio da Justiça de Córdoba projetado por Mecanoo & Ayesa prestes a ser concluído

16:00 - 7 Abril, 2017
Palácio da Justiça de Córdoba projetado por Mecanoo & Ayesa prestes a ser concluído, © Fernando Alda
© Fernando Alda

Em 2006, uma equipe formada pelos escritórios Mecanoo e Ayesa venceu um concurso internacional para o tribunal de Córdoba com uma proposta que combina o carácter histórico da região com um toque moderno. Agora, após quase uma década, o Palácio da Justiça está prestes a ser concluído.

Inspirado pelas origens mouras de Córdoba, o projeto apresenta um equilíbrio entre um volume de concreto contemporâneo e um pátio externo tradicional; um reflexo do plano da cidade antiga. 

© Fernando Alda © Fernando Alda © Fernando Alda © Fernando Alda +12

Clássicos da Arquitetura: Residência Demétrio Yamaguchi / João Batista Martinez Corrêa

12:00 - 6 Março, 2017
Clássicos da Arquitetura: Residência Demétrio Yamaguchi / João Batista Martinez Corrêa , © Pedro Kok
© Pedro Kok

Por João Batista Martinez Corrêa

Em 1981, fora do ambiente formal de trabalho, portanto durante as noites e nos fins de semana, desenvolvi com muito prazer o projeto da residência de meus amigos e moradores do mesmo prédio que eu morava.

Havia naquela época uma tendência de morar longe das cidades grandes, uma fuga de problemas de segurança, mais espaço de conveniência familiar, atividades de lazer e também uma busca de maior proximidade com a natureza, enfim uma esperança de vida melhor. Demétrio e Laura, meus amigos e vizinhos adquiriram um terreno de 840 metros quadrados em Alphaville II com um pequeno declive da frente para os fundos, de forma trapezoidal 16m de frente e 18m de fundos e aproximadamente 50m da frente aos fundos.

© Pedro Kok © Pedro Kok Cortesia de JBMC Arquitetura e Urbanismo Cortesia de JBMC Arquitetura e Urbanismo +55

Esta coluna de concreto complexa foi feita através de impressão tridimensional

07:00 - 6 Março, 2017
Esta coluna de concreto complexa foi feita através de impressão tridimensional, © Lisa Ricciotti
© Lisa Ricciotti

Enquanto a impressão 3D em grande escala para a arquitetura continua a ser uma área de pesquisa muito movimentada, a empresa XtreeE, com sede na França, vem usando o concreto impresso 3D em projetos desde 2015. Sua mais recente criação é uma estrutura de suporte orgânica para um parque infantil em Aix -en-Provence.

Cortesia de XtreeE Cortesia de XtreeE Cortesia de XtreeE Cortesia de XtreeE +11

Fazenda Niop, de AS Arquitectura e R79, mescla materiais tradicionais e industriais

06:00 - 14 Fevereiro, 2017
Fazenda Niop, de AS Arquitectura e R79, mescla materiais tradicionais e industriais, © David Cervera
© David Cervera

Este artigo faz parte de nossa série "Material em Foco", onde pedimos aos arquitetos que compartilhem mais sobre seu processo criativo, o qual através da escolha dos materiais são definidas partes importantes da construção de suas obras.

A Fazenda Niop, de AS Arquitectura e R79 é um projeto de regeneração arquitetônica que dialoga com uma construção história por meio da reconversão de um espaço abandonado de caráter industrial a um conjunto turístico de alto nível na região sudeste do México. O respeito pelo contexto do lugar influencia a nova escolha de materiais (como o aço, a pedra, o chukum, a madeira e o vidro) para criar novos espaços de uso público e privado que dialogam com o pré-existente. Nesta entrevista, conversamos com Roberto Ramirez de R79 que nos explica mais sobre como a eleição de materiais do projeto contribuiu com o processo de projeto e construção.

© David Cervera © David Cervera © David Cervera © David Cervera +18

Marcos Acayaba: Estruturas de concreto e de madeira

16:00 - 28 Janeiro, 2017

A Escola da Cidade compartilhou conosco mais um de seus vídeos do Baú da Escola, desta vez, de uma palestra com o arquiteto Marcos Acayaba, que participou de duas aulas do curso de pós-graduação Geografia, Cidade e Arquitetura para falar sobre algumas de suas obras e, em especial, estruturas de madeira.

Acayaba apresentou, de forma não cronológica, projetos concluídos e em obras organizados a partir dos sistemas estruturais, sistemas construtivos e técnicas construtivas, como estruturas de alvenaria, concreto, aço e madeira.

Seria o concreto realmente antiecológico?

07:00 - 7 Janeiro, 2017
Seria o concreto realmente antiecológico?, Tricorn Shopping Centre, Portsmouth, 1965. Credit: RIBA Library Photographs Collection
Tricorn Shopping Centre, Portsmouth, 1965. Credit: RIBA Library Photographs Collection

Há muito tempo o concreto tem sido considerado particularmente prejudicial ao meio ambiente. No entanto, a Architect Magazine publicou recentemente um artigo na revista Nature Geoscience que pode mostrar algumas conclusões concretas sobre esta questão

O estudo, inspirado no grande aumento da produção de concreto na China, utilizou uma técnica de estimulação baseada em algoritmos - denominada análise de Monte Carlo - para quantificar a carbonatação do cimento global.

A engenharia por trás da fachada hexagonal do projeto "Honeycomb" do BIG

15:00 - 4 Janeiro, 2017
A engenharia por trás da fachada hexagonal do projeto "Honeycomb" do BIG, © BIG
© BIG

O escritório BIG é conhecido por seus edifícios pouco convencionais que muitas vezes levantam a questão: "como eles foram capazes de fazer isso?" É o caso do Honeycomb, um luxuoso edifício de oito pavimentos atualmente em construção nas Bahamas. A marca do projeto é a sua fachada hexagonal composta por varandas privadas, cada uma com a sua própria piscina exterior e fechamento em vidro. A fachada foi também o maior desafio de engenharia do projeto, com cada varanda pesando entre 48 e 122 mil quilogramas (incluindo a água das piscinas) e projetando-se em balanços de até 5,5 metros.

Cortesia de DeSimone Consulting Engineers © BIG © BIG Cortesia de DeSimone Consulting Engineers +15

Os desafios da acessibilidade na construção de zona rural

06:00 - 2 Janeiro, 2017
Os desafios da acessibilidade na construção de zona rural , Cortesia de Mayer & Selders
Cortesia de Mayer & Selders

Este artigo é parte da nossa nova série "Material em Foco", onde os arquitetos compartilham conosco o processo de criação através da escolha de materiais que definem parte importante da construção de seus projetos.

16 materiais que todo arquiteto precisa conhecer

15:00 - 28 Dezembro, 2016
16 materiais que todo arquiteto precisa conhecer

A materialidade de um edifício é aquilo com o qual nossos corpos fazem contato direto. a fria alça de metal, a parede quente de madeira e a dura janela de vidro criariam uma atmosfera completamente diferente se fossem, por exemplo, uma maçaneta de vidro, uma parede de fria e uma janela de madeira. A materialidade é tão importante quanto a forma, função e localização - ou melhor, inseparável de todos os três.

Here we’ve compiled a selection of 16 materials that should be part of the design vocabulary of all architects, ranging from the very familiar (such as concrete and steel) to materials which may be unknown for some of our readers, as well as links to comprehensive resources to learn more about many of them.

Os melhores projetos do mundo em 2016 (sem excluir América Latina, África e Ásia)

15:00 - 21 Dezembro, 2016
Os melhores projetos do mundo em 2016 (sem excluir América Latina, África e Ásia)

Sabemos que a história é escrita por aqueles que vencem e impõem seu próprio relato. Também sabemos que o relato do ocidente é o da Europa e Estados Unidos, enquanto o resto dos atores são minimizados ou inviabilizados; chineses e japoneses durante a Segunda Guerra Mundial; com o Império Otomano na Europa do século XVI e com as maiorias raciais na leitura da independência latino-americana. O mesmo ocorre com a arquitetura.

Temos insistido que o boom do Hemisfério Sul não se apoia unicamente em uma obra nova, mas também no reconhecimento de uma nova arquitetura inviabilizada e aparentemente não digna de ser publicada em revistas nos anos 1990. Este cenário mundial mudou com o surgimento de uma humanidade multipolar, mais local. Globalizada mas heterogênea, acelerada mas desequilibrada. Não há países vermelhos ou azuis, mas uma ampla paleta de cores explodidas, como num quadro de Pollock.

Isto serve de preâmbulo para ponderar os melhores edifícios de 2016 de acordo com a opinião do crítico britânico Oliver Wainwright, que elaborou um mapa mundi delimitado por Nova Iorque (a oeste) e a cidade norueguesa de Utoya (a leste), com a exceção de Birzeit, na Palestina. 

O Hemisfério Sul representa mais de 40% da economia global e já concentra as principais mega-cidades do mundo, e, mesmo assim, não vale a pena estudar sua arquitetura? Expandindo os limites do mapa mundi arquitetônico de um planeta em transformação, destacamos os seguintes projetos deste ano.