1. ArchDaily
  2. Século 19

Século 19: O mais recente de arquitetura e notícia

Clássicos da Arquitetura: Casa Vermelha / William Morris e Philip Webb

No coração de um subúrbio a leste de Londres, fica uma incongruente casa de campo em tijolos vermelhos. Com seus caixilhos arqueados ogivais e altas chaminés, a casa foi projetada para parecer uma relíquia da Idade Média. Na realidade, seu estilo vintage data da década de 1860. Esta é a Casa Vermelha (Red House), o lar Arts and Crafts do artista William Morris e sua família. Construída como uma refutação para uma era cada vez mais industrializada, a mensagem da Casa Vermelha foi diminuída pela passagem do tempo e, ao longo dos séculos, foi construída como um alívio em seu entorno.

O vitral, mostrando Love and Hate, foi um dos muitos desenhados por amigos e família de William Morris. Cortesia de Flickr user KotomiCreations (licensed under CC BY-NC 2.0)A porta da frente pintada é de caráter inegavelmente medieval; os vidros de vitrais não são originais. Cortesia do usuário do Flickr Kotomi Creations (licenciado sob CC BY-NC 2.0)Cortesia de Flickr user KotomiCreations (lCC BY-NC 2.0)A planta em L permite o foco no jardim. Cortesia de Flickr user Gabrielle Ludlow (licensed under CC BY-NC-ND 2.0)+ 14

Clássicos da Arquitetura: Feira Mundial de Chicago 1893 / Daniel Burnham e Frederick Law Olmsted

Os Estados Unidos realizaram uma admirável demonstração a si mesmo na primeira Feira Mundial, no Crystal Palace, realizada no Reino Unido em 1851. Jornais britânicos não pouparam elogios, declarando que as invenções americanas exibidas na feira eram de maior utilidade e engenhosidade comparadas a qualquer uma das outras dentro da Feira. Ao contrário de vários governos europeus, que investiram ricamente em suas exibições nacionais nas exposições que se seguiram, o Congresso dos EUA hesitou em contribuir com fundos, forçando expositores a depender de patrocinadores particulares. O interesse em exposições internacionais caiu durante a sangrenta Guerra Civil, mas as coisas recuperaram-se rapidamente. Na sequência do conflito, no entanto, quando o país poderia sediar a Exposição do Centenário da Filadélfia em 1876. Comemorando o patriotismo americano e o progresso tecnológico, a Exposição do Centenário foi um sucesso retumbante que preparou o terreno para outra grande feira americana: A Feira Mundial de 1893. [1]

Cortesia de Wikimedia user RillkeBot (Domínio Público)Embora o próprio edifício fosse bonito, as exposições do Governo dos Estados Unidos não conseguiram atrair muitos dos visitantes da feira. Em primeiro plano, o Ho-O-Den, uma réplica do palácio japonês medieval. Cortesia de Wikimedia user RillkeBot (Domínio Público)Cortesia de Wikimedia user scewing (Domínio Público)Um mapa da Exposição de 1893 mostra o quanto dos edifícios da feira foram definidos no eixo com o tribunal de honra. Cortesia de Wikimedia user scewing (Domínio Público)+ 16

Clássicos da Arquitetura: Hôtel van Eetvelde / Victor Horta

Para o observador contemporâneo, as linhas fluidas e a ornamentação naturalista do Art Nouveau não parecem particularmente radicais. Para alguns, o Art Nouveau pode até parecer um suspiro agonizante do classicismo do século 19, pouco antes do inconfundivelmente moderno Art Deco e estilos internacionais suplantassem-no como modos de escolha de projetos. O Hôtel van Eetvelde, projetado em 1897 por Victor Horta -o arquiteto considerado o pai do Art Nouveau- sugere uma história diferente. Com a sua inovadora estratégia espacial e a utilização expressiva de novos materiais industriais, o Hôtel van Eetvelde é um testemunho da novidade da "Nova Arte".

Cortesia de Wikimedia user Zinneke (CC BY-SA 3.0)Cortesia de Flickr user T P (CC BY-NC-ND 2.0)Cortesia de Wikimedia user Koenvde (Domínio Público)Esta fachada compreende as residências (townhouses) típicas de Bruxelas: estreitas, vários pavimentos, e altamente individuais em sua ornamentação. Cortesia de Flickr user Steve Cadman (CC BY-SA 2.0)+ 6

Clássicos da Arquitetura: Torre Eiffel / Gustave Eiffel

O mundo nunca havia visto nada como a graciosa forma de ferro que surgiu do Champ de Mars de Paris no final da década de 1880. A "Torre Eiffel", construída como uma instalação temporária para a Exposição Universal de 1889, tornou-se uma sensação imediata por sua aparência sem precedentes e altura extraordinária. Tem superado por muito tempo a sua vida pretendida e tornou-se não apenas um dos marcos mais populares de Paris, mas uma das estruturas mais reconhecíveis na história humana.

Clássicos da Arquitetura: Torre Eiffel / Gustave EiffelDomínio Público. Agosto de 1888Domínio Público. Dezembro de 1887Clássicos da Arquitetura: Torre Eiffel / Gustave Eiffel+ 11