Estações da Linha Bravo 2 / Van Belle Medina

Estações da Linha Bravo 2 / Van Belle Medina

Luchtbal. Imagem © Stijn BollaertTjalkstraat. Imagem  © Stijn BollaertTjalkstraat. Imagem  © Stijn BollaertStraatsburgbrug. Imagem  © Maxime Delvaux+ 55

  • Arquitetos: Van Belle Medina
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  2000
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fotógrafo Fotografias:  Stijn Bollaert, Maxime Delvaux
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Petersen Tegl
  • Arquitetos Responsáveis:Kurt Van Belle, Patricia Medina
  • Material Gráfico:Anna García
  • Cidade:Antwerp
  • País:Bélgica
Mais informaçõesMenos informações
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto das Estações Bravo 2 foi encomendado pela De Lijn, a empresa de transportes belga responsável pelo transporte público do país, e consiste em projetar três estações de tram, um tipo de veículo elétrico que corre sobre trilhos normalmente instaladas nas vias urbanas. As estações devem proporcionar energia à nova linha de tram na região norte da Antuérpia, e fazem parte de um projeto de maior escala. 

A nova linha de tram, conhecida como Bravo 2, liga Rooseveltplaats Antwerp a Luchtbal e a região de Eilandje.

Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal - Planta
Luchtbal - Planta
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert

Um pequeno parque em Noorderlaan na área residencial de Luchtbal, uma ponte ao lado de um estacionamento de ônibus em Tjalkstraat e no cruzamento em frente ao projeto de Zaha Hadid conhecido como Port House, cada estação está localizada em um lugar diferente e, portanto, apresenta requisitos técnicos diferentes que impactam em sua arquitetura. 

Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal - Fachada Leste
Luchtbal - Fachada Leste
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert
Luchtbal. Imagem © Stijn Bollaert

Cada um desses edifícios, porém, traz uma similaridade: todos devem abrigar as instalações técnicas e manutenção das linhas de Tram. Seus formatos rígidos os transformam em pavilhões, introduzindo poesia ao contexto urbano. O projeto contribuí para uma narrativa urbana, criando vistas sem precedentes na paisagem, e, ao mesmo tempo, avalia o significado de sustentabilidade, explorando os limites do que a disciplina da arquitetura significa. 

Tjalkstraat. Imagem  © Stijn Bollaert
Tjalkstraat. Imagem © Stijn Bollaert

As estações foram projetadas considerando a paisagem e o contexto de seu entorno. A simbiose existente entre a complexidade do lugar e a infraestrutura traz como resultado três objetos diferentes, com identidades arquitetônicas distintas e significados únicos.

O pavilhão se torna parte do tecido urbano, e sua forma e expressão recriam um diálogo entre a arquitetura, a infraestrutura e a natureza. 

Tjalkstraat. Imagem  © Stijn Bollaert
Tjalkstraat. Imagem © Stijn Bollaert
Tjalkstraat - Planta
Tjalkstraat - Planta
Tjalkstraat. Imagem  © Stijn Bollaert
Tjalkstraat. Imagem © Stijn Bollaert

Cada um dos edifícios foi implantado considerando o uso livre de seu entorno, respeitando os elementos paisagísticos e os incluindo nos estudos de implantação.

Tjalkstraat. Imagem  © Stijn Bollaert
Tjalkstraat. Imagem © Stijn Bollaert
Tjalkstraat - Fachada Sul
Tjalkstraat - Fachada Sul
Tjalkstraat. Imagem  © Stijn Bollaert
Tjalkstraat. Imagem © Stijn Bollaert

A área de Luchtbal faz parte de um corredor verde delimitado por um conjunto de edifícios. A estação foi concebida como um pavilhão ajardinado para agregar estrutura e qualidade ao parque, criando relações visuais e ativando o dinamismo social.

Uma parede com aberturas em arco destacam um círculo no parque, o qual, num único gesto, contempla uma sala de manutenção, as árvores existentes e uma visão escultural. 

Straatsburgbrug. Imagem  © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug. Imagem © Maxime Delvaux

A Estação de Tjalkstraat está localizada na encosta de Noorderlaan, e foi concebida como uma parede de alvenaria com três reentrâncias semicirculares. A volumetria oferece um abrigo convidativo a quem espera o tram, ao mesmo tempo que remete ao cuidado com que as grandes intervenções de infraestruturas públicas eram concebidas no passado. 

Straatsburgbrug. Imagem  © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug. Imagem © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug - Planta
Straatsburgbrug - Planta
Straatsburgbrug. Imagem  © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug. Imagem © Maxime Delvaux

A estação da Ponte de Estrasburgo está localizada a leste da nova Port House, projetada por Zaha Hadid. A estação foi pensada como um lugar para descansar e observar a arquitetura do entorno como a obra de Hadid, o Kattendijkdok e o Albert Canal.

Desenvolvido seguindo o traçado do tram, o projeto incorpora duas escadas que elevam o usuário até o nível da cobertura. Como um pequeno poste de amarração de barcos, o edifício oferece uma resposta sutil à arquitetura dominante da Port House, fugindo da competição e da ironia arquitetônica. 

Straatsburgbrug. Imagem  © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug. Imagem © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug - Fachada Sudeste
Straatsburgbrug - Fachada Sudeste
Straatsburgbrug. Imagem  © Maxime Delvaux
Straatsburgbrug. Imagem © Maxime Delvaux

Apesar do conceito genérico de adaptar cada volume ao seu contexto e requisitos específicos, buscando obter resultados volumétricos distintos, o projeto estabelece uma relação entre os três edifícios a partir de sua materialidade. As três estações são feitas com o mesmo tijolo, de forma que todos parecem pertencer à mesma família, mas cada qual com suas qualidades arquitetônicas e urbanas diferentes. O tijolo foi aplicado de formas diferentes em cada edifício, utilizando diferentes formas de amarração, detalhes e fixações.

O objetivo era alcançar uma coerência entre os edifícios, uma linguagem que fosse contemporânea e atemporal ao mesmo tempo, e que instintivamente pertencesse ao local. A ambição deste projeto era formar uma imagem atual que ficasse latente na mente do visitante. 

Tjalkstraat. Imagem  © Stijn Bollaert
Tjalkstraat. Imagem © Stijn Bollaert

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Antwerp, Bélgica

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Estações da Linha Bravo 2 / Van Belle Medina" [Traction Stations Bravo 2 / Van Belle Medina] 03 Mar 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/957819/estacoes-da-linha-bravo-2-van-belle-medina> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.