Conjunto Residencial Terraços das Olarias / DNSJ.arq

Conjunto Residencial Terraços das Olarias / DNSJ.arq

Cortesia de DNSJ.ArqCortesia de DNSJ.ArqCortesia de DNSJ.ArqCortesia de DNSJ.Arq+ 21

  • Arquitetos: DNSJ.arq
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  1169
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: ARTEBEL, Bosch, CIN, GRAPHISOFT, Geberit, Italbox, MACIÇA, Porseg, Sanitana, Silestone, VM Zinc, Vicaima, Viúva Lamego, Weber
  • Equipe De Projeto:Nuno Simões, Sergio Rebelo, David Maciel, José Pedro Fernandes, Fredson Silva, Mariana Cabugueira
  • Engenharia:Cofiproj, Paulo Almeida Ribeiro
  • Clientes:Sustentoasis
  • Paisagismo:Global
  • Cidade:Lisboa
  • País:Portugal
Mais informaçõesMenos informações
Cortesia de DNSJ.Arq
Cortesia de DNSJ.Arq

Descrição enviada pela equipe de projeto. Esta intervenção na Mouraria reabilita um conjunto heterogéneo de sete edifícios degradados e um logradouro, adequando-os a um programa habitacional com exigências de qualidade, possibilitando a valorização deste troço abandonado de cidade. O seu carácter particular prende-se com a diversidade de modos de intervir, resultantes dos diferentes níveis de conservação e de interesse do existente: o projecto decorreu desde a manutenção de fachadas e reconstrução tipológica e funcional, à demolição e reinvenção integral, passando por uma intervenção mista de conservação de fachada e recomposição dos interiores.

Cortesia de DNSJ.Arq
Cortesia de DNSJ.Arq

Estes distintos modos de operar são acompanhados por variações de números de pisos e de ajustamentos altimétricos, criando uma complexa articulação e compatibilização entre acessos, níveis altimétricos dos pisos e vãos existentes. O resultado é um conjunto edificado em que a maioria dos fogos apresenta uma solução específica, o que lhe garante uma identidade própria (duplex’s, fogos em piso único, fogos com entrada comum por átrio, outros acessíveis directamente a partir da rua, em mansarda, com pés-direitos duplos, acusando interiormente as águas do telhado, outros em aproveitamento de cobertura com trapeiras, com pátios privativos, com terraços, com varandas, etc.) Devolveram-se ao espaço público as fachadas recuperadas e expurgadas de elementos espúrios, e procurou-se o convívio equilibrado entre pré-existências de qualidade variável e uma desejável linguagem contemporânea para as novas intervenções.

Cortesia de DNSJ.Arq
Cortesia de DNSJ.Arq
Planta
Planta
Cortesia de DNSJ.Arq
Cortesia de DNSJ.Arq

Tratando-se de uma série de edifícios distintos, houve que garantir a unidade do conjunto pela escolha de materiais e de uma linguagem que pudessem “coser” os vários elementos. A tardoz, assumiu-se uma composição decorrente da repetição de vãos-tipo e de varandas corridas, como reforço da expressão unitária no “avesso” da imagem pública. As demolições no logradouro - compartimentado por construções, muros, e áreas pavimentadas - devolveram-lhe escala de conjunto para usufruto colectivo, ampliando-se a sua permeabilidade com novas zonas relvadas e pavimentos semi-permeáveis.

Cortesia de DNSJ.Arq
Cortesia de DNSJ.Arq

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Tv. do Jordão 23 21, 1100-295 Lisboa, Portugal

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Conjunto Residencial Terraços das Olarias / DNSJ.arq" 02 Mar 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/956677/conjunto-residencial-terracos-das-olarias-dnsrq> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.