Residência Beach Shack / Bryden Wood

Residência Beach Shack / Bryden Wood

© Ketterman Photography© Ketterman Photography© Ketterman Photography© Ketterman Photography+ 22

Ponte Vedra Beach, Estados Unidos
  • Arquitetos: Bryden Wood
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  900
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fotógrafo Fotografias:  Ketterman Photography
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Cosentino, Lutron, Bega, Blanco, Borano, Capital Concrete, Dornbracht, Dura-stress, Duravit, Enphase, Fisher & Paykel, Florim, Grohe, Hafele, Helo, Infinity Drain, Juno, LG Electronics, LINEA, Lacava, +18
  • Arquitetos Responsáveis:Bryden Wood, Sir Nicholas Grimshaw, Thomas J. Mnich.
  • Clientes:Private
  • Engenharia Estrutural:Chris C. Kathe
  • Engenharia Mecânica, Elétrica E Hidráulica:CPH
  • Design De Interiores:KMH
  • Paisagismo:Ben Dinkins
  • Construtora:Carlton Construction
  • área Do Terreno:3700.0 m2
  • Cidade:Ponte Vedra Beach
Mais informaçõesMenos informações
© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

Descrição enviada pela equipe de projeto. Os arquitetos da Bryden Wood projetaram esta residência próxima à praia de Ponte Vedra Beach, na Flórida. Inspirada por sua localização tropical e seu design industrial, a casa de 900 metros quadrados é equipada com interiores de concreto, intervenções inovadoras e elementos sustentáveis por toda parte.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

O conceito de projeto é uma continuação de temas arquitetônicos semelhantes explorados em uma obra anterior na Alemanha, construída para o mesmo cliente, Nicholas Grimshaw. Beach Shack é um projeto residencial arrojado e linear, com fachadas impressionantes, composto por duas alas simétricas que se estendem a partir de um hall central e da entrada da casa. Ele cria vistas panorâmicas do oceano e movimentos fluidos através das suas áreas internas.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography
Planta - segundo nível
Planta - segundo nível
Corte
Corte

A fachada voltada para a rua é construída como uma camada separada da casa. São utilizados grandes painéis pré-fabricados, dominados por um padrão rígido. A fachada protege o interior do sol gerando temperaturas de transição e condições de iluminação. Esta área abriga um jardim que serve como um espaço interior privado para contemplação. Por outro lado, a fachada posterior é totalmente envidraçada com portas deslizantes de carvalho-alumínio e janelas que se abrem, abrangendo a paisagem costeira. Os painéis deslizantes de cedro amarelo controlam a quantidade de luz no interior da residência.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

O espaço interior flui em torno do hall aberto que une a cozinha, a sala de estar e a biblioteca como um espaço contínuo e fluido. Ele é cercado, ainda, por uma combinação equilibrada de superfícies de concreto nas paredes e pisos que formam a estrutura composta pelos pilares de madeira da fachada de vidro, paredes brancas, divertidos móveis coloridos e peças de arte.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

O interior é minimalista e de alta tecnologia. Os usuários são recebidos por uma impressionante escada hidráulica retrátil e três plataformas de aço inoxidável, vidro e madeira. O design é inspirado no contexto industrial dos proprietários e foi construído com os mais altos padrões de construção residencial de frente para o mar, por uma equipe experiente que incluía engenheiros e fabricantes náuticos. As escadas centrais, operadas por dois cilindros de motores hidráulicos integrados na plataforma, podem ser levantadas quando desejado, liberando os espaços de refeições e de estar para se fundirem em um e abrigarem eventos. As plataformas articulam o espaço horizontal e verticalmente no coração da plataforma e levam o usuário do térreo à cobertura, onde a plataforma superior recompensa o visitante com uma vista panorâmica de 360 graus do oceano e dos pântanos ao redor do terreno.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

Apesar do clima calmo nos meses de primavera e verão, a área está sujeita aos efeitos dos furacões no Caribe. Em conjunto com a estrutura de concreto aparente, a casa foi projetada para suportar ventos de mais de 225 km/h. A fachada voltada ao oceano é completada com painéis deslizantes de treliça de cedro amarelo que controlam a quantidade de luz no interior. A madeira não tratada permite que os painéis exteriores se desgastem naturalmente ao longo do tempo.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

Uma atenção cuidadosa ao controle da luz solar direta e à redução dos ganhos de calor solar em todas as fachadas combinadas com painéis fotovoltaicos integrados tornam a casa eficiente no consumo de energia e quase sem emissões. Mais uma vez, trabalhando em sensibilidade com o caráter do local, o paisagista Ben Dinkins plantou uma variedade de espécies nativas da região que combinam com a vegetação existente nas dunas da praia. Os danos ambientais adicionais foram significativamente reduzidos pelo uso de luzes alaranjadas brilhantes, selecionadas especificamente para garantir que as tartarugas - presentes na área durante seus ciclos reprodutivos - não sejam perturbadas pelas luzes noturnas.

© Ketterman Photography
© Ketterman Photography

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Residência Beach Shack / Bryden Wood" [Beach Shack Residential Retreat / Bryden Wood] 24 Jan 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/932424/residencia-beach-shack-bryden-wood> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.