Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Edifícios Institucionais
  4. Áustria
  5. Snohetta
  6. 2019
  7. Swarovski Manufaktur / Snøhetta

Swarovski Manufaktur / Snøhetta

  • 16:00 - 10 Fevereiro, 2019
  • Curadoria de Paula Pintos
  • Traduzido por Vinicius Libardoni
Swarovski Manufaktur / Snøhetta
Swarovski Manufaktur  / Snøhetta, © David Schreyer
© David Schreyer

© David Schreyer © David Schreyer © David Schreyer © David Schreyer + 25

© David Schreyer
© David Schreyer

Descrição enviada pela equipe de projeto. Desenvolvido para uma das mais importantes fabricantes de cristais do mundo, a Swarovski Manufaktur é uma oficina de prototipagem e criação de peças exclusivas em cristal. O projeto desenvolvido pelo Snøhetta reune com maestria o espaço de criação e produção das joias através de sua inovadora arquitetura. Esta nova organização espacial é inovadora porque permite que a empresa alinhe os processos criativos com os requisitos técnicos do espaço de produção.

© David Schreyer
© David Schreyer

Um jogo de luz

O Swarovski Manufaktur foi concebido para facilitar a colaboração entre os diferentes processos de fabricação, incentivando o intercâmbio de idéias e a rápida implementação de novos processos de produção. O projeto foi desenvolvido com o principal objetivo de criar um espaço atraente e estimulante para a equipe de designers, incentivando a sua criatividade ao invés de se concentrar apenas nos processos de produção. Uma das estratégias dos arquitetos foi a incorporação da luz natural nos espaços de produção, a melhor maneira de perceber o real brilho de um cristal.

© David Schreyer
© David Schreyer
© David Schreyer
© David Schreyer

A luz natural penetra o espaço do edifício através de uma série de aberturas zenitais chamadas de "cassetes". Esta estrutura espacial da cobertura conta com 135 aberturas, uma malha de pequenas cúpulas que filtram a luz do sol e banham o interior com uma suave e homogênea luz indireta. A estrutura nervurada da cobertura está composta por uma malha modular de 6x3 metros em um plano levemente inclinado. Junto à esta estrutra encontram-se todas as instalações necessárias para o funcionamento do edifício. Além disso, a estrutura do forro acústico conta com painéis micro-perfurados que garantem um alto desempenho acústico, permitindo que todas as pessoas se comuniquem normalmente apesar de todos os ruídos de fundo gerados pelas máquinas da fábrica.

© David Schreyer
© David Schreyer

Um espaço flexível

A atmosfera deste espaço de trabalho é luminosa e acolhedora. Os materiais utilizados são na grande maioria, brancos, contando ainda pisos e painéis de madeira que revestem um mezanino escultórico desde onde é possível ter uma visão geral deste generoso espaço de trabalho. A luminosidade particularmente intensa do escritório-fábrica é enfatizada quando os visitantes chegam ao espaço do Manufaktur vindos do Campus 311, o antigo edifício da fábrica, um espaço construído com uma paleta de cores majoritariamente escura. Desta forma, através dos contrastes, acentua-se a experiência de um campus composto por diferentes edifícios e diferentes arquiteturas.

© David Schreyer
© David Schreyer

Uma grande escadaria aberta, ampla o suficiente para criar espaços informais de encontro e reuniões, dá acesso ao piso principal a partir de uma plataforma que flutua sobre o térreo da fábrica suspensa a partir da cobertura. Esta estrutura suspensa abriga tanto os escritórios, o showroom e as salas de apresentação. Cada um destes espaços são cercados por paredes de vidro e o interior é dominado por móveis de madeira, estruturas de aço e diferentes acabamentos em tecido. No piso principal, um café também funciona como ponto de encontro e espaço de socialização entre os funcionários da empresa.

© David Schreyer
© David Schreyer

Dentro do Manufaktur, toda a produção de cristais Swarovski é prototipada e reproduzida em pequena escala: o piso principal contém todas as máquinas necessárias para produzir pequenas séries de cristais muito rapidamente. A flexibilidade espacial foi um elemento decisivo no processo de projeto, considerando as futuras transformações nos processos de produção e requisitos técnicos, a fabrica poderá facilmente ser adaptada e reorganizada segundo diferentes critérios.

© David Schreyer
© David Schreyer

O edifício foi construído com um sistema de piso elevado que oferece flexibilidade para todos os equipamentos e instalações técnicas. Além disso, o "fosso da orquestra" - um espaço aberto rebaixado no piso principal até o porão - permite que protótipos de até 14 metros de altura sejam executados e testados no local.

© David Schreyer
© David Schreyer

A nova fábrica da Swarowski não apenas estabelece um novo padrão para o futuro da empresa, mas também para a sua sustentabilidade; O edifício atende aos critérios da certificação LEED Gold Standard (Leadership in Energy and Environmental Design).

Ver a galeria completa

Localização do Projeto

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Escritório
Cita: "Swarovski Manufaktur / Snøhetta" [Swarovski Manufaktur / Snøhetta] 10 Fev 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/910713/swarovski-manufaktur-snohetta> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.