Pavilhão Temporário em Picnic «Afisha» / project eleven

Pavilhão Temporário em Picnic «Afisha» / project eleven

© Ilia Ivanov© Ilia Ivanov© Ilia Ivanov© Ilia Ivanov+ 16

  • Arquitetos: project eleven
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  400
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fotógrafo Fotografias:  Ilia Ivanov
  • Outros Participantes:PIK Group, Olga Boris, Alisa Semanova
  • Colaboradores:PIK Group, Departament
  • Consultores:MAX group
  • Clientes:PIK Group, Departament
  • Cidade:Moscou
  • País:Rússia
Mais informaçõesMenos informações
© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov

Descrição enviada pela equipe de projeto. Este pavilhão faz parte do projeto “Flat a Céu Aberto” organizado pelo PIK Group – um dos principais agentes imobiliários da Rússia – para o festival de música Picnic “Afisha”. Estruturas pop-up que simbolizavam cômodos de um apartamento abstrato foram montadas em diferentes áreas do parque Kolomenskoye, onde o festival acontece desde 2007.

© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov
Planta Baixa
Planta Baixa
© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov

O objeto é uma reinterpretação de uma sala de estar, que é um espaço comum de comunicação e atividade em qualquer apartamento. Não por acaso foi posicionado em uma das áreas mais populosas do festival, entre a praça de alimentação e o palco principal de música. Esta localização específica implicava que o pavilhão fosse um objeto de arte, além de ter uma finalidade prática clara.

© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov
Isométrica
Isométrica
© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov

Com suas paredes semitransparentes construídas com tubos de plástico coloridos, o pavilhão realmente se destacou em relação ao entorno. A parte interna deste foi dividida em vários compartimentos. Cada um deles tem uma estrutura separada e individual, que determinam juntos uma precisa forma retangular preenchida com um grid irregular de estrutura metálica branca e tubos de plástico. As seções deliberadamente irregulares criam uma composição dinâmica e expressiva que traz uma pequena ondulação para essa forma aparentemente austera. Situado em um gramado verde brilhante, o pavilhão da sala de estar multi-colorida parece resultado de uma manipulação de imagem com efeito glitch, que apareceu de repente em uma paisagem criada por um computador.

Esquema
Esquema

Além de seu desenho notável, o pavilhão também foi concebido para ser uma área funcional para relaxamento. Poltronas confortáveis e espreguiçadeiras para os frequentadores do festival foram instaladas em todas as seções. Estas peças de mobiliário foram mescladas com mesas de apoio e luminárias, gerando componentes leves. A transparência do Pavilhão permitiu que os visitantes vissem o que estava acontecendo nas outras áreas do festival e que até assistissem ao show no palco principal sem sair do espaço.

© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov

Apesar de ser uma sala de estar, o edifício é mais uma mansão de um andar que lembra clássicos clássicos do século 1920, como a Villa Savoye e a Casa Farnsworth. Sua mobília também é inspirada nos desenhos icônicos de Marcel Breuer e Le Corbusier. Embora altamente influenciado por uma arquitetura modernista, o pavilhão oferece suas próprias perspectivas sobre as mansões privadas de estilo internacional.

Elevações
Elevações

A extrema transparência deste pavilhão é diferente daquela encontrada na Casa de Vidro de Philip Johnson ou na já mencionada Casa Farnsworth de Mies van der Rohe. Seu vazio é um vazio de um prisma claro que espera que um raio de luz se transforme em arco-íris. Essa impressão ambivalente é amplificada por uma grid irregular que simboliza o resultado da desconstrução total do edifício, bem como um layout de um edifício que ainda não foi construído. Uma estrutura oscilante e sempre em evolução se relaciona com os trabalhos dos grupos de arquitetura conceitual dos anos 1960, como Archigram e Superstudio – ambos usavam o grid em seus projetos utópicos, considerando-o um jogo de tabuleiro interminável para seus experimentos. Poucas décadas depois, o grid foi imortalizado no clichê de ficção científica do “ciberespaço”. Usar sua versão desconstruída neste pavilhão contemporâneo, mas ainda retro-futurista, é uma solução inteligente e elegante.

© Ilia Ivanov
© Ilia Ivanov

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Moscou, Rússia

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Pavilhão Temporário em Picnic «Afisha» / project eleven" [Temporary Pavilion at Picnic «Afisha» / project eleven] 15 Fev 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/910577/pavilhao-temporario-em-picnic-number-syck-mergekey-0x0000000ad9f378-afisha-project-eleven> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.