Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Centro Comunitário Shanghai Vanke Qichen / Shenzhen Huahui Design

Centro Comunitário Shanghai Vanke Qichen / Shenzhen Huahui Design
© Chao Zhang
© Chao Zhang

© Chao Zhang © Chao Zhang © Chao Zhang © Chao Zhang + 28

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 4277.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2018
  • Fotógrafo Fotografias: Chao Zhang
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Flat Group, Lopo Art ceramics, Nantong New Space Curtain Wall Material Manufaturing
© Chao Zhang
© Chao Zhang

Localização

Este projeto está localizado no distrito de Baoshan, em Xangai. O terreno é longo e estreito, com um formato triangular definido a partir de duas ruas que se intersectam em um ângulo de 70 graus. Com espaços para exposições e programas públicos dedicados à comunidade, uma grande preocupação, em relação à cidade, era de como, efetivamente, fazer o edifício caber no terreno, e ao mesmo tempo se tornar uma imagem atrativa na cidade, criando uma entrada chamativa para as pessoas, guiando os diferentes fluxos e, assim, atingindo um espaço coletivo de muitas camadas e de vida urbana ativa.

© Chao Zhang
© Chao Zhang
© Chao Zhang
© Chao Zhang

Organização Espacial 

O projeto parte de dois eixos principais, cartesianos. Enquanto a linha norte sul marcam a entrada,o eixo leste oeste define os principais espaços interiores. A partir da implantação do edifício foi possível definir três espaços externos caracterizados por diferentes elementos: indo de leste a oeste, há um pátio de águas abertas na esquina da rua, um pátio de bambu com uma grande cobertura na entrada e um pátio "flutuante" no final.

Distribuição do programa. Imagem Cortesia de Shenzhen Huahui Design
Distribuição do programa. Imagem Cortesia de Shenzhen Huahui Design

O hall de entrada divide o espaço em duas partes, a parte oeste foca principalmente em atividades que prestam serviços à comunidade e no centro de exposição, enquanto a parte leste é dedicada aos serviços para os idosos. O paisagismo da entrada e do corredor dos fundos integram no espaço como um todo. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang

As funções do lado oeste se organizam envolta de um pátio que trás luz natural e plantas para o edifício. Combinando este espaço com parte do segundo pavimento, a parcela oeste do edifício proporciona ambientes saudáveis e confortáveis para a população. O espaço de refeições é localizado na parte leste do primeiro pavimento, um espaço mais independente que se comunica com o paisagismo do térreo. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang

O desenho do foyer introduz luz natural e dá uma sensação de "dia de folga" para quem visita. O telhado inclinado cria uma imagem para o espaço que fortalece a ambiência dos espaços diurnos, bem como seus rituais. Os espaços externos do eixo leste-oeste também atuam com esse objetivo, a abertura para o céu formada pelo teto e pelo corredor exibe uma lógica similar com o espaço interno, mas com uma experiência espacial diferente.

© Chao Zhang
© Chao Zhang
Planta - 1º Pavimento
Planta - 1º Pavimento
© Chao Zhang
© Chao Zhang

Os recortes da janela foram desenhados na fachada do edifício dando ritmo ao edifício e trabalhando com efeitos de luz e sombra. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang

Espaços Abertos 

Considerando que este projeto está implantado em um importante nó do tecido urbano da cidade, era importante que o edifício proporcionasse espaços abertos nos quais as pessoas podem relaxar, conviver e ter seus momentos de lazer. Para valorizar a presença destes espaços, foi aproveitado ao máximo o espaço inferior e projetamos piscinas e espaços de atividades mais nos cantos. O espaço aberto que marca a entrada principal apresenta um espaço mais voltado aos rituais da comunidade. No limite leste do terreno, foi projetado um pequeno pátio que enquadra o céu e o parque a partir de paredes cuidadosamente estudadas. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang

Fachada

Foram empregados pilotis para aumentar a transparência do projeto, tentar criar uma impressão de que o edifício estaria flutuando no horizonte, dar um senso de continuidade e evidenciar algumas importantes características da rua. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang

A maior parte da fachada externa foi revestida com uma combinação de painéis cerâmicos laranja planos e outros triangulares. As janelas que se destacam do plano da fachada trazem uma sensação de conjunto, de um volume limpo e um forte ritmo para o edifício. A cor laranja também adiciona um elemento vibrante na cidade. Os painéis de vidro da escola comunitária no terceiro pavimento, não somente trazem iluminação natural para o espaço interior, como também criam um elemento especial no volume como um todo, contrastando com a vivacidade dos painéis de cerâmica laranja. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang
© Chao Zhang
© Chao Zhang

Sendo um edifício típico de elemento comunitário, era importante usar um raciocínio simples e lógico para criar uma relação orgânica com a cidade, com a comunidade e com as pessoas, fazendo do lugar um espaço público. 

© Chao Zhang
© Chao Zhang

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos

Localização do Projeto

Endereço: Luobei Rd, Baoshanqu, Xangai, China

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Centro Comunitário Shanghai Vanke Qichen / Shenzhen Huahui Design" [Shanghai Vanke Qichen Community Center / Shenzhen Huahui Design] 17 Out 2018. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/903927/centro-comunitario-shanghai-vanke-qichen-shenzhen-huahui-design> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.