O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Brasil
  5. Estúdio Penha
  6. Casa Conde D'eu / Estúdio Penha

Casa Conde D'eu / Estúdio Penha

  • 05:00 - 29 Julho, 2018
Casa Conde D'eu / Estúdio Penha
Casa Conde D'eu / Estúdio Penha, © Maira Acayaba
© Maira Acayaba

© Maira Acayaba © Maira Acayaba © Maira Acayaba © Maira Acayaba + 27

  • Arquitetos

  • Localização

    Alto da Boa Vista, Brasil
  • Equipe

    Vitor Penha, Verônica Molina, Guto Vicentainer, Bianca Sinisgalli
  • Área

    535.0 m2
  • Fotografias

  • Planialtimétrico

    Podarte Terraplanagem
  • Elétrica e Hidráulica

    Grau Engenharia de Instalações
  • Automação

    Luritec Automação
  • Estrutural

    Program Engenharia
  • Paisagismo

    Roberto Riscala
  • Execução obra

    Minuano Engenharia
  • Mais informações Menos informações
© Maira Acayaba
© Maira Acayaba

Descrição enviada pela equipe de projeto. Nesta casa no bairro Alto da Boa Vista, na metrópole de São Paulo, longe do centro da cidade e com seus 535m², a calmaria está presente na simbiose entre as áreas internas e externas dos volumes que a formam. O programa de necessidades era uma casa para uma cliente com dois filhos pequenos, que contemplasse espaços integrados, incluindo piscina, sauna e varanda de lazer, além de espaço para brincar, um atelier e sala de televisão que poderia funcionar esporadicamente como quarto de hóspedes, mais reservados. A cliente – que havia morado em Nova York – trazia no repertório o desejo de um visual mais industrial, sem perder a conexão com o natural do entorno e com eixos visuais amplos e marcados, razão pela qual procurou o Estúdio.

© Maira Acayaba
© Maira Acayaba
Plantas
Plantas
© Maira Acayaba
© Maira Acayaba

O terreno de 900m² era desafiador, sendo bem comprido e com declive de 2m, tendo como partido arquitetônico adotado a integração com o jardim do entorno, sendo o ponto de partida a adoção de um telhado inclinado face noroeste, permitindo entrada de luz no quartos, banheiros, espaço de brincar e área social, e que no restante do dia não tivesse incidência direta de sol nestes ambientes. O programa foi distribuído em dois blocos unidos pelo telhado inclinado e com o pé-direito duplo na união entre eles. No bloco da frente, o térreo destina-se as áreas de serviço e atelier (sendo a parte social da casa toda voltada para fundo e laterais do terreno), e no superior o quarto de brincar. No bloco dos fundos, o térreo engloba a área de estar e varanda, e no superior os quartos e escritório. A conexão entre os blocos na parte de cima é através de uma passarela que permite contemplar o pé-direito duplo dos blocos integrados e um visual com grandes caixilhos de piso a teto de ambos os lados.

© Maira Acayaba
© Maira Acayaba

A adoção de um dos recuos laterais maior do que o previsto pela legislação - explorado como um grande jardim com os espaços sociais, cozinha e quartos voltados para ele – permitiu uma integração maior entre interno e externo. Na área social, as grandes portas de correr de alumínio (material que possibilitou grandes panos de vidro) permitem que esta transição sensorial entre dentro e fora seja quase imperceptível, quando abertas. Para o restante da casa foi adotado caixilho de ferro tipo industrial, sendo utilizado nos quartos, banheiros e na lateral de acesso social da casa, que funciona como uma circulação que conecta todo o conjunto.

© Maira Acayaba
© Maira Acayaba
Cortes
Cortes
© Maira Acayaba
© Maira Acayaba

Os caixilhos, as tubulações e estruturas aparentes reforçam o visual industrial e estilo explorado pelo Estúdio, tendo a madeira - utilizada tanto no forro quanto em elementos pontuais como portas, piso, escada e corrimão - o papel de contribuir para o aconchego dos ambientes. O uso de peças garimpadas como as luminárias da sala de jantar com pé-direito duplo e os montantes da escada e guarda-corpo, além do aconchego também trazem a delicadeza e estímulo de um olhar mais detalhado ao local, contrapondo com as grandes dimensões e amplitude dos espaços. A casa é um projeto que nasceu para se integrar com o entorno e consigo mesma, explorando a atmosfera voltada para a natureza, que é umas das grandes características deste bairro paulistano.

© Maira Acayaba
© Maira Acayaba

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Estúdio Penha
Escritório
Cita: "Casa Conde D'eu / Estúdio Penha" 29 Jul 2018. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/898745/casa-conde-deu-estudio-penha> ISSN 0719-8906