O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Edifícios Institucionais
  4. Dinamarca
  5. Studio Olafur Eliasson
  6. 2018
  7. Fjordenhus / Studio Olafur Eliasson + Sebastian Behmann

Fjordenhus / Studio Olafur Eliasson + Sebastian Behmann

  • 09:00 - 22 Junho, 2018
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Fjordenhus / Studio Olafur Eliasson + Sebastian Behmann
Fjordenhus / Studio Olafur Eliasson + Sebastian Behmann, © Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

© Anders Sune Berg © Anders Sune Berg © David de Larrea Remiro © Anders Sune Berg + 22

  • Arquiteto do Projeto

    Caspar Teichgräber
  • Arquiteto Local

    Lundgaard & Tranberg Architecture
  • Paisagismo

    Vogt Landscape Ltd
  • Cliente

    Kirk Kapital
  • Diretor de Projeto

    Flemming Hoff Jakobsen, Hundsbæk & Henriksen A/S Construction
  • Gestor

    Jørn Andreasen, Hundsbæk & Henriksen A/S
  • Supervisão Técnica

    Hundsbæk & Henriksen A/S
  • Engenharia

    Cowi A/S
  • Engenharia Ambiental

    Transsolar Energietechnik GmbH
  • Consultoria

    ArtEngineering GmbH
  • Engenharia Acústica

    Gade & Mortensen Akustik A/S
  • Consultoria Incêndio

    Hundsbæk & Henriksen A/S
  • Segurança

    Eggersen Miljø & Sikkerhed APS
  • Mais informações Menos informações
© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Configuração

O fiorde de Vejle estende-se ao leste desde sua nascente na cidade de Vejle até sua foz no mar de Kattegat. Fjordenhus fica ao longo da Havneøen (The Harbour Island), uma ilha artificial que foi desenvolvida em resposta a um conceito do município de Vejle para revitalizar a área portuária, introduzindo novos componentes residenciais importantes em um ambiente tradicionalmente industrial.

Para aqueles que se aproximam do principal eixo urbano de Vejle, o edifício aparece como o ponto focal, cercado por água e com a Ponte dos Fjord de Vejle ao fundo. As superfícies de concreto e pedra da extensa praça em frente ao edifício são refletidas no projeto do píer de Günther Vogt, enquanto as formas cilíndricas e a alvenaria características de Fjordenhus remetem às tipologias históricas de portos de armazéns e silos. Tendo como pano de fundo o fiorde, o próprio edifício rompe o plano suave da água.

© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Edificação

Acessível pela passarela, o edifício de vinte e oito metros de altura é formado por quatro cilindros de interseção com fachadas de tijolos, dos quais foram removidos espaços negativos elipsoidais para criar formas curvas complexas e janelas arqueadas. As diferentes plantas dos diferentes níveis são organizadas em torno de círculos e elipses, com mobiliário e luzes especialmente projetados, e são conectadas por escadas em espiral e hall redondo.

O térreo de pé-direito duplo, aberto ao público, é permeado pelo fiorde e contém duas zonas aquosas com obras de arte específicas de Olafur Eliasson. Os escritórios da KIRK KAPITAL ocupam os três pavimentos superiores. No topo do edifício existe um telhado verde com vegetação e painéis solares. À noite, Fjordenhus é iluminado por dentro, parecendo um farol.

© David de Larrea Remiro
© David de Larrea Remiro

Tijolos

O tijolo dinamarquês clássico é o material predominante nas paredes internas e externas do edifício. O tijolo tem a menor unidade de construção possível e segue a forma orgânica do edifício. A alvenaria intrincada do Fjordenhus molda a impressão dos visitantes do edifício à medida em que se aproximam. De longe, a superfície do edifício parece ordenada porém, após uma inspeção mais detalhada, as diferentes formas e o balanço irregular da profundidade dos tijolos revelam uma superfície viva e orgânica.

A alvenaria incorpora quinze diferentes tons de tijolos não vitrificados; cores adicionais de tijolos vitrificados são integradas nas seções esculpidas para produzir sombras coloridas - verde de baixo e azul de cima - que refletem a água e o céu. Na escada, tijolos prata espalhados refletem a luz do sol brilhando de cima. 

As peças funcionam não apenas esteticamente, mas também tecnicamente: tijolos de ventilação oca são posicionados ao longo das paredes para modular o som e a temperatura. Cada canto, nicho e arco exigia uma solução individual de assentamento de tijolos; cada tijolo estava especialmente voltado para a complexa curvatura das paredes de concreto, com a parede de alvenaria toda nivelada com as molduras de aço curvadas e os elementos de vidro da fachada.

© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Pisos e Tetos

Os pisos e tetos de Fjordenhus são formados por lajes de concreto branco, criando espaços de 3,2 metros de altura em cada nível. Eles ocultam a distribuição de infra-estrutura técnica, como os sistemas de aquecimento e resfriamento. O padrão de grade de volumes circulares negativos recortados no teto reduz o peso total do teto. Essas cavidades também servem para segurar luminárias e modular a acústica do espaço. A pedra Pietra Piasentina foi usada para revestir todos os pavimentos. Ao contrário das pedras clássicas de granito, ela só pode ser encontrada nas colinas de Friuli, na Itália.

© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Esquadrias

As janelas de dupla curvatura seguem precisamente a geometria de Fjordenhus. As estruturas de aço abrangem vários pavimentos do edifício, enquanto as janelas vazias formam o elemento principal da fachada. Em algumas áreas, portas rotativas foram introduzidas para acomodar os desafios geométricos da forma geral do edifício. Todas as portas e janelas estão inclinadas; pelo projeto, as paredes não contêm ângulos retos.

© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Tapetes

Os tapetes kilim, cada um com um diâmetro de 9,4 metros colocados nos centros dos tambores, foram feitos à mão em Varanasi, na Índia. Teares foram feitos sob medida para que os tapetes pudessem ser tecidos sem problemas, e cada um vem em uma cor monocromática diferente. As pequenas salas de entrada, elípticas, que conectam as escadas aos espaços do escritório principal, estão equipadas com tapetes feitos à mão. Todos os tapetes foram deliberadamente projetados para absorverem o som.

© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Mobiliário

Os espaços de escritórios no primeiro, segundo e terceiro pavimentos do edifício apresentam várias peças de mobiliário feitas sob medida, projetadas por Olafur Eliasson e Studio Olafur Eliasson. A madeira foi introduzida como o material dominante para as salas adicionais, banheiros, cozinhas e escadas nos espaços privados.

© Anders Sune Berg
© Anders Sune Berg

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Studio Olafur Eliasson
Escritório
Sebastian Behmann
Escritório
Cita: "Fjordenhus / Studio Olafur Eliasson + Sebastian Behmann" [Fjordenhus / Olafur Eliasson and Sebastian Behmann with Studio Olafur Eliasson] 22 Jun 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/896818/fjordenhus-studio-olafur-eliasson-plus-sebastian-behmann> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.