Dpot / Isay Weinfeld

Dpot / Isay Weinfeld

© Fernando Guerra |  FG+SG© Fernando Guerra |  FG+SG© Fernando Guerra |  FG+SG© Fernando Guerra |  FG+SG+ 19

Jardim América, Brasil
  • Arquitetos: Isay Weinfeld
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  770
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fotógrafo Fotografias:  Fernando Guerra | FG+SG
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Deca, Hansgrohe, Art Steel, Cia de Iluminação, Clatt, Concresteel, Eurocentro, Microcimento Do Brasil, Portinari, Pratikline, Tecnics, Viroc
  • Coordenadora:Elena Faria Scarabotolo
  • Equipe:Cristiano Kato, Elisa Canjani, Katherina Ortner, Sara Leitão, Sebastian Murr, Sophia Lin
  • Construtora:Alle Engenharia
  • Projeto Estrutural:Leão e Associados
  • Projeto De Ar Condicionado:Logitec
  • Projeto De Instalações Elétricas E Hidráulicas:Zamaro
  • Projeto De Luminotecnia:Maneco Quinderé E Associados
  • Projeto De áudio E Automação:Oguri Tecnologia Integrada
  • Projeto De Paisagismo:Rodrigo Oliveira
  • Projeto Do Lago:Ecosys Lagos Ornamentais
  • Comunicação Visual:Roberto Cipolla
Mais informaçõesMenos informações
© Fernando Guerra |  FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Dpot foi construída em um lote de 1.500m2 em São Paulo, onde antes havia uma casa cercada por um amplo jardim. Ao estudarmos a legislação de Uso e Ocupação do Solo vigente, percebemos que fatores como índice de aproveitamento, recuos obrigatórios, etc., seriam muito diferentes (e desfavoráveis) no caso de uma construção nova, com demolição daquela existente. Garantir esse potencial construtivo significava, portanto, reformar e converter a edificação existente.

© Fernando Guerra |  FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG
Planta - Térreo
Planta - Térreo
© Fernando Guerra |  FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

A solução foi, a partir da construção original, recompor os espaços internos e as fachadas, de modo a adequá-los ao uso comercial. A transformação, embora profunda, manteve do “passado” como residência o clima informal, relaxado, onde os produtos podem ser expostos e dispostos como se, de fato, em uma casa. A alternância entre pés-direitos altos e baixos e a existência de mezaninos definiram para cada ambiente uma escala diferente, fazendo da volumetria um grupamento de prismas justapostos, de variadas proporções.

© Fernando Guerra |  FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG
Cortes
Cortes
© Fernando Guerra |  FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

Por fim, dois outros fatores importantes: a idéia que de dentro da loja se pudesse sempre ver o jardim, e que, de fora, as salas ambientadas estivessem sempre à vista. A solução foi “rasgar” a parte inferior de todos os volumes (à exceção daquele de serviços), e instalar uma faixa contínua de vidro a percorrer todo o perímetro, de modo a garantir a desejada transparência; a parte superior, optamos por revestir com placas de cimento as faces externas, e com ripas de madeira aquelas internas. A integração interior-exterior é total, e os volumes “cegos” parecem flutuar por sobre os ambientes de estar, em meio a um exuberante jardim.

© Fernando Guerra |  FG+SG
© Fernando Guerra | FG+SG

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 479 - Jardim América, São Paulo - SP, Brasil

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Dpot / Isay Weinfeld" 20 Jul 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/894610/dpot-isay-weinfeld> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.