O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Loja
  4. Portugal
  5. João Mendes Ribeiro
  6. 2016
  7. Claus Porto / João Mendes Ribeiro

Claus Porto / João Mendes Ribeiro

  • 09:00 - 29 Janeiro, 2017
Claus Porto / João Mendes Ribeiro
Claus Porto / João Mendes Ribeiro, © José Campos
© José Campos

© José Campos © José Campos © José Campos © José Campos + 33

  • Arquitetos

  • Localização

    Lisboa, Portugal
  • Arquiteto Responsavel

    João Mendes Ribeiro
  • Equipe

    Catarina Fortuna, Joana Brandão (coord. de projeto e de obra). Ana Maria Feijão, Filipe Catarino, Pedro Teixeira
  • Instalação e Montra

    Joana Astolfi
  • Direção Artística

    Anne-Margreet Honing
  • Instalações Eléctricas e Telecomunicações

    Diogo Correia Duro (Raul Serafim & Associados)
  • Instalações Mecânicas

    Bruno Henriques (Raul Serafim & Associados)
  • Segurança

    Maria da Luz Santiago (Raul Serafim & Associados)
  • Construtor

    Cosmaral
  • Área

    85.0 m2
  • Ano do projeto

    2016
  • Fotografias

© José Campos
© José Campos

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Claus Porto é uma marca portuguesa de fragrâncias cuja herança de 130 anos se procurou invocar no projeto da primeira loja exclusiva da marca no centro de Lisboa. Um patrimônio constituído não só pelo importante espólio físico, mas também pelo patrimônio intangível, relacionado com o estatuto e o valor simbólico dos objetos. Perante a relevância da componente visual dos produtos, o desenho da loja procurou ser minimal mas sensível, de forma a realçar e complementar a forte identidade da marca. Um lugar inclusivo, elegante e cosmopolita, mas também um lugar de forte apelo sensorial.

O interior da loja pré-existente era constituído por dois espaços a cotas diferentes, unidos por uma caixa de escadas, ambos com acesso direto ao exterior a partir de ruas diferentes. O espaço com entrada pela Rua da Misericórdia foi, durante anos, ocupado por uma farmácia, da qual herdou as paredes revestidas com vitrinas de madeira e o tecto de estuque branco com motivos geométricos e vegetais. A proposta para este espaço baseou-se sobretudo na preservação e restauro das estruturas existentes, de modo valorizar a pré-existência e adaptá-la às novas circunstâncias. No centro da sala, uma única peça caracteriza a intervenção e define o espaço: um balcão em latão polido que reflete a envolvente, permitindo uma circulação fluida e um uso livre do espaço.

Na transição para a caixa de escadas, uma pequena câmara intermédia funciona como espaço museológico, onde se expõe uma seleção de artefatos e relíquias dentro de uma caixa/arquivo em latão polido e pau santo. A partir deste espaço, a escada em mármore dá acesso à sala do piso -1, voltada à Rua das Gáveas. Esta segunda sala inclui um espaço de consulta personalizada e barbearia, um espaço de arquivo e uma zona de estar. O espaço é percorrido por uma guia perimetral em latão que define no interior das paredes um nicho linear onde são expostos os produtos Musgo Real. Abaixo desta linha desenvolvem-se os diferentes tipos de móveis de arquivo que caracterizam o espaço: um extenso armário de gavetas em madeira de riga velha, uma gaveta contínua na zona de barbearia e, na parede oposta, sob uma instalação de Joana Astolfi, um móvel arquivador flexível (com um lava-mãos, um mini-bar ou um leitor de vinil incorporados, entre outras valências) que apoia e caracteriza a zona de estar.

Axonometricas
Axonometricas

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Claus Porto / João Mendes Ribeiro" [Claus Porto / João Mendes Ribeiro] 29 Jan 2017. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/803815/claus-porto-joao-mendes-ribeiro> ISSN 0719-8906