Vila COP22 / OUALALOU+CHOI

Vila COP22 / OUALALOU+CHOI

+ 19

  • Arquitetos: OUALALOU+CHOI; OUALALOU+CHOI
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área :  93000
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano :  2016
  • Fotógrafo
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes :  IASO, Serge Ferrari
  • Paisagismo : OUALALOU+CHOI
  • Cenografia : OUALALOU+CHOI, Stéphane Malka
  • Equipe : GL events, Capital events, Agence Publics, Leni, Manzeh Diafa Contractors: IASO (canopy) / ITC (plenary gate) / GL Events (temporary structures) France Agencement (restaurants) / Eve (landscaping)
  • Cliente : Comitê da COP 22
  • Orçamento : 43 M €
  • Cidade : Marrakesh
  • País : Marrocos
Mais informaçõesMenos informações
© Luc Boegly

Urbanismo Temporário

Cada ano, durante os últimos vinte anos, delegados de 195 países se reúnem para a conferência das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas com o fim de abordar questões relativas ao futuro do planeta. Esta ano, o escritório OUALALOU + CHOI foi escolhido para projetar os espaços expositivos para a COP22, que acontece do 07 ao 18 de novembro em Marrakech. Este projeto, que aborda as questões do papel da arquitetura na criação do urbano, continua a investigação do escritório já visto em seus projetos anteriores.

Implantação

A Vila

O projeto é baseado num urbanismo temporário criado pela instalação de toldos, totalmente desmontável e reutilizável. A implantação é dada num terreno vazio, frente à muralha histórica da cidade e montanhas. O eixo principal do local se conecta a dois dos principais caminhos da cidade. A coluna vertebral central, de 680 metros de comprimento e 18 de largura, une todos os elementos do programa e está coberta por uma "copa" gigante ao longe de toda sua longitude.

Cortesia de OUALALOU+CHOI

O toldo

A tenda é uma forma primitiva e universal da arquitetura que fala sobre as necessidades comuns do homem neste planeta. A enorme estrutura tensionada sobre o espaço central cobre 12000 m². A membrana cria um efeito de transparência enquanto permanece completamente impermeável. A COP22 brindou a oportunidade de criar um projeto inovador de tração, tanto do ponto de vista estrutural como material.

© Hakim Benchekroun
© Luc Boegly

A Saída

Esta instalação monumental, de 12 metros de altura e 50 metros de largura, serve de porta de entrada às sessões plenárias. Uma geometria complexa é construída a partir de uma estratificação de elevações. O motivo de uma porta tradicional é talhado em múltiplas camadas. Através de uma montagem de peças marroquinas de madeira idênticas, a estrutura está construída de modo que permite que as peças sejam retiradas e reutilizadas para construir uma série de pavilhões em jardins públicos de toda a cidade.

© Luc Boegly
Cortesia de OUALALOU+CHOI

O Restaurante

Os dois restaurantes foram desenhados como estruturas entrelaçadas que se separam para criar uma ágora pública no coração da vila. Esta paisagem transversal cria uma transição entre as áreas dos negociadores e das salas plenárias. Num jogo de cheios e vazios, os restaurantes e jardins adjacentes aludem às composições urbanas tradicionais dos povoados ao redor de Marrakech. Todo o material de madeira também poderá ser realizado após a conclusão do evento.

© Luc Boegly

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:Marrakesh, Marrocos

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Vila COP22 / OUALALOU+CHOI " [COP22 Village / OUALALOU+CHOI ] 13 Nov 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/799301/vila-cop22-oualalou-plus-choi> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.