Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Armazéns /Depósitos
  4. França
  5. Kengo Kuma & Associates
  6. 2014
  7. Complexo de Instalações Públicas Macdonald / Kengo Kuma & Associates

Complexo de Instalações Públicas Macdonald / Kengo Kuma & Associates

  • 11:00 - 16 Setembro, 2016
  • Traduzido por Lis Moreira Cavalcante
Complexo de Instalações Públicas Macdonald / Kengo Kuma & Associates
Complexo de Instalações Públicas Macdonald / Kengo Kuma & Associates, © Guillaume Satre
© Guillaume Satre

© Guillaume Satre © Guillaume Satre © Guillaume Satre © Guillaume Satre + 30

    • Equipe de Competição

      Kengo Kuma, Nicolas Moreau, Jun Shibata, Charlotte Brussieux, Louise Lemoine, Shinku Noda, José Mateluna Pérez, Charlotte Duvernoy
    • Equipe de Desenvolvimento

      Kengo Kuma, Yuki Ikeguchi, Sebastien Yeou, Matthieu Wotling, Charlotte Brussieux, Louise Lemoine
    • Engenharia Estrutural

      AIA
    • Engenharia Mecânica

      AIA
    • Levantamento Quantitativo

      AIA
    • Acústica

      Peutz & associates
    • HQE

      AIA
    • Segurança / Consultor Incêndio

      Vulcaneo
    • Fachada

      TESS
    • Cliente

      Conselho da Cidade de Paris
    • Orçamento

      41 762 000 € HT
    • Área Do Terreno

      11.000 m²
    • Área Total de Piso

      10.720 m²
    • Mais informações Menos informações
    © 11h45
    © 11h45

    Descrição enviada pela equipe de projeto. A criação de um complexo de equipamentos públicos dentro do armazém Macdonald permite realizar a ligação entre a arquitetura existente e a que esta por vir, revelando as necessidades e desenvolvimentos de uma sociedade em transformação. É também o pretexto da conexão entre os processos tradicionais e necessidades contemporâneas. O arquiteto do armazém existente, Marcel Forest, descreveu-o como uma base, conveniente para a recepção de extensões. Esta será realizada com uma estrutura leve metálica, um suporte de um grande telhado linear abrigando um conjunto de serviços públicos.

    © Guillaume Satre
    © Guillaume Satre

    Este grande telhado colocado sobre a base existente, participa do desenvolvimento de um patrimônio arquitetônico, adaptando-o a suas necessidades contemporâneas. Por suas dimensões, sua situação e seu tamanho, o edifício existente e sua extensão devem ser considerados numa escala territorial, oferecendo um horizonte, propondo uma infraestrutura. O território torna-se, portanto, o suporte do novo projeto; o existente oferece a base enquanto o telhado serve como um elemento unificador, abrigando uma sucessão de espaços e funções.

    © Guillaume Satre
    © Guillaume Satre

    Inserção Urbana e Paisagística

    O projeto está localizado em uma posição estratégica, no começo do armazém existente de 600m de comprimento, entre o viaduto das redes ferroviárias e o Boulevard Maréchaux, no centro de uma zona em completa reestruturação urbana, ligado à cidade e seu entorno pela nova linhas de trens elétricos. A inserção do projeto responde a três imperativos:

    -  A regulamentação urbana;

    - A vontade de criar uma imagem arquitetônica forte e contemporânea;

    - A vontade de juntar-se ao contexto em um equilíbrio justo, respondendo à obrigação da preservação da fachada norte.

    © 11h45
    © 11h45

    A intervenção arquitetônica é feita de um jogo horizontal, que reforça a expressão do edifício existente. A unidade e a homogeneidade do lugar procuram evitar a expressão do acúmulo programático. O ritmo da fachada, sequenciado, é dado por uma sucessão de elementos verticais metálicos. A continuidade do vocabulário arquitetônico dos vários equipamentos dão ao edifício uma unidade que junta-se à escala de todo o masterplan projetado pelo OMA.

    © Guillaume Satre
    © Guillaume Satre

    A cobertura

    A cobertura abriga todos os programas e relaciona o interior com o exterior. O balanço gera um espaço intersticial e define um perfil ao marcar a linha legal contínua de 65,26 NGP. A borda ascendente do telhado de leste a oeste também dá à silhueta a expressão do início do complexo geral.

    Estrutura
    Estrutura

    Graças a um vocabulário de planos dobrados, espaços públicos estão ligados aos espaços privados, à praça do lado de fora e aos pátios internos. Na parte externa, a sua materialidade é reforçada pela utilização de um material parisiense tradicional (zinco), enquanto na parte interna se torna mais leve e perfurada por meio de uma alternância de elementos de vidro e painéis de zinco, permitindo uma melhor iluminação para os pátios.

    © Guillaume Satre
    © Guillaume Satre
    © Andre Morin
    © Andre Morin

    Filtros

    A composição e a materialidade da fachada respondem à concepção geral do masterplan do OMA. Cada uma é composta por uma sobreposição de estratos horizontais, materializados com cristais e elementos minerais. O grid estrutural é o ponto de partida para a composição geral da fachada. A densidade dos brises permite expressar a privacidade das funções internas.

    Detalhe
    Detalhe

    Fachada 

    A relação entre o interior e exterior é tratada através da utilização de filtros. Eles compõem, definem e distinguem as fachadas e foram reduzidos a 2 tipos diferentes: nos brises metálicos cinza escuros no exterior que dialogam com o contexto marcado por seu passado industrial, e no interior uma pele dupla de vidro, feito de uma alternância de painéis de vidro e de uma membrana metálica que espalha a luz. A profundidade do filtro é investigada nas suas várias dimensões. Espaço e luz são, portanto, amplificados.

    © Guillaume Satre
    © Guillaume Satre

    Espaços Exteriores

    A sucessão dos pátios organizados em terraços em diferentes níveis permite a separação necessária entre o pátio da escola júnior e o pátio do ensino médio. A sequência dos espaços exteriores é materializada pela implementação de faixas vegetadas: estas também são como filtros e ligam o espaço sem criar fronteiras reais.

    © Guillaume Satre
    © Guillaume Satre

    Ver a galeria completa

    Localização do Projeto

    Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
    Sobre este escritório
    Cita: "Complexo de Instalações Públicas Macdonald / Kengo Kuma & Associates" [Macdonald Public Facility Complex / Kengo Kuma & Associates] 16 Set 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/795316/complexo-de-instalacoes-publicas-macdonald-kengo-kuma-and-associates> ISSN 0719-8906

    ¡Você seguiu sua primeira conta!

    Você sabia?

    Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.