O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Portugal
  5. Atelier dos Remédios
  6. 2014
  7. Casa O / Atelier dos Remédios

Casa O / Atelier dos Remédios

  • 09:00 - 8 Janeiro, 2016
Casa O / Atelier dos Remédios
Casa O / Atelier dos Remédios

© Fernando Guerra | FG + SG © Fernando Guerra | FG + SG © Fernando Guerra | FG + SG © Fernando Guerra | FG + SG + 29

  • Arquitetos

  • Localização

    Óbidos, Portugal
  • Coordenação de Projeto

    Madalena Cardoso de Menezes & Francisco Teixeira Bastos
  • Colaboradores

    Ana Botelho, Sérgio Hipólito, Sofia Tavares Da Silva, Sérgio Xavier (imagens 3D)
  • Área

    190.0 m2
  • Ano do projeto

    2014

Descrição enviada pela equipe de projeto. Este projeto teve a sua gênese na procura de uma forma de habitar todos os espaços componentes de uma casa e na interdependência destes com um espaço central multiforme.

Planta Baixa
Planta Baixa

Traçamos uma linha longitudinal, com a direção Este/Oeste, no ponto médio da largura do lote. Tratou-se de um desejo de uma ocupação em extensão, permitindo a manutenção de uma área livre paralela à construção com as mesmas dimensões desta. Encostamos à extrema Nascente com 3m de afastamento, a faixa de área construída, no pressuposto de atribuir à fachada Nascente o lugar dos quartos e à fachada Poente a zona das salas. o topo Norte é ocupado pela entrada e estacionamento e o topo Sul pela cozinha.

© Fernando Guerra | FG + SG
© Fernando Guerra | FG + SG

A ocupação da cozinha no quadrante sudeste, num lugar privilegiado da casa, não se tratou de uma consequência mas de uma atribuição a este espaço, que se demonstra dos mais habitados no quotidiano familiar, de uma situação invulgar, mais confortável e mais central da habitação.

Decidimos separar a sala de estar da sala de jantar e dispô-las numa relação espacial de canto entre elas e em que ambas partilham o mesmo espaço exterior. Deste modo conseguimos não ocupar o quadrante Sudoeste da casa, dotando-o de um pátio coberto que se por um lado fracciona a construção permitindo entradas de luz Sul e Poente no interior da habitação, por outro repõe a unidade da construção ao nível do plano de cobertura que percorrerá os espaços sociais.

© Fernando Guerra | FG + SG
© Fernando Guerra | FG + SG

Uma outra decisão conceptual apontou a distribuição dos espaços desta casa. Quisemos que a suite se tornasse o refúgio dos seus futuros donos. Deste modo tornamo-la o elemento mais destacado desta construção, o que se encontra numa cota elevada em relação ao resto da casa, o que se procura – o lugar onde se vai. Por outro lado jogamos com a subversão deste valor ao encostar a área de esplanada da piscina e fazer da sua fachada o pano de fundo desta, trata-se de uma reposição programática de sentido comunitário que regulou todo este projeto.

Corte
Corte

Com a vontade de um espaço central de distribuição e com o cumprimento de todas as linhas anteriormente referidas, acedemos a esta moradia por uma entrada recolhida e entalada entre dois corpos dispostos com um ângulo de 10º entre eles. Um primeiro espaço de entrada mais baixo 50cm dá acesso ao espaço de distribuição por excelência através de 3 degraus. No hall central encontram-se todos os espaços de distribuição e direções apontadas, trata-se de um espaço centrífugo embora dotado de um suplemento de área “supérflua” que permite a informalidade de encontros, atividades ocupações etc.

© Fernando Guerra | FG + SG
© Fernando Guerra | FG + SG

Acede-se aos quartos, suíte, sala de estar, lavabo, lavandaria e cozinha através de câmaras dispostas de ambos os lados deste hall central, sendo a sala de jantar a única excepção a esta regra e que terá acesso direto na ponta oposta à da entrada na habitação, no ponto mais estreito do hall.

O corpo da suíte e sala de estar teve uma rotação de 10º em relação ao alinhamento original (N/S) de modo a poder estabelecer uma fuga visual do corpo da sala de jantar e por outro lado definir mais concisamente zonas de estar no jardim, nomeadamente zona de estar frente ao pátio, zona à frente da sala de estar e zona da piscina.

Axonometria
Axonometria

A piscina será implantada no quadrante Noroeste do lote num plateau situado a uma cota de 55cm mais elevada em relação à cota do arruamento respectivo.

© Fernando Guerra | FG + SG
© Fernando Guerra | FG + SG

Toda a casa aposta numa arquitetura de volumes, que provocam espaços encerrados em si mesmos mas que na composição entre eles vão provocando espaços ambíguos de exterior interior que trarão uma disposição singular de espaço e de iluminação natural.

© Fernando Guerra | FG + SG
© Fernando Guerra | FG + SG

Ver a galeria completa

Sobre este escritório
Atelier dos Remédios
Escritório
Cita: "Casa O / Atelier dos Remédios" 08 Jan 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/780038/casa-o-atelier-dos-remedios> ISSN 0719-8906