O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Restaurante
  4. Equador
  5. Rama Estudio
  6. 2015
  7. Glitch Bar / Rama Estudio

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Glitch Bar / Rama Estudio

  • 19:00 - 24 Agosto, 2015
  • Traduzido por Camilla Sbeghen
Glitch Bar / Rama Estudio
Glitch Bar / Rama Estudio, © Xavier Burneo
© Xavier Burneo

Cortesia de Rama Estudio © Xavier Burneo © Xavier Burneo Cortesia de Rama Estudio + 25

Cortesia de Rama Estudio
Cortesia de Rama Estudio

Descrição enviada pela equipe de projeto. O projeto se desenvolve em um lote de esquina amuralhado, no centro-norte da cidade de Quito, onde encontramos uma casa de estilo moderno construída nos 80. Com o passar dos anos, a propriedade sofreu algumas modificações e permaneceu desabitada por algum tempo.

Cortesia de Rama Estudio
Cortesia de Rama Estudio

O requerimento inicial foi habilitar este espaço como um refeitório executivo durante o meio-dia. 

Diagrama 3
Diagrama 3

Desde o início da intervenção, a espacialidade e localização da residência evidenciaram um maior potencial, desta maneira, o projeto mudando de direção.

A nova proposta de uso foi um Bar Restaurante aberto durante o dia e a noite, cumprindo as funções de restaurante executivo pela manhã e atento as necessidades do bairro como um complemento para as atividades urbanas e culturais durante a noite.

© Roberto Alban Torres
© Roberto Alban Torres

A base do desenho foi minimizar a intervenção, reutilizar o existente e otimizar os recursos. Começa-se a descobrir as mudanças que foram feitas na casa ao longo do tempo, deixando marcas ao abrir os espaços para seu novo uso. Os elementos como paredes, portas, janelas preexistentes converteram-se em matéria-prima para a nova proposta. 

Planta Baixa
Planta Baixa

Deste modo, os elementos extraídos da residência no processo de demolição voltaram a ela para configurar um novo espaço. As aberturas foram soldadas entre si e converteram-se em portas, o tijolos das paredes conformam agora o contra-piso da área de estacionamento, os pisos interiores pertencentes a residência foram tratados para sua reutilização, respeitou-se a vegetação do lugar que foi reincorporada como parte do espaço.

© Roberto Alban Torres
© Roberto Alban Torres

O projeto valeu-se de várias disciplinas durante todos os processos de desenho. Incorporou-se as práticas artesanais no tratamento dos materiais, o urbano com o grafiti, o industrial com peças reutilizadas e adaptadas às necessidades atuais. 

© Roberto Alban Torres
© Roberto Alban Torres

Decide-se colocar como únicos elementos "alheios" ao espaço, objetos artísticos, ou seja, todas as novas peças são suporte para a arte ou ela própria. 

© Xavier Burneo
© Xavier Burneo

Foi aproveitada a conjuntura do projeto para gerar uma oficina de grafiti ministrada pelos artistas e designer Jaime Villaroel e Verónica Ibarra. A proposta seria produzida em painéis de  2.20x2.20 armados com estruturas de madeira reciclada. A oficina foi o nexo entre a arte urbana e a aprendizagem das suas técnicas como a proposta arquitetônica. Posteriormente, os painéis foram instalados de maneira aleatória resultando em uma composição desfragmentada com referência a marca e o logo de GLITCH (erro de software, por arquivos codificados ou danificados, que ao serem lidos formam figuras ou imagens erradas).

© Xavier Burneo
© Xavier Burneo

Elementos extras:

- Uma máquina de tecer de 6,30 metros de largura que atravessa dois ambientes gerando uma continuidade entre interior e exterior como um balcão de bar e mesa na parte externa.

-Lâmpadas construídas na obra, com envases de vidro de 5000ml para conservas de alimentos.

-A pia do bar está feita com o fundo de tanque de aquecimento de água encontrado na casa anteriormente à reforma. 

-Uma estrutura com cabos tensionados nos quais é pendurada uma galeria itinerante de arte e fotografia, na que inicialmente foram apresentadas fotografias do processo de construção do novo espaço e fotografias da oficina de grafiti para o projeto. A galeria foi planejada para que em qualquer momento outra exposição possa ser implementada. 

-Mobiliário feito em placas de compensado, cortadas em router, de modo que haja o menor desperdício possível.

© Roberto Alban Torres
© Roberto Alban Torres

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Glitch Bar / Rama Estudio" [Glitch Bar / Rama Estudio] 24 Ago 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Sbeghen Ghisleni, Camila) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/772329/glitch-bar-rama-estudio> ISSN 0719-8906