O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Piscina
  4. Portugal
  5. M-Arquitectos
  6. 2015
  7. Piscinas Termais Poça da Dona Beija / M - ARQUITECTOS

Piscinas Termais Poça da Dona Beija / M - ARQUITECTOS

Piscinas Termais Poça da Dona Beija / M - ARQUITECTOS
Piscinas Termais Poça da Dona Beija / M - ARQUITECTOS, © Paulo Goulart
© Paulo Goulart

© Paulo Goulart © Paulo Goulart © Paulo Goulart © Paulo Goulart + 29

  • Colaboradores

    Ana Cristina Silva, Pedro Furtado, Diana Policarpo, Inês Vieira Rodrigues, Rodrigo Sequeira Dias, Vanessa Silva.
  • Especialidades

    Ricardo Pacheco, Marco Ávila
  • Construtor

    Civil Açores, Lda
  • Mais informações Menos informações
© Paulo Goulart
© Paulo Goulart

Descrição enviada pela equipe de projeto. A requalificação da “Poça da Dona Beija” é uma importante intervenção com objectivo de melhoria das condições de segurança e da exploração recursos naturais existentes no local.

A crescente procura por este espaço, tanto por residentes, como por visitantes, vem consolidando este espaço como um dos locais mais visitados na ilha de São Miguel. O notório desgaste dos materiais existentes, causado pela sua grande afluência, originou a substituição do  todo o pavimento do percurso de acesso às piscinas por um réguado de madeira de criptoméria da região.

Master Plan
Master Plan

Parece-nos, de um modo geral, que a utilização de materiais endógenos dos Açores, poderá estabelecer uma melhor simbiose entre a exploração dos recursos naturais e a intervenção humana.

Por exigências programáticas foram demolidas duas construções, a antiga bilheteira e um volume de apoio temporário,  que se encontravam implantadas junto à entrada principal do recinto. Em sua substituição, foi desenhado um único edifício que vem optimizar os espaços de serviço e toda a  entrada no recinto, com uma linguagem arquitetônica que estabelece uma relação de maior equilíbrio com a envolvente.

© Paulo Goulart
© Paulo Goulart

O novo edifício, com base numa diretriz paralela ao muro periférico existente a sul,  é composto por uma cobertura apenas de uma água e revestido integralmente com reguado de madeira de criptoméria.

© Paulo Goulart
© Paulo Goulart

Relativamente à organização do espaço interior, foram criadas a portaria/bilheteira com um posto de trabalho, uma instalação sanitária para os funcionários, um compartimento para arrumos e uma área de exposição/loja.

De modo a evitar a ocupação do domínio público hídrico, a implantação do edifício proposto resulta da distância mínima  de 7 metros recomendada à margem da ribeira.

Corte
Corte

A intervenção propõe ainda a construção de mais um núcleo de piscinas, composta por um tanque e um lava-pés, no sentido de aumentar a capacidade da área balnear do recinto.

Estas novas piscinas localizadas na margem norte da ribeira foram construídas com base as estruturas já existentes e o  seu acesso é assegurado por um passadiço em estrutura metálica e revestido com reguado de madeira de criptoméria.

© Paulo Goulart
© Paulo Goulart

Por fim, foi implementada uma rede de iluminação inserida de um de forma cuidada, que vê resultar  numa melhor sinalização dos percursos pedonais e numa melhoria dos aspetos paisagísticos do lugar, através de uma iluminação indireta e devidamente cuidada de modo a não adulterar a ambiência envolvente.

© Paulo Goulart
© Paulo Goulart
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Piscinas Termais Poça da Dona Beija / M - ARQUITECTOS" [Thermal Springs Pools Poça da Dona Beija / m-arquitectos] 21 Jun 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/768848/piscinas-termais-poca-da-dona-beija-m-arquitectos> ISSN 0719-8906