O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Espaço De Exibições
  4. Itália
  5. Atelier Marko Brajovic
  6. 2015
  7. Expo Milão 2015: Pavilhão do Brasil / Studio Arthur Casas + Atelier Marko Brajovic

Expo Milão 2015: Pavilhão do Brasil / Studio Arthur Casas + Atelier Marko Brajovic

Expo Milão 2015: Pavilhão do Brasil / Studio Arthur Casas + Atelier Marko Brajovic
Expo Milão 2015: Pavilhão do Brasil / Studio Arthur Casas + Atelier Marko Brajovic, © Filippo Poli
© Filippo Poli

© Filippo Poli © Filippo Poli © Filippo Poli © Filippo Poli + 47

  • Arquitetos

  • Localização

    Ingresso EXpo, Via Giorgio Stephenson, 107, 20157 Milão, Itália
  • Arquitetura - Autor

    Arthur Casas
  • Arquitetura - Co-Autores

    Alexandra Kayat, Gabriel Ranieri, Alessandra Mattar, Eduardo Mikowski, Nara Telles, Pedro Ribeiro and Raul Cano
  • Arquitetura - Coordenação do Projeto

    Alexandra Kayat
  • Arquitetura - Coordenação Interiores

    Renata Adoni
  • Arquitetura - Diretora do Studio

    Marilia Pellegrini
  • Arquitetura - Colaboradores

    Arnault Weber, Rodrigo Tamburus, Fernanda Müller, Daniel Vianna and Juliana Matalon.
  • Área

    3674.0 m²
  • Ano do projeto

    2015
  • Fotografias

  • Expografia e Cenografia

    Atelier Marko Brajovic
  • Expografia e Cenografia - Direção Criativa

    Marko Brajovic e Carmela Rocha
  • Expografia e Cenografia - Coordenação do Projeto

    Carmela Rocha
  • Expografia e Cenografia - Design Gráfico

    Estudia Design
  • Expografia e Cenografia - Colaboradores

    Martina Brusius, Milica Djordjevic and André Romitelli
  • Curadoria

    Rony Rodrigues e Eduardo Biz
  • Consultores Locais - Arquitetura e Engenharia

    Mosae
  • Equipe Local

    Stefano Pierfrancesco Pellin Dario Pellizzari, Andrea Savoldelli, Klaus Scalet, Michele Maddalo and Luisa Basiricò
  • Assistência Estrutural

    SP Project
  • Iluminação

    Maneco Quindere
  • Área do Terreno

    4.133m2
  • Mais informações Menos informações
© Filippo Poli
© Filippo Poli

Descrição enviada pela equipe de projeto. Para o Studio Arthur Casas e o Atelier Marko Brajovic, o desafio de criar o pavilhão do Brasil para a Expo Milão 2015, comissionado pela Agência Brasileira de Exportação e Investimento (APEX), foi combinar arquitetura e cenografia que proporcionasse aos visitantes experiência capaz de transmitir os valores brasileiros e as aspirações de nossa agricultura e pecuária diante do tema proposto: alimentando o mundo com soluções. Mais que um edifício temporário, a imersão sensorial integra momentos lúdicos, informações científicas de ponta, interação e aprendizado.

© Raphael Azevedo França
© Raphael Azevedo França

A ideia da rede flexível, fluída e descentralizada permeia todos os aspectos do edifício e representa a pluralidade do Brasil. Em meio a construções de mais de 130 países, nosso pavilhão propõe um respiro, a intenção de uma praça que convida ao encontro e à descoberta. 

© Raphael Azevedo França
© Raphael Azevedo França

Permeável como a cultura brasileira, um grande volume aberto acolhe os visitantes e estabelece um percurso por entre as mais variadas espécies aqui cultivadas. Os tons terrosos da estrutura em ferro ressaltam essa brasilidade e a transição gradual entre o interior e o exterior apaga os limites entre arquitetura e cenografia. A metáfora da rede é materializada por uma estrutura tensionada que cria inusitados locais de descanso e lazer. Grande instrumento musical, ela vai gerar sons de acordo com a quantidade de visitantes e seus movimentos. Como na arquitetura modernista dos pavilhões nacionais ao longo da história, generosas rampas reforçam a fluidez entre os espaços.Diferentes temas inspiraram clusters distribuídos pelo  térreo do pavilhão, organizados em torno de ideias como nutrição, agricultura familiar, sistemas agroflorestais e integração entre lavoura e pecuária. Caixas com plantas, organizadas na trama ortogonal, criam percurso sinuoso, inspirado no desenho dos meandros do Amazonas. A trama cartesiana sobrepõe-se ao paisagismo em diálogo entre a mão do homem e a obra da natureza. Deambulando por entre as plantas, visitantes encontrarão mesas interativas sob a vasta rede que participa da demarcação fluída entre as temáticas. 

Axonométrica - Conceito
Axonométrica - Conceito

A galeria na lateral do terreno, revestida em cortiça, abriga espaços expositivos, auditório, pop-up store, café, lounge para eventos, restaurante e administração, interligados por um grande átrio que traz luz natural. Artistas e designers brasileiros irão expor peças que demonstram a riqueza criativa do país, ao lado de instalações interativas que narram a revolução em curso na agricultura e pecuária brasileira, graças às pesquisas de empresas como a EMBRAPA.

© Filippo Poli
© Filippo Poli

A sustentabilidade é onipresente, por meio de um sistema de montagem e desmontagem eficiente com elementos pré-fabricados modulares, mecanismos de reaproveitamento da água, além do emprego de materiais certificados e recicláveis. Parte fundamental da experiência, a racionalidade da arquitetura efêmera demonstra que é possível gerar significado e conteúdo com poucos recursos e reduzido impacto ambiental.

© Filippo Poli
© Filippo Poli

O pavilhão do Brasil na Expo Milão 2015 almeja agregar novos elementos à tradicional participação nacional nesse tipo de evento. Com olhos no futuro, busca demonstrar que o Brasil logrou excelência em uma das áreas cruciais para a humanidade, a alimentação, em permanente movimento de criação novos paradigmas no relacionamento de sua sociedade com a natureza, em simbiose transformadora, capaz de traçar novas estratégias para o país.

Mais que marcar a presença dentre tantas outras nações, o pavilhão brasileiro almeja inspirar curiosidade e engendrar novos relacionamentos para além dos seis meses do evento, demonstrando ser possível concretizar utopias e inspirar soluções que, como o tema da Expo 2015, alimentem o planeta e tragam energia à vida.

Para mais informações sobre o projeto, clique aqui.

© Filippo Poli
© Filippo Poli

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Expo Milão 2015: Pavilhão do Brasil / Studio Arthur Casas + Atelier Marko Brajovic" [Brazil Pavilion – Milan Expo 2015 / Studio Arthur Casas + Atelier Marko Brajovic] 08 Mai 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/766586/pavilhao-do-brasil-expo-milao-2015-studio-arthur-casas-plus-atelier-marko-brajovic> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.