O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Concursos
  3. Primeiro Lugar no Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque / SIAA + HASAA

Primeiro Lugar no Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque / SIAA + HASAA

Primeiro Lugar no Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque / SIAA + HASAA
Primeiro Lugar no Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque / SIAA + HASAA, © SIAA + HASAA
© SIAA + HASAA

primeiro lugar

Competição : Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque
Premio : Primeiro Lugar
Projeto :
Autores : Cesar Shundi Iwamizu, Eduardo Pereira Gurian e Helena Ayoub Silva Colaboradores: Alexis Arbelo, Fábio Onuki, Gustavo Kerr, Luísa Amoroso, Thomas Ho, André Ariza, André Vitiello, Flávia Falcetta, Valéria Waligora

Apresentamos a seguir o projeto desenvolvido pelos escritórios SIAA + HASAA e premiado com o primeiro lugar no Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque, promovido pelo programa de incentivo à cultura do Governo do Estado de São Paulo (ProAC). Leia a seguir a descrição do projeto pelos arquitetos e veja também algumas imagens da proposta.

© SIAA + HASAA © SIAA + HASAA © SIAA + HASAA © SIAA + HASAA + 25

Dos arquitetos. O museu da estação de Mairinque proporciona aos seus visitantes um passeio que retoma a história ferroviária e a expansão das infraestruturas no interior paulista, assim como a aproximação com a própria história da cidade. Nos moldes aqui proposto, integrado por espaços de estar e deleite, certamente será um lugar de encontro da população com sua identidade. 

© SIAA + HASAA
© SIAA + HASAA

Artefatos e edifícios criados por e para processos industriais constituem, nesse caso, o patrimônio de interesse. As peças do atual acervo são testemunho das técnicas construtivas das ferrovias da virada do século XX, sendo o próprio edifício da estação fundamental para a fundação da cidade. Mairinque foi pensada como uma vila operária com qualidade

urbana como tantas outras no Brasil, de modo que seu traçado, praças e casas do primeiro loteamento, hoje denominado Vila Sorocabana, também integram o patrimônio industrial.

 Além desses objetos a dimensão histórica do trabalho e dos ofícios que envolveram esse período deve ser agregada ao conjunto para conformar a história do processo de industrialização do Brasil. 

© SIAA + HASAA
© SIAA + HASAA

A expografia do conjunto é proposta para abrigar essa heterogeneidade e montar livremente as narrativas, com mobiliário versátil disposto sem percurso pré-determinado. 

EXPOSITORES 

Os expositores propostos são móveis de estrutura tubular metálica em quatro tipos diferentes, divididos em duas famílias, 90 e 45. Na primeira temos três peças moduladas em 90cm, enquanto na de segunda há um único tipo, moculado em 45cm, variando entre com e sem

© SIAA + HASAA
© SIAA + HASAA

tampo. Nos dois casos os expositores se combinam criando formas versáteis capazes de apoiar cartazes, imagens e objetos, de diferentes tamanhos. 

O arranjo entre eles resulta em peças transparentes que não interferem na leitura do edifício que as abriga, além de que são portantes, de modo que não será necessário agredir o edifício tombado com a fixação dos expositores. 

© SIAA + HASAA
© SIAA + HASAA

AMBIENTES DE EXPOSIÇÃO 

Galpão da Plataforma: 

No galpão da ilha propomos uma grande área expositiva, mostrando a memória da Companhia Sorocabana e a história do trabalho ligada à construção e uso das ferrovias em São Paulo no começo do século XX.

Junto dos objetos históricos do acervo serão produzidas peças gráficas que explicam as técnicas construtivas empregadas na época, ilustrando a expansão da Sorocabana e a história de ocupação do interior paulista. 

© SIAA + HASAA
© SIAA + HASAA

Sala de Exposição da Estação de Mairinque: 

Essa sala de exposição receberá o acervo sobre a própria estação de Vitor Dubugras. Será comentado seu estilo arquitetônico, contextualizando-o na história da arquitetura, assim como sua técnica construtiva e a importância que teve, como obra inaugural, para o desenvolvimento da técnica de concreto armado no Brasil bem como seu papel estrutural na fundação da cidade. 

Implantação. Image © SIAA + HASAA
Implantação. Image © SIAA + HASAA

Vagões da Plataforma: 

Os vagões receberão a exposição que retoma a memória ferroviária em São Paulo, reforçando a ligação entre Mairinque a outras cidades fundadas na mesma situação que ela e expondo a percepção em rede, provocada pela malha ferroviária, fazendo comentários sobre outras estações e cidades de destaque.

No último vagão, onde ainda há assentos, poderão acontecer palestras e mostras de vídeo sobre o processo de restauro da Estação, a memória ferroviária e memória de Mairinque, acrescentando outras mídias ao acervo do Museu proposto.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Romullo Baratto
Autor
Cita: Romullo Baratto. "Primeiro Lugar no Concurso para o Restauro da Estação Ferroviária de Mairinque / SIAA + HASAA" 22 Fev 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/762270/primeiro-lugar-no-concurso-para-a-estacao-ferroviaria-de-mairinque-siaa-plus-hasaa> ISSN 0719-8906