Habitação em Águeda / nu.ma | unipessoal

Habitação em Águeda / nu.ma | unipessoal
© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio
  • Arquitetos: nu.ma | unipessoal
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  306
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2014

© Ivo Tavares Studio© Ivo Tavares Studio© Ivo Tavares Studio© Ivo Tavares Studio+ 31

  • Especialidades Estabilidade:Nuno França, Engenharia Civil ( Eng. Nuno França)
  • Especialidade águas / Esgotos:Nuno França, Engenharia Civil ( Eng. Nuno França)
  • Instalações Elétricas:Eng. Téc. José Lopes
  • Especialidade Gás / Acústica:Nuno França, Engenharia Civil ( Eng. Nuno França)
  • Especialidade Térmica:Certifer (Eng. Téc. Paulo Rocha)
  • Construtora:Construtora De Loureiro
  • Cliente:Rui Portela and Marisa Cravo
  • Arquiteto Responsável:Nuno Silva
  • País:Portugal
Mais informaçõesMenos informações

Caracterização do terreno

O terreno, de forma não regular, desenvolve-se ao longo da Rua das Roçadas num sentido longitudinal de Norte para Sul. Este terreno apresenta um acentuado desnível, estabelecendo duas plataformas de cotas (terreno natural).

Corte
Corte

Proposta

A habitação insere-se numa zona de baixa densidade construída e em meio rural. O terreno pela sua morfologia condicionou, em termos programáticos e volumétricos a proposta. De igual forma, as vistas condicionaram a implantação da habitação.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio

Tendo em atenção as características altimétricas e planimétricas do terreno, nomeadamente a acentuada inclinação que se inicia junto ao arruamento, propõe-se em termos de projeto uma re-caracterização do terreno por forma a que este estabeleça uma plataforma para a implantação da habitação. (cota 86.50). 

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio

Em termos de acesso à habitação, propõe-se um acesso automóvel e um acesso pedonal, sendo estes o elo de ligação entre a cota de entrada no terreno e a entrada na habitação.

Implantação
Implantação

A distribuição espacial interior resume-se à separação de forma radical, da função por piso. A zona de serviços/social, fica à cota da entrada e é composta por Hall de entrada, instalações sanitárias, escritório, cozinha, dispensa, sala de jantar / estar e o acesso vertical.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio

Neste piso propõe-se a criação de reentrâncias criando zonas de ensombramento (sala de estar / jantar) e proteção das chuvas (hall de entrada exterior). No piso 1, a zona mais privada composta pela zona dos quartos e instalações sanitárias de apoio. Neste piso novamente as reentrâncias, mas para a criação de plataformas de estar exteriores (terraços) de apoio aos quartos. Estas plataformas criam um recuo em termos de exposição destas zonas mais privadas. A criação de reentrâncias nos dois pisos, teve também a finalidade de reduzir e dissimular a forma paralelepipédica inicial.

Planta Baixa
Planta Baixa

Com esta separação de função por pisos, criou-se igualmente uma ligação muito estrita com os níveis do terreno, ou seja, o piso 0 fica ligado à cota baixa do terreno e o piso 1 fica com uma ligação de nível com a cota alta do terreno. Procurou-se no projeto, dissimular as zonas de serviço, retirando-lhes importância visual. Assim, estas passam para a parte posterior da habitação, ficando “enterradas” em relação ao terreno.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Habitação em Águeda / nu.ma | unipessoal" [House in Águeda / nu.ma | unipessoal] 20 Out 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/755729/habitacao-em-agueda-nu-dot-ma-unipessoal-lda> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.