O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Centro Polideportivo
  4. Espanha
  5. Vicente Salvador Arquitecto
  6. 2012
  7. Centro de Esportes Vallpala / Vicente Salvador Arquitecto + Ignacio Vidal Arquitecto

Centro de Esportes Vallpala / Vicente Salvador Arquitecto + Ignacio Vidal Arquitecto

Centro de Esportes Vallpala / Vicente Salvador Arquitecto + Ignacio Vidal Arquitecto
© José Hevia
© José Hevia

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 22

© José Hevia
© José Hevia

Descrição enviada pela equipe de projeto. O complexo esportivo completa uma quadra pública urbana onde está atualmente o Honori Garcia High School, o pavilhão do Conselho Local de Esportes e o edifício de piscinas do Conselho Local. Tendo em conta que a totalidade do bloco é de propriedade pública, a primeira coisa a ser estabelecida foi a definição do local para ocupação. Com o objetivo de conseguir uma organização bem racionalizada e organizada de elementos construídos e resultando em espaços entre uma coisa e outra, decidiu-se estabelecer o comprimento do pavilhão desportivo existente como a largura do local, deixando em ambos os lados ruas de pedestres para acessar as instalações vizinhas.

© José Hevia
© José Hevia

Uma vez estabelecida a área de intervenção, foi decidido alocar o edifício no canto oblíquo do terreno adjacente à Avenida do Agricultor, liberando assim o resto do terreno, de proporções retangulares, para a montagem dos campos de esportes, com maior  procura de espaço. Ainda por cima, tornou-se possível tirar vantagem da diferença de altura entre a avenida e o local abaixo, colocando o nível de entrada principal com o pavimento da rua.

© José Hevia
© José Hevia

Seguindo esses critérios, a proposta aglomeração - composta por rampa de acesso, vestiários, administração e café - está localizada ao longo da fronteira oblíqua do terreno, resolvendo a alteração dos níveis mas também criando a fachada principal voltada para os campos desportivos. Somente quando o edifício se aproxima do canto agudo do local que é quando ele se move à parte permitindo que os vestiários tenham uma orientação de duplo aspecto, garantindo luz natural, bem como ventilação. Desta forma, um pátio isolado aparece separado das instalações desportivas por trás, bem como formam o ruído da estrada acima. A cobertura do pátio está prevista como extensão natural do desenvolvimento. Uma varanda generosa de onde se entra nos vestiários dá acesso a este pátio.

© José Hevia
© José Hevia

Do ponto de vista da relação do edifício com o contexto imediato externo, a aglomeração descrita (montada contra o declive) permite duas coisas principais. De um lado, o edifício é entendido como uma extensão do domínio público, conforme o pavimento convida o transeunte para entrar e apreciar as vistas, bem como sentar no terraço do bar, sem ter entrado completamente as instalações ainda. Por outro lado, a presença do edifício no sentido da Avenida de Agricultor é minimizado, tornando a permeabilidade visual das áreas desportivas mais fácil. Ambas as coisas, intencionalmente tensionam o caráter aberto e acolhedor do centro desportivo como um lugar que incentiva a interação social e um senso de comunidade. Um desejo de alcançar a sustentabilidade social da intervenção é aqui evidente.

© José Hevia
© José Hevia

O café-bar, revestido inteiramente por uma variedade de vidro, é o único elemento que distingue-se do resto do edifício. Soluções tecnicamente simples, mas características e com forte impacto resolvem o edifício. Um exemplo disto é o cantilever intrigante. Ele realiza com sucesso a proteção do sol e da chuva. Empoleirado no topo dos vestiários, a fim de ser visto como um pavilhão leve temporário, o café-bar funciona como um elemento ruidoso com o intuito de prender a atenção dos transeuntes.

Planta
Planta

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Vicente Salvador Arquitecto
Escritório
Ignacio Vidal Arquitecto
Escritório
Cita: "Centro de Esportes Vallpala / Vicente Salvador Arquitecto + Ignacio Vidal Arquitecto" [Vallpala Sports Centre / Vicente Salvador Arquitecto + Ignacio Vidal Arquitecto] 27 Fev 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Alves, Jorge) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/99837/centro-de-esportes-vallpala-slash-vicente-salvador-arquitecto-plus-ignacio-vidal-arquitecto> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.