O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Aprendizagem
  4. Espanha
  5. Aires Mateus
  6. 2010
  7. Museu Parque De Los Cuentos No Antigo Convento De La Trinidad / Aires Mateus + Estudio Acta

Remodelaçao

Apresentado por the MINI Clubman

Museu Parque De Los Cuentos No Antigo Convento De La Trinidad / Aires Mateus + Estudio Acta

Museu Parque De Los Cuentos No Antigo Convento De La Trinidad / Aires Mateus + Estudio Acta
© Aires Mateus + Estudio Acta
© Aires Mateus + Estudio Acta

O futuro Parque de los Cuentos pretende ser um referente sobre o mundo da tradição oral e literatura infantil. Os grandes vazios criados na parcela do Convento são vistos acentuados na proposta que propõe a limpeza dos elementos sem valor adicionados no entorno, pretendendo com isto realizar a presença imponente do Convento frente ao que o rodeia e fixar a atenção do visitante em seu grande volume.

Mais imagens na continuação.

© Aires Mateus + Estudio Acta
© Aires Mateus + Estudio Acta

A cidade de Málaga deve possuir um papel ativo dentro da importância de um edifício e de uma atuação como esta. Devemos, portanto, tentar ao menos, fazer cidade enquanto fazemos arquitetura e museografia. VAZIO, mistério, que se produz no novo vestíbulo de acesso, com um passo intermédio ao assombro, à SURPRESA de entrar no coração do grande claustro original desde as ruas adjacentes. O visitante deverá se preencher de EMOÇÕES e vivências de todo tipo ao longo de seu percurso pelo Parque, mais que se relacionar com um determinado e prolixo conteúdo expositivo.

© Aires Mateus + Estudio Acta
© Aires Mateus + Estudio Acta

Dada a forte presença do antigo Convento, a proposta tenta CRIAR UM VALOR ainda maior, se possível, as velhas paredes e seus grandes volumes acentuados pela posição altiva que ocupa um patamar elevado entre quatro e oito metros sobre as ruas circundantes. E que não compete com o Bem existente, mas trata de o complementar mediante uma série de volumes soterrados, cheios de luz, que servem para alojar aqueles usos primordiais do volume principal e que não deveriam ser alojados nele (serviços, gestão, manutenção, estacionamentos).

© Aires Mateus + Estudio Acta
© Aires Mateus + Estudio Acta

Uma nova rua coberta e iluminada atravessa o lote de Norte a Sul, conectando, aproximando e integrando de maneira íntima a cidade ao Parque através dos novos volumes enterrados, que vão atuar como FILTRO, não somente climático, como também sensitivo sobre o visitante do complexo. Eles nos permite liberar quase todo o terreno para converte-lo num grande Parque ao ar livre e criar usos e atividades que aproveitem o magnífico clima da cidade de Málaga. O novo vestíbulo principal (coração do novo complexo) e as quatro salas adjacentes que o rodeiam, não são nada além de ECOS do claustro original (coração do antigo convento) e de suas quatro galerias perimetrais.

© Aires Mateus + Estudio Acta
© Aires Mateus + Estudio Acta

Quatro são também as principais tarefas arquitetônicas: pesquisar, criar, representar e construir. Como quatro são as principais atividades que se propõe em relação com a PALAVRA: escutar, ler, contar e criar. E, definitivamente, quatro deveriam ser os objetivos deste Parque de los Cuentos: provocar, motivar, suscitar e induzir o desejo à leitura. Propomos uma arquitetura massiva, que nos proporcione abrigo e proteção, isto é: que tenha um caráter intemporal; que não pretenda entrar em conflito com a arquitetura histórica do Convento, mas que contribua ao diálogo frutífero entre ambos; que não crie armadilhas urbanísticas no seu desenvolvimento posterior. Propomos também seções e espaços atrativos e adequados na ESCALA das crianças, verdadeiras protagonistas do Parque, sem cair em tentações próximas de um parque temático.

  • Arquitetos

    Manuel Aires Mateus, Francisco Aires Mateus, F. Javier López Rivera, Ramón Pico Valimaña
  • Localização

    La Trinidad, Málaga, Espanha
  • Equipe de Projeto

    Neus Beneyto, Carlos Martinez, André Passos, Ivan Lemma, Horie Kohsuke
  • Chefe de Projeto

    Jorge P. Silva
  • Instalações

    Afa Consult, Insur Jg
  • Estruturas

    Duarte y Asociados
  • Fotografias

  • Topógrafos

    Fernando Casquero Lacort, Jose Antonio López Gutiérrez
  • Área

    11.652,79 m2
  • Ano de Projeto

    2010
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: Castro, Fernanda. "Museu Parque De Los Cuentos No Antigo Convento De La Trinidad / Aires Mateus + Estudio Acta" [Museo Parque De Los Cuentos En El Antiguo Convento De La Trinidad / Aires Mateus + Estudio Acta] 28 Jan 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Alves, Jorge) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/93909/museu-parque-de-los-cuentos-no-antigo-convento-de-la-trinidad-slash-aires-mateus-plus-estudio-acta> ISSN 0719-8906