O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Comunitário
  4. Estados Unidos
  5. Bjarke Ingels Group
  6. 2012
  7. Phoenix Observation Tower / BIG

Phoenix Observation Tower / BIG

Phoenix Observation Tower / BIG
Phoenix Observation Tower / BIG, Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

Cortesia de  BIG Architects Cortesia de  BIG Architects Cortesia de  BIG Architects Cortesia de  BIG Architects + 29

  • Arquitetos

    BIG
  • Localização

    Phoenix, AZ, EUA
  • Arquitetos Responsáveis

    Bjarke Ingels e Thomas Christoffersen
  • Líder do Projeto

    Iannis Kandyliaris
  • Equipe

    Thomas Fagan, Aaron Hales, Ola Hariri, Dennis Harvey, Beat Schenk
  • Colaboradores

    MKA (estrutural), Atelier10 (sustentabilidade), Gensler (arquiteto local), TenEyck (paisagismo)
  • Cliente

    Novawest
  • Área

    6500 m²
  • Ano do projeto

    2012
Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

Localizado no centro de Phoenix, a Torre de Observação de 6500 m² deve acrescentar uma estrutura significante no skyline da cidade, a partir da qual pode-se apreciar as vistas espetaculares das cadeias de montanhas que abraçam a cidade e os dramáticos pôr do sol. Os empreendedores locais de Phoenix, Novawest, convidaram a equipe para criar um evento de destino para dar aos turistas e moradores da cidade a chance de apreciar as características únicas do Vale do Sol.

Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

"Esse é o local certo e a hora certa para um projeto assinado por grandes arquitetos para o centro de Phoenix, e nós sabíamos que o projeto teria de ser algo extraordinário. BIG tem produzido algo excepcional, unindo forma e função de uma maneira que irá transformar o skyline da cidade para sempre e dará aos visitantes uma experiência única na vida." Brian Stowell, Novawest.

Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

A futura Torre de Observação foi concebida como um alto núcleo de concreto armado com uma esfera espiral aberta no topo, assemelhando-se a um alfinete metafórico, marcando firmemente um lugar no mapa. A esfera espiralante abriga exibições flexíveis, comércio e espaços de recreação que podem ser acessados através de três elevadores panorâmicos que conectam a base com o topo, oferecendo belas vistas da cidade e os programas da torre a medida que os visitantes sobem ou descem.

Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

Andando em direção ao térreo desde o topo através de uma promenade espiral contínua, os visitantes da torre de observação experimentam todos os programas do edifício em um movimento constante, enquanto desfrutam de vistas dinâmicas de 360° da cidade de Phoenix e a paisagem do Arizona.

Corte Perspectivado
Corte Perspectivado

“Como os monções, as tempestades de areia e as montanhas da paisagem circundante do Arizona, o 'Pin' se converte em um ponto de referência e o mecanismo de transformar a paisagem em movimento através do próprio movimento do espectador. Assim como o Museu Guggenheim de Nova York proporciona aos visitantes uma experiência única em arte descendo em torno do seu vão central, o movimento no 'Pin' é invertido, permitindo visitantes contemplar o entorno da cidade e as paisagens de Phoenix. Como um corpo celestial pairando por sobre a cidade, o 'Pin' permitirá aos visitantes descerem de um polo a outro em uma experiência dinâmica em três dimensões aparentemente suspensa no ar" Bjarke Ingels, Sócio Fundador, BIG.

Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

O layout espiral combina os diferentes elementos programáticos e a circulação em um espaço rodopiante contínuo e dinâmico que é proporcionado de acordo com o movimento dos visitantes, produzindo uma experiência única das vistas do entorno. Ao invés de uma largura constante, o passeio em espiral começa em zero no ponto de chegada, alcança o comprimento máximo no meio, e encolhe novamente a zero no ponto de partida.

Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

A separação dos diferentes elementos programáticos dentro da espera acontecem não através de barreiras físicas como paredes verticais, mas suavemente ao longo da inclinação da rampa e as diferenças nas alturas para preservar uma continuidade total e criar um espaço flexível para exibições e eventos.

Cortesia de  BIG Architects
Cortesia de BIG Architects

Uma vez que os visitantes alcançam o meio da esfera, podem escolher concluir a jornada tomando o elevador de volta ao início, ou continuar aos andares de restaurante na parte mais baixa da esfera. O movimento se assemelha a uma jornada pelo centro de um planeta, e uma viagem do polo norte ao polo sul.

Diagrama
Diagrama

A base da torre servirá como uma praça pública oferecendo sombra, elementos com água e algumas lojas comerciais junto à uma área subterrânea para filas. A torre servirá como um modelo de práticas de energia sustentáveis, incorporando uma mistura de energia solar e outras tecnologias.

Ver a galeria completa

Localização do Projeto

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
BIG
Escritório
Cita: Saieh, Nico. "Phoenix Observation Tower / BIG" [Phoenix Observation Tower / BIG] 09 Jan 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Britto, Fernanda) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/90326/phoenix-observation-tower-slash-big> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.