O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Concursos
  3. Centro Cívico Municipal de Boecillo / José Manuel M. Rodríguez, Inés E. Conesa, Fernando N. Fernández

Centro Cívico Municipal de Boecillo / José Manuel M. Rodríguez, Inés E. Conesa, Fernando N. Fernández

Centro Cívico Municipal de Boecillo / José Manuel M. Rodríguez, Inés E. Conesa, Fernando N. Fernández
Centro Cívico Municipal de Boecillo / José Manuel M. Rodríguez, Inés E. Conesa, Fernando N. Fernández, © Pedro Iván Ramos Martín
© Pedro Iván Ramos Martín

 

Trata-se de um lote com fachada em duas ruas, situada em um complexo de casas isoladas e muros mediadores de edifícios industriais com diferentes alturas e inclinações de cobertura, que conformam uma paisagem próxima desordenada e caótica. Dada à bagunça volumétrica do conjunto, surge uma peça abstrata e, portanto neutra, como mecanismo de projeto e adaptação ao ambiente, dotando esta situação de uma qualidade específica que combine elementos arquitetônicos de caráter diversos.

Implantação

Busca-se a integração do edifício dentro da parcela urbana melhorando a espacialidade interior, dadas as condições do lote e sua incapacidade para gerar vistas do ambiente, criando um lugar de encontro, de relação e de troca cultural em seu mais amplo sentido.

© Pedro Iván Ramos Martín

Desde a Plaza Mayor do povo chegamos ao edifício através de um pátio exterior de acesso, um grande átrio aberto como um vestíbulo ou refúgio urbano. Do mais público ao mais privado, pretende-se uma sequência de espaços exteriores-interiores, abertos-fechado, cobertos-descobertos, cheios-vazios, público-privados.

© Pedro Iván Ramos Martín

Do pátio exterior coberto, aberto, vazio, público – perfuração horizontal do volume – até um pátio exterior descoberto, aberto, vazio, privado – perfuração vertical do volume -. Um trajeto ou passeio urbano que continua no interior do edifício com um grande átrio ou rua interna que enfatiza o caráter do edifício público favorecendo a transição entre as duas ruas.

© Pedro Iván Ramos Martín

Conceitualmente trata-se de um volume compacto, recortado e perfurado vertical e horizontalmente. Um volume espesso, que potencializa a direcionalidade, se perfura para enfatizar sua espessura e se recorta qualificando seu caráter abstrato.

© Pedro Iván Ramos Martín

A proposta pretende conseguir o máximo de aproveitamento da superfície edificável utilizando o extenso programa exigido – Assembleia Municipal, biblioteca infantil e de adultos, administração, sala de exposições, salas de aula, arquivo municipal – para criar um edifício que funcione como um condensador sociocultural para o povo. Um complexo destinado à cultura que aglutine um amplo e variado setor de público.

© Pedro Iván Ramos Martín

O tratamento desse envelope favorece a economia de energia, tentando fazer o melhor uso possível da temperatura exterior  para o benefício de conforto interior. Ao desenvolver-se o edifício em profundidade reduz-se as perdas de calor, introduzindo a iluminação natural através de pátios internos, como os jardins elevados criados, que permitem habitar o exterior dentro do interior.

© Pedro Iván Ramos Martín

O pátio de acesso localizado na fachada principal tem uma cobertura exterior através da qual os ventos dominantes na direção Leste-Oeste transportam ar fresco ao pátio adjacente afundado, refrescando o ambiente mediante a geração de uma corrente de ar. Por sua vez, a fachada oeste do pátio dispõe de uma segunda pele ou grade separada da fachada de vidro, evitando a incidência solar direta e permitindo assim a renovação do ar.

© Pedro Iván Ramos Martín

A utilização do bloco de tijolo nas paredes exteriores proporciona uma maior inércia térmica geral, e o revestimento externo dos painéis de cimento- madeira gera uma câmara de ar ventilada através de um material de grande resistência e elevada durabilidade, que por sua vez cumpre com as mais estritas normas ambientais.

© Pedro Iván Ramos Martín

PRÊMIOS DA OBRA CONSTRUIDA
- Selecionado para exposição `De Arquitectos. Concursos´ no Museu de Arte Contemporâneo Patio Herreriano de Valladolid.
- Prêmio em VIII Premio de Arquitectura de Castilla y León. Categoria `Otros Edificios de Nueva Planta´.
- Finalista em Premios Enor 2011. Obra candidata ao Gran Premio Enor 2011.
- Obra Selecionada em Concurso Experiencia/Futuros. Premio `Mi Obra Favorita´ (Categoria Experiência). Consejo Superior de los Colegios de Arquitectos de España.

 

Ficha técnica:

  • Arquitetos:José Manuel Martínez Rodríguez, Inés Escudero Conesa, Fernando Nieto Fernández
  • Ano: 2008
  • Área construída: 2324 m²
  • Endereço: C/ Germán Gamazo y Calvo, 22, 47151 Boecillo Valladolid Espanha
  • Tipo de projeto: Institucional
  • Operação projetual:Projeto
  • Status:Construído
  • Materialidade: Madeira e Vidro
  • Estrutura: Concreto e Aço
  • Localização: C/ Germán Gamazo y Calvo, 22, 47151 Boecillo, Valladolid, Espanha
  • Implantação no terreno: Isolado

Equipe:

  1. Arquitetos: José Manuel Martínez Rodríguez, Inés Escudero Conesa, Fernando Nieto Fernández

Informação Complementar:

  1. Colaboradores: Rafael Sanz Bayón (Arquitecto Técnico), José Luis Carriedo Tardáguila (Estruturas), DGI Proyectos (Instalações)

 

  1. Promotor: Ayuntamiento de Boecillo (Valladolid)
  2. Orçamento: 1.990.482,33 Euros
  3. Financiamento: Ayuntamiento de Boecillo / Diputación de Valladolid / Junta de Castilla y León

 

Sobre este autor
Paula Garcia Monteiro
Autor
Cita: Paula Garcia Monteiro. "Centro Cívico Municipal de Boecillo / José Manuel M. Rodríguez, Inés E. Conesa, Fernando N. Fernández" 25 Jul 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/61006/centro-civico-municipal-de-boecillo-jose-manuel-m-rodriguez-ines-e-conesa-fernando-n-fernandez> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.