O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casa Cien / Pezo von Ellrichshausen

Casa Cien / Pezo von Ellrichshausen

Casa Cien / Pezo von Ellrichshausen
Casa Cien / Pezo von Ellrichshausen, © Cristóbal Palma
© Cristóbal Palma

© Cristóbal Palma

A partir da quantidade de terraços do caminho que sobe a colina, a altura de um velho cipreste que recorda os descritos de Pater, até a precisa cota que assenta o pódio a um número inteiro sobre o nível do mar, serviriam como coincidências decisivas para explicar o formato de sua silhueta. Mas os motivos que modela uma casa são sempre outros, sempre os mesmos.

Axonometria
© Cristóbal Palma

Dentro de dois formatos unificados, o de uma planta extensa e outra concentrada, é disposta doze vezes a mesma unidade: uma figura quadrada dividida assimetricamente em quatro peças. Às vezes central, às vezes lateral e em outras diagonal, cada unidade mantém uma relação diferente entre as peças. Eventualmente, as peças que estão abaixo lidam com o trabalho pesado da oficina.

© Cristóbal Palma

As peças de cima com suas rotinas quase imateriais do ofício diário, sempre idealizam construções a partir do ar para mais tarde as fabricarem em outro lugar. Entre estes dois mundos factuais resta reservada a vida doméstica, por sua vez regrada por um grande salão diurno e um par de peças empilhadas para a noite. O nível do salão se estende até o oeste. Ao manter os lintéis num único horizonte, a sequencia progressiva de enquadramentos torna relativa sua profundidade. Entrar ao salão equivale a submergir baixo à plataforma de número inteiro.

© Cristóbal Palma
© Cristóbal Palma

Contra um espelho que mostra no interior o que restou do outro lado da rua, se chega ao estúdio. Entrar à torre é uma forma de cegueira. Aqui o cipreste convertido em pranchas fica travado numa espiral contínua que, com uma melancolia cinzenta, devolve pouco a pouco a vista com o subir nos níveis do prédio.

© Cristóbal Palma

A construção é um sedimento regular e monolítico de concreto exposto. Somente uma leve mudança no filtro diferencia o grão entre o pódio e a torre. Por dentro, todas as paredes estão cobertas por panos pintados, quase sem espessuras e apenas descobertos pelas estruturas de aço galvanizado que sustentam as janelas.

Corte construtivo

Confira o o set completo de fotografias desta obra no site do fotógrafo Cristobal Palma e siga seu trabalho no twitter @EstudioPalma ou no facebook Cristobal Palma Photography. Veja mais obras fotografadas por Cristóbal em ArchDaily Brasil.

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Pezo von Ellrichshausen
  • Ano: 2009
  • Área construída: 430 m²
  • Área do terreno: 530 m²
  • Endereço: Calle Nongue nº 776, Cerro Lo Pequén Concepción Chile
  • Tipo de projeto: Habitacional
  • Status:Construído
  • Materialidade: Concreto e Madeira
  • Estrutura: Concreto
  • Localização: Calle Nongue nº 776, Cerro Lo Pequén, Concepción, Chile
  • Implantação no terreno: Isolado

Equipe:

  1.  Arquitetos: Pezo von Ellrichshausen – Mauricio Pezo, Sofía von Ellrichshausen
  2. Colaboradores: Bernhard Maurer, Eleonora Bassi, Valeria Farfan, Michael Godden
  3. Engenharia Estrutural: Patricio Bonelli
  4. Construção: Ricardo Ballesta
  5. Instalação sanitária: Marcelo Valenzuela
  6. Instalação elétrica: Jaime Tatter
  7. Sistema construtivo: Concreto armado
  8. Acabamentos exterior: Árido visto, carpintaria de aço galvanizado
  9. Acabamentos interiores: concreto e pintura, painéis de eucaliptus e chapas polidas
  10. Fotos dos modelos: Ana Crovetto
  11. Fotografias da obra: Cristóbal Palma

 

  1. Ano de construção: 2009-2011
  2. Cliente: Pezo von Ellrichshausen Ltda

Cita: Vitor Delaqua. "Casa Cien / Pezo von Ellrichshausen" 25 Jun 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/55942/casa-cien-pezo-von-ellrichshausen> ISSN 0719-8906