O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. General Manifold / Spatial Ops

General Manifold / Spatial Ops

General Manifold / Spatial Ops
General Manifold / Spatial Ops, © Spatial Ops
© Spatial Ops

General Manifold é um ambiente imersivo de arquitetura instalado no, abandonado, complexo fabril Federal Screw Works, em Chelsea, Michigan. Esta instalação foi a peça central de uma exposição coletiva organizada pela colaboração arquitetônica do Spatial Ops e estudantes da pesquisa Meta Friche da Taubman College of Architecture and Urban Planning.

© Peter Smith Photography

General Manifold reage ao contexto abandonado da antiga indústria, proporcionando um momento de surpresa e pontuação para o evento. Um vazio misterioso de coloração magenta é esculpido a partir do sólido percebido da área central de trabalho da fábrica, gerando um espaço de complexa geometria, contraste cromático e distorção óptica. Uma série de cortes precisos nas pirâmides truncadas siamesas produz um efeito de inversão de perspectiva, fazendo com que o visitante questione sua profundidade, dimensão e a escala do ambiente.

© Spatial Ops

Dentro da General Manifold, o visitante encontra 6 canais de “paisagem sonora” que consistem em sons industriais sincopados espacialmente localizados em camadas sobre leituras de textos seminais de ruínas dos séculos XVIII e XIX (John Ruskin, Viollet le Duc, Bernadin de St. Pierre, Denis Diderot).

© Spatial Ops

Após experenciar o interior e explorar as outras áreas da fábrica, o visitante é guiado ao exterior do pavilhão inserido e permitido a ver o espaço transformado de dentro para fora, uma oportunidade inesperada de habitar.

© Peter Smith Photography

O projeto foi produzido com o apoio da Taubman College of Architecture and Urban Planning e do Center for Research on Learning and Teaching at the University of Michigan, juntamente com Magellan Properties.

© Spatial Ops

RUÍNA: A fascinação contemporânea com representações da “decadência” é frequentemente denegrida como ruína pornográfica, um apelido significativo que explicita um caráter de exploração e abstração cenográfica. Na ótica coletiva, oscilando entre o fetichismo e o lamento, ubiquidade e monumentalidade, engajamento e distanciamento, um estado de ser e desfazer, a ruína ressurgiu como um local de apropriação simbólica, a exploração quimérica, a contestação material, um desejo fabricado. Bem-vindos à Federal Screw Works.

© Spatial Ops

Federal Screw é uma instalação que propõe uma forma alternativa de leitura para a ruína pornográfica. Pode o autorreflexo do entusiasmo com a ruína ajudar esta transformação; pode a recriação pluralista da ruína ajudar a especular sobre futuros alternativos para um local abandonado? Em consideração a estas questões, Federal Screw encena um evento e uma exploração coletiva, um primeiro passo dum master plan para uma Chelsea Commom.

© Spatial Ops

SOBRE A FEDERAL SCREW: The Chelsea Screw Works foi fundada em 1913, e incorporada à Federal Screw Works em 1928. A fábrica empregava mais de 250 pessoas. Na época de seu fechamento restavam apenas 37 funcionários.
GRAND FINALE: O complexo da Federal Screw Works está previsto para demolição. A instalação General Manifold permanecerá no local até que o edifício seja demolido, junto da inserção.

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Spatial Ops
  • Ano: 2012
  • Endereço: Complexo Fabril Federal Screw Works, Chelsea, Michigan Estados Unidos da América
  • Tipo de projeto: Instalação
  • Status:Construído
  • Localização: Complexo Fabril Federal Screw Works, , Chelsea, Michigan, Estados Unidos da América

Equipe:

  1. Arquitetos: Spatial Ops
  2. Equipe de Projeto: Steven Christensen, Jean Louis Farges, Anya Sirota (leads), Virginia Black, Melissa Bonfil, James Chesnut, Peyton Coles, Nathan Doud, Joey Filippelli, Bruce Findling, Brittany Gacsy, Jeeeun Ham, Kyung Jin Hong, Jennifer Komorowski, Jordan Johnson, Brian Muscat, Chris Reznich, Michael Sanderson, Ash Thomas, Catherine Truong
  1. Escala: 700 s.f. inserido num 80,000 s.f.

Sobre este escritório
Spatial Ops
Escritório
Cita: Victor Delaqua. "General Manifold / Spatial Ops" 25 Mai 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/50421/general-manifold-spatial-ops> ISSN 0719-8906