O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. La Grande Motte / N+B Architectes

La Grande Motte / N+B Architectes

La Grande Motte / N+B Architectes
La Grande Motte / N+B Architectes, © Paul Kolowski
© Paul Kolowski

A cidade de La Grande Motte, situada no limite do Mar Mediterrâneo, é beneficiada por um clima agradável e ameno. O projeto de construção dos novos escritórios para os serviços técnicos da cidade é localizado em um terreno densamente florestado. É um ambiente notável graças aos elementos naturais de seu entorno. Logo, o projeto declara um grande respeito às características naturais presentes, oferecendo uma nova imagem determinadamente contemporânea.

© Paul Kolowski

O projeto arquitetônico e paisagístico apresenta uma forte unidade, decorrente das qualidades do local com o intuito de compor espaços no qual a virtude ambiental será um vetor de desenvolvimento. O conceito arquitetônico está profundamente conectado ao aspecto necessário para um programa, bem como à paisagem existente.

© Paul Kolowski

Foi essencial responder a este problema vigorosamente. Nossa vontade é dupla: pensar em um projeto funcional e estabelecer um lugar de vivência em acordo com as condições climáticas do Mediterrâneo. Isto deve acontecer da forma mais simples possível, com humildade e eficiência. Portanto, propusemos volumes puros para todo o edifício, com linhas sóbrias para afirmar sua inserção no local.

© Paul Kolowski

Uma atenção particular é dada, então, à inserção do edifício no terreno. Esta é concebida como uma linha topográfica, desenhada por um único material (madeira), agregando uma unidade espacial, mas também visual. É sob esta linha estabelecida na paisagem por uma cobertura plana em que as entidade do programa se abrigam. Foi pensada para enfatizar a paisagem do entorno enquanto identifica e protege espaços externos exploráveis.

© Paul Kolowski

Concebidos em continuidade com as massas vegetais dos arredores, estes limites diminuem a incidência do novo edifício na paisagem e criam um filtro visual e sonoro, protegendo os espaços de trabalho das perturbações externas. Logo, a edificação consiste em uma dobra, constituindo duas paredes laterais de forma homogênea. O projeto propõe um interesse na retirada das fachadas de vidro e na implementação de coberturas de madeira que conectam as entidades mais altas e mais baixas da dobra.

© Paul Kolowski

Este dispositivo cria uma fachada espessa que protege do sol e permite uma conexão direta entre interior e exterior graças às amplas aberturas. Isso possibilita ainda uma continuidade espacial e visual, respondendo às restrições climáticas mediterrâneas. O projeto é totalmente construído em madeira, uma escolha ambiental que fizemos através do trabalho com as essências locais como pinheiros, mas também de forma a assegurar a simplicidade técnica, construtiva e funcional.

© Paul Kolowski

Estamos conscientes de que neste local, no coração de uma área arborizada, mas também em uma zona urbana, a velha noção de perpetuidade é uma causa real da construção. A reflexão que gostaríamos de despertar é de ordem qualitativa. Respondemos a isto através da implementação de materiais duráveis, da concepção adaptada do edifício e seus arranjos, permitindo uma diminuição nos custos de manutenção para o proprietário e seus usuários, bem como através da potencialidade oferecida para o novo edifício em se adaptar às necessidades de qualidade ambiental.

© Paul Kolowski

Pensar em um desenvolvimento sustentável requer a consideração natural da qualidade dos materiais, trabalhar de forma técnica os usos energéticos e ainda estabelecer um espaço lógico. Foi neste sentido que realizamos este projeto. A intervenção que propomos restaura a coerência e a função para as unidades do local graças ao novo cenário espacial e ao desenvolvimento da herança existente.

Planta
Corte

Ficha técnica:

Equipe:

  1. Coordenador de projeto: Representative
  2. Arquiteto associado: Julien Wafflart

Informação Complementar:

  1. Cliente: Cidade de La Grande Motte

 

  1. Custo: 835 milhões de euros

Sobre este escritório
Cita: Fernanda Britto. "La Grande Motte / N+B Architectes" 03 Mai 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/46723/la-grande-motte-n-mais-b-architectes> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.