O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Universidade Ewha Womans / Dominique Perrault Architecture

Universidade Ewha Womans / Dominique Perrault Architecture

Universidade Ewha Womans / Dominique Perrault Architecture
Universidade Ewha Womans / Dominique Perrault Architecture, © André Morin / DPA / Adagp
© André Morin / DPA / Adagp

A complexidade do local imediato através de sua relação com o maior campus e com a cidade de Shinchon, para o sul, exige uma resposta “maior do que o local”, uma resposta urbana, uma solução paisagística global que se entrelaça juntamente com o campus de EWHA e com a cidade. Este Gesto, o “campus vale”, na combinação com a “faixa de esportes”, criam uma nova topografia que afeta a paisagem circundante, em diversos modos.

© André Morin / DPA / Adagp

A Faixa de Esportes, como o Vale, é muitas coisas ao mesmo tempo. É uma nova parte da entrada para o campus EWHA, um lugar para atividades esportivas diárias, um espaço para os festivais especiais anuais, e celebrações, e uma área que realmente cria um laço entre a universidade e a cidade. E o mais importante, é um lugar para todos, animado durante todo o ano.

© André Morin / DPA / Adagp

Como um letreiro horizontal, a faixa de esportes apresenta a vida da universidade para os habitantes de Shinchon, e vice-versa. Uma vez que atravessa a faixa de esportes, o movimento de pedestres e o fluxo através do espaço são celebrados. Uma nova “Champs Elysées” convida o público para o local junto de estudantes e visitantes através do eixo centro-norte do campus, reunindo diferentes níveis no terreno.

Planta pavimento térreo

A natureza pastoral do campus é talvez a sua qualidade mais notável. Deve ser permitido crescer para fora, ou para dentro, neste caso, que cobre o centro do campus, com árvores, flores e gramados. O parque é redesenhado. Um idílico jardim é o resultado, criando um lugar especial para a coleta, realização de aulas informais e simplesmente relaxar. A noção de tecer um campus é novamente evidente, evidenciando a distinção entre o velho e o novo, construção e paisagem, presente e passado.

© André Morin / DPA / Adagp
© André Morin / DPA / Adagp

“Les Champs Elysées”

Novas fatias de costura através da topografia revelam o interior do centro do campus EWHA. Uma fenda é formada, um espaço híbrido, em que a variedade de atividades pode se desdobrar. É uma avenida, que desce suavemente, controlando o fluxo do tráfico, levando a uma escada monumental que conduz os visitantes para cima, recordando Les Champs Elysées ou o Campidiglio em Roma.

© André Morin / DPA / Adagp
  • • Uma entrada, na qual o acesso aos vários departamentos existe;
  • • Um nó, um ponto, em uma trajetória para outro destino;
  • • Um fórum para a troca de ideias. Onde os estudantes se reúnem depois da aula para discutir suas opiniões;
  • • A praça, com a cafeteria derramando-se e criando um verdadeiro “lugar”  para parar e relaxar;
  • • Um teatro ao ar livre, uma vez que a escada pode ser utilizada como um anfiteatro como de hábito;
  • • Um jardim de escultura, onde os eventos da galeria interna podem expandir-se para áreas externas.
© André Morin / DPA / Adagp

É precisamente essa flexibilidade (conceitual e real) que permite que o Novo Campus EWHA, inevitavelmente, tece-se na paisagem, ora como edifício, ora como paisagem e outra como escultura.

Corte pelas escadas e planta

Ficha técnica:

Equipe:

  1. Arquitetos: Dominique Perrault Architecture
  2. Parceiros: Baum Architects, Seoul
  3. Engenharia: Perrault Projets, Paris (Engenharia Arquitetônica); VP&Green Ingenerie, Paris (Engenheiros Estruturais); HL-PP Consult, Munich (Serviços de Obra); Jean-Paul Lamoureux, Paris (Acústica), Rache-Willms, Aix-la-Chapelle (Fachadas)
  4. Consultores: Jeon and Lee Partners, Seoul (Engenharia Estrutural), HIMEC, Seoul (Engenheiro Mecânico), CG E&C, Seoul (Engenharia Civil), CnK Associates, Seoul (Paisagismo)
  1. Completo em: 2008

Cita: Vitor Delaqua. "Universidade Ewha Womans / Dominique Perrault Architecture" 02 Mai 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/46323/universidade-ewha-womans-dominique-perrault-architecture> ISSN 0719-8906