Casa Ibiray / Oreggioni Prieto

Casa Ibiray / Oreggioni Prieto

+ 16

Montevidéu, Uruguai
  • Arquitetos: Oreggioni Prieto; Oreggioni Prieto
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área :  172
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano :  2010
  • Fotógrafo
    Fotógrafo :Leonardo Finotti
  • Cliente : Ernesto Ormaechea
  • áreas Detalhadas : Interiores 172 m² / Exteriores 86 m²
  • Custo Da Construção (2009) : 1200 U$S/m² Interiores 600 U$S/m² Exteriores
  • Projeto De Interiores : Sonia Prieto, Fernanda Ríos
  • Projeto De Iluminação : Sonia Prieto, Fernanda Ríos
  • Técnico Sanitário : Jorge Goyres
  • Paisagismo : Julián Gago
  • Estrutura : Schinca Barreto arquitectos
  • Construção : MR construcciones. Arq. responsable Claudio Ritorni
  • Carpintaria : Carmidecor
  • Aquecimento : Losa Radiante Eléctrica Eurocable
  • Ferraria : Juan Grippi
  • Alumínio E Vidros : Murara
  • Equipe De Projeto : Lucho Oreggioni, Sonia Prieto, Fernanda Ríos
  • Cidade : Montevidéu
  • País : Uruguai
Mais informaçõesMenos informações
© Leonardo Finotti

Descrição enviada pela equipe de projeto. A seguir o memorial, escrito pelos arquitetos.

© Leonardo Finotti

O projeto situa-se em "La Isla”, um pequeno trecho com forte identidade no bairro residencial de Punta Carretas (Montevidéu, Uruguai), em que casas tradicionais do início do século XX convivem com outras recentes.

© Leonardo Finotti

A casa foi construída sobre as ruínas de uma residência mantida, com 140 m² de terreno. Conservou-se um rastro da antiga construção com o uso da parede da fachada, de modo a criar uma continuidade com os dois limites. Entretanto a maior parte das paredes internas foram removidas, tirando vantagem da orientação norte que enfrenta a maior dimensão do lote.

© Leonardo Finotti

A fachada configura uma tela de privacidade, resolvida na planta do térreo com o restante da parede original e no andar de cima, com uma camada de vegetação trepadeira caduca, que toma conta de uma malha de arames, gerando um condicionamento mutável de acordo com as estações e uma imagem variável pautada também pelas florações destas plantas.

© Leonardo Finotti

A casa foi pensada como o volume total de uma "atmosfera arquitetonicamente tratada", com os ambientes internos e externos entrelaçados e com boas orientações, permitindo pontos de vista oblíquos. O projeto também articula certas qualidades urbanas tradicionais do bairro, com sua condição de peça contemporânea.

© Leonardo Finotti

As dimensões exíguas do imóvel são mitigadas por meio de espaços contínuos e interconectados em uma certa ambiguidade programática: sala de estar, sala de jantar - cozinha, churrasqueira - garagem, deck e pátios, circulação - escritório, etc.

© Leonardo Finotti

Possui dois dormitórios, escritório e uma sala de jogos. De acordo com as expectativas dos clientes, trabalhou-se a articulação das relações entre os espaços para churrascos, com a cozinha, a sala de estar e a sala de jogos. Ao mesmo tempo, precisava-se tomar cuidado com a privacidade dos dois dormitórios, um em cada nível.

Planta Baixa - Térreo

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa Ibiray / Oreggioni Prieto" [Casa Ibiray / Oreggioni Prieto] 09 Out 2013. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/01-145159/casa-ibiray-slash-oreggioni-prieto> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.