O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Arquitetura Cultural
  4. China
  5. Tongji Architectural Design and Research Institute
  6. 2013
  7. Proposta Vencedora para o Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste / Tongji Architectural Design and Research Institute

Proposta Vencedora para o Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste / Tongji Architectural Design and Research Institute

  • 12:00 - 31 Agosto, 2013
  • por
  • Traduzido por Isabela Costa
Proposta Vencedora para o Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste / Tongji Architectural Design and Research Institute
Proposta Vencedora para o Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste / Tongji Architectural Design and Research Institute, Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Localizado na área central de Kunming Chenggong New C.B.D, o principal desafio para o projeto do Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste era a integração das culturas locais, além de vários programas funcionais, em uma só forma contemporânea porém harmoniosa. Projetado pelos membros da equipe Wang Wensheng, Damian Donze e Sidney Gong da Tongji Architectural Design and Research Institute, a proposta vencedora assume um caminho abstrato para integrar culturas locais. Mais imagens e descrição dos arquitetos a seguir.

Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

O Departamento de Cultura da Província de Yunnan concebeu o Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste como um local de intercâmbio cultural internacional, multifuncional, a fim de aumentar a proteção do patrimônio cultural nacional, para fortalecer as relíquias culturais, e tirar o proveito máximo dos ricos recursos culturais da província de Yunnan, além de aprofundar o intercâmbio cultural e a cooperação com o Sudeste Asiático. O projeto é tem 6 pavimentos e 36m de altura, com uma área de cerca de 35.000 metros quadrados.

Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Na análise preliminar, extraímos dois aspectos principais como foco para a construção. Em primeiro lugar, as diferentes identidades culturais locais, com seus vestidos, danças e canções tradicionais. Em segundo lugar, os terraços de arroz Hani juntamente com a diversidade de plantas subtropicais locais.

Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

O método que se dariam as manifestações de identidade cultural era um quesito importante para nós. Vários casos mostram que um número crescente de novos edifícios culturais tenta imitar prédios tradicionais ou até mesmo objetos. De modo geral, estes novos edifícios construidos sob novos métodos e novos materiais não podem retratar com sucesso os originais. Por isso decidimos abstermo-nos deste método para tomarmos um caminho mais abstrato que é mais apropriado a situação atual.

Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

A área construída do edifício é derivada da área do terreno, enquanto o interior foi dividido em quatro, partes redondas que foram cortadas pelo contorno do edifício. Este diálogo entre o exterior e o interior cria um rico efeito espacial. O contorno de cada segmento aumenta em direção ao topo de forma cônica, até ao ponto onde finalmente intersectam-se. O átrio público resultante é iluminado por uma série de clarabóias que permitem a passagem da luz solar. Embora os quatro segmentos possam funcionar individualmente, eles estão interligados com várias passarelas para garantir a possibilidade de livre circulação em todo o edifício.

Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Para a fachada tentamos implementar as culturas locais de forma abstrata. Ela é composta pela alternância de painéis de metal perfurados e não perfurados que cobrem e protegem o edifício, deixando a luz solar entrar e permitindo que as pessoas vejam o exterior. Em cada um dos acessos, no entanto, a fachada se abre para cima, bem como uma cortina de teatro, e cria as situações de entrada. A fachada funciona como um vestido para a construção e, à sua maneira, tem referência nas minorias locais. Ainda mais à noite, quando os LEDs da fachada criam um jogo colorido, quase como se o prédio estivesse dançando uma dança própria.

Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Kunming apresenta clima ameno durante todo o ano, sendo, portanto, o local ideal para criar um extenso projeto paisagístico. Nosso foco, porém, não ficou restrito ao próprio terreno: demos atenção especial à cobertura. Tomando como referência a natureza subtropical circundante e os terraços Hani, criamos um teto verde. A maior parte do telhado é definida como um pequeno parque e é reservado para os escritórios nos andares superiores. Bem no meio do jardim, no entanto, há um grande anfiteatro externo com 1000 lugares que pode abrigar grandes eventos culturais.

plano diretor. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
plano diretor. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

O subsolo contém o pavimento técnico e um estacionamento subterrâneo com 169 vagas. O primeiro andar do edifício é principalmente aberto ao público e acomoda a cultura nacional e exposições de arte, espaços de proteção do patrimônio e uma lanchonete. A partir daqui, o prédio é dividido em quatro partes: o centro de exposições ao Norte, a academia de arte no Leste, o teatro no Sul e os estúdios de arte no Oeste.

Planta Primeiro Pavimento. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Planta Primeiro Pavimento. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Centro de Exposições:

Cada andar tem diferentes tipos de espaços de exposição para temas como herança, cultura, arte e fotografia. Os dois andares superiores, no entanto, são ocupados por um complexo de cinema que contém um cinema de 100 lugares, um de 70 e quatro cinemas com 56 assentos. Este segmento é acessível através de dois elevadores panorâmicos, bem como as escadas rolantes centrais que estão localizadas entre o segmento de exposição e o segmento de teatro.

Planta Subsolo. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Planta Subsolo. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Academia de Arte:

Os andares mais baixos tem uma escola de arte / centro educacional, enquanto os três andares superiores abrigam escritórios voluntários e acomodações para a referida escola.

Planta Segundo Pavimento. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute
Planta Segundo Pavimento. Imagem cortesia de Tongji Architectural Design and Research Institute

Teatro:

Localizado neste segmento estão: um teatro de médio porte, com 700 lugares, adequado para dramas, danças, sinfonias e outras atividades multifuncionais, um pequeno teatro com 300 lugares, adequado para apresentações teatrais e sessões de cinema, um centro de convenções e um anfiteatro no telhado com 1000 lugares. Para ser capaz de lidar com o grande fluxo de pessoas no início e no final de uma performance, quatro elevadores foram localizados estrategicamente nas duas entradas principais, embora as escadas rolantes estejam alocadas no centro do edifício. Todos as funções dos bastidores, tais como: os camarins, a sala V.I.P., escritórios de administração, estúdios de produção e estúdios de ensaio estão localizados na parte de trás e têm o seu próprio fluxo de circulação.

Estúdios de Arte:

Este segmento contem laboratórios A.V., bem como estúdios de arte. É acessível através de elevador próprio.

  • Arquitetos

  • Localização

    Kunming, China
  • Equipe de Projeto

    Wang Wensheng, Damian Donze, Sidney Gong
  • Área do Terreno

    17,540m2
  • Área Total

    42,005m2
  • FAR

    1.97
  • Footprint

    38.05%
  • Tamanho

    Green Area 9,214m2; Above Ground 34, 500m2; Underground 7,505m2; 1st Floor 7,200m2; 2nd Floor 5,700m2; 3rd Floor 6,000m2; 4th Floor 6,300m2; 5th Floor 6,500m2; 6th Floor 3,200m2
  • Altura Total

    36m
  • Pavimentos

    6 + Underground
  • Vagas

    169
  • Ano

    2013

Ver a galeria completa

Cita: Furuto, Alison. "Proposta Vencedora para o Centro de Arte e Cultura Étnica Internacional do Sudoeste / Tongji Architectural Design and Research Institute" [Southwest International Ethnic Culture and Art Center Winning Proposal / Tongji Architectural Design and Research Institute] 31 Ago 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Costa, Isabela) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/137956/proposta-vencedora-para-o-centro-de-arte-e-cultura-etnica-internacional-do-sudoeste-slash-tongji-architectural-design-and-research-institute> ISSN 0719-8906